O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Edifícios Institucionais
  4. Etiópia
  5. BC Architects
  6. 2013
  7. Proposta Vencedora para a Sede da Câmara de Comércio de Addis Abeba / BC Architects

Proposta Vencedora para a Sede da Câmara de Comércio de Addis Abeba / BC Architects

Proposta Vencedora para a Sede da Câmara de Comércio de Addis Abeba / BC Architects
Proposta Vencedora para a Sede da Câmara de Comércio de Addis Abeba / BC Architects, Cortesia de BC Architects, ABBA architects, e Adey Tadess
Cortesia de BC Architects, ABBA architects, e Adey Tadess

BC Architects, em colaboração com ABBA arquitetos e Adey Tadesse, venceu a concorrência para a sede da Câmara de Comércio de Addis Abeba na Etiópia com a sua abordagem no sentido de um "glocaldesign". Com o objetivo de sensatez envolvendo materiais locais neste edifício de altura média, resultou em um sistema de fachada de pedra local natural, inspirado por um "Netela '(trama têxtil etíope que mostra bem os fios de algodão e que tem um caráter de sombra e transparência). Mais imagens e descrição dos arquitetos a seguir.

Cortesia de BC Architects, ABBA architects, e Adey Tadess
Cortesia de BC Architects, ABBA architects, e Adey Tadess

A criação de potencial urbano - através da arquitetura, e a busca de uma arquitetura e urbanismo glocal, na percepção comum, vem antes da arquitetura: o urbanismo cria potencial, gerando condições para orquestrar os últimos objetos arquitetônicos da cidade. O Urbanismo é uma forma muito generosa de pensar, visto que muito espaço é deixado aberto, enquanto que a arquitetura é uma disciplina mais egoísta, que usa o potencial gerado por outros. Em algumas cidades do sul global que mudam rapidamente porém, o urbanismo não necessariamente acontece antes da arquitetura: ele coincide com o tempo. Neste momento, em Addis Abeba, um arranjo caótico de blocos de construção individuais sobrecarrega espaços coletivos e comuns da cidade, devido a uma cultura de planejamento ausente ou ineficaz. Este, juntamente com outros parâmetros urbanísticos, leva a efeitos tangíveis, tais como passarelas de pedestres inseguras ou ausentes, a falta de parques e praças acessíveis e pequenos furtos e violência em espaços públicos indefinidos.

Fachada Norte
Fachada Norte

Um segundo fato relevante na formação da cidade através dos edifícios de escala considerável, consiste no desejo de arquitetos locais em importar um estilo internacional de edifícios modernistas globais, negligenciando as tradições locais, materiais e identidade na arquitetura etíope. Este estilo importado tenta se conectar com a realidade financeira, que é cada vez mais global, mas - com suas fachadas de vidro e ar condicionados - é também muitas vezes climatologicamente impróprio para o forte sol da tarde em Addis Abeba.

Fachada Sul
Fachada Sul

Com o concurso de arquitetura para o edifício da sede da Câmara de Comércio e Associações Setoriais, tomamos esses dois fatos como ponto de partida. Sendo inspirados e em cooperação com uma nova geração de arquitetos etíopes, consideramos nosso dever comum a respeitar a identidade local e da metrópole emergente: nosso projeto visa criar potencial - como fazem os urbanistas - através da arquitetura, ao tentar estabelecer uma arquitetura glocal.

Fachada Oeste
Fachada Oeste

Nosso objetivo é criar potencial dentro e fora do edifício, atuando tanto como um urbanista ou como um arquiteto, através da relação do edifício com a envolvente urbana, e através da organização interna das funções. Ao mesmo tempo, pretendemos gerar uma linguagem arquitetônica que atenda às necessidades de uma comunidade empresarial internacional, estando em linha com os materiais e identidade locais. Além de utilizar materiais locais, o projeto também se refere ao "Netela", um tecido têxtil etíope, que tão bem mostra os fios de algodão e tem um caráter de sombra e transparência.

Corte
Corte

Quando Le Corbusier concebeu a Cidade Radiante, o conceito de pódio e torre veio à existência. Originalmente, Le Corbusier pensou no pódio como um espaço público para pedestres elevado e em todo o mundo, os planejadores urbanos e formuladores de políticas seguiram essa visão em renovar totalmente novas partes da cidade (Argel, Marselha, Bruxelas, ...), ou até mesmo iniciar novas cidades (Brasília, Ancara , ...). Em nenhuma parte, porém, tem o pódio cumprindo a sua função original, como um espaço para os pedestres. Em vez disso, o pódio modernista instalou uma distância hierárquica entre torre e rua, criando uma sensação de inacessibilidade para moradores de rua.

Diagrama do Sistema da Fachada
Diagrama do Sistema da Fachada

No contexto de Addis Abeba, devemos tentar repensar essa pódio criticamente para servir os espaços sociais específicos das ruas etíopes e comércio. Em nossa proposta de projeto, trazemos o pódio até o espaço público onde as reuniões informais, redes e toda a vibração ocorre. Na verdade, o termo pódio estende seu significado para a cena urbana, onde os atores de negócios que entram e saem, encenam. E seu palco é acessível.

diagrama 01
diagrama 01

No contexto de Addis Abeba, a rua é o principal espaço público que responde às necessidades de interação dentro das comunidades. É o lugar onde os ricos, a classe média e os pobres se encontram em uma complexa interação de pessoas, comércio, histórias e bens. Ainda hoje, as estradas nos bairros "não são apenas caminhos ou vias de comunicação. São lugares bastante vibrantes de múltiplas tarefas. Atividades domésticas e negócios ampliam e fluem para as ruas. {...} Além disso, as ruas são um espaço social de interação. "(Dr. Elias Yitbarak em 'O que é Zemenawinet?') Nesta função das ruas de Addis Abeba, vemos potencial para ser criado. Fazemos isso tanto no exterior e no interior do edifício proposto.

diagrama 02
diagrama 02

Em primeiro lugar, do lado de fora, o canteiro de obras é definido por três ruas, e a construção devolve o espaço público valioso que facilita o comércio, o encontro social e de troca, na forma de três tipologias urbanas: o parque urbano, a praça urbana e as escadarias urbanas. Em segundo lugar, no interior, o edifício é definido pela grande rampa, que flui a partir da praça urbana para dentro do prédio e circula em torno do espaço de destaque. As boas características da rua - reuniões informais, comércio, networking, vibração - tornam-se a principal característica das atividades de circulação internas do Edifício Sede da Câmara de Comércio. Desta forma, tentamos instigar um vibrante e agitado ambiente de rede, tão necessário para o mundo empresarial.

A aparência do edifício dentro do ambiente de estilo modernista global também nos preocupa. Isso nos leva à escolha de materiais e da fachada. A pedra traquito que será utilizada para revestimento de fachadas no pódio e da fachada da torre é uma pedra extraída localmente, e refere-se à solidez da arquitetura de pedra etíope. A fachada da torre também se refere ao "Netela '(tecido têxtil etíope), que tão bem mostra os fios de algodão e tem um caráter de sombra e transparência.

Ao ligar este material local e a fachada de uma forma expressiva de arquitetura que poderia se conectar a uma comunidade empresarial global, o Edifício Sede da Câmara de Comércio está se posicionando como uma verdadeira arquitetura glocal, resultado de uma cooperação entre a nova geração da Etiópia e arquitetos europeus.

Ver a galeria completa

Sobre este escritório
BC Architects
Escritório
Cita: Furuto, Alison. "Proposta Vencedora para a Sede da Câmara de Comércio de Addis Abeba / BC Architects" [Addis Abeba Chamber of Commerce Headquarters Winning Proposal / BC Architects] 05 Jun 2013. ArchDaily Brasil. (Trad. Márquez, Leonardo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/118137/proposta-vencedora-para-a-sede-da-camara-de-comercio-de-addis-abeba-slash-bc-architects> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.