O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. Equador
  5. DURAN&HERMIDA arquitectos asociados
  6. 2011
  7. Habitações Los Faiques / DURAN&HERMIDA arquitetos associados

Habitações Los Faiques / DURAN&HERMIDA arquitetos associados

Habitações Los Faiques / DURAN&HERMIDA arquitetos associados
Habitações Los Faiques / DURAN&HERMIDA arquitetos associados, © Sebastián Crespo
© Sebastián Crespo

© Sebastián Crespo © Sebastián Crespo © Sebastián Crespo © Sebastián Crespo + 23

Descrição enviada pela equipe de projeto. LOCAL
O conjunto localiza-se no Vale subtropical de Yunguilla (1400msnm), a 60km da cidade de Cuenca. Historicamente, esta área foi conhecida por suas plantações de cana-de-açúcar, no entanto, esta deu lugar a fazendas de veraneio e plantações menores.

© Sebastián Crespo
© Sebastián Crespo

O terreno onde as casas estão situadas permaneceu virgem até o início da obra. Portanto, ao dar inicio à intervenção, encontramos belas árvores de Faique em meio ao matagal que crescia livremente. Os moradores do vale normalmente cortam estas árvores pois não são frutíferas e em seus ramos crescem múltiplos espinhos de até 10 centímetros. Considerou-se que estas árvores davam o caráter da paisagem e da intervenção arquitetônica. O bosque de Faiques foi respeitado; ou melhor, sua presença dá nome ao conjunto.

Implantação
Implantação

Optamos por implantar as habitações na porção mais alta do morro, para que a vista da maior parte do vale fosse aproveitada. Cada moradia consiste em dois volumes, de modo a respeitar plenamente a topografia e conservar a maioria das árvores.

© Sebastián Crespo
© Sebastián Crespo

Os volumes são simples, porém intensos, justamente para destacar a floresta, para construir com ela a paisagem; em suma, para construir com sua presença ali. Telhados planos são coberturas verdes onde foram colocadas plantas nativas para gerar sombra e para que a laje absorva menos calor. No exterior foram plantadas novas arvores da mesma espécie e cultivou-se grama entre elas.

© Sebastián Crespo
© Sebastián Crespo

CONSTRUÇÃO
Os maiores volumes são os dois planos horizontais entre os quais estão localizados algumas paredes não-estruturais que definem os espaços internos. Pilares de aço oxidado preenchidos de concreto suportam estes planos e marcam o ritmo da fachada. Este sistema de pilares e lajes libera as paredes internas de qualquer função estrutural de maneira a possibilitar a flexibilidade dos espaços internos.

© Sebastián Crespo
© Sebastián Crespo

A escolha do sistema construtivo se dá ao buscar a relação entre interior e exterior de modo direto e flexível. O mobiliário da área social é móvel para que se possa ter duas qualidades de espaço: o primeiro fechado para proteger o interior de intempéries e de insetos; e o segundo totalmente aberto integrando o espaço interno com a paisagem.

© Sebastián Crespo
© Sebastián Crespo

Uma destas casa tem suas paredes de concreto revestida de pedra vermelha da costa do Equador, enquanto a outra tem revestimento de micro-cimento branco. Os acabamentos das casas variam de acordo com a personalidade, interesse, valores, gostos e costumes de seus proprietários.

© Sebastián Crespo
© Sebastián Crespo

PROGRAMA
O terreno tem uma area de 3 hectares, mas as moradias ocupam uma fração específica da area. O maior volume de cada habitação tem uma área de 156 m², enquanto o menor tem 54m². O volume maior acomoda a área social, a cozinha e a sala principal, enquanto no outro estão os quartos adicionais.

© Sebastián Crespo
© Sebastián Crespo

Procura-se criar espaços abertos e contínuos, dando uma sensação de espaço infinito onde o espaço interior e o exterior não tem limites. As duas casa tem seu dinamismo principal na área externa; no entanto, uma se abre para a vista e a outra está imersa na floresta, criando espaços mais íntimos e introvertidos. Os espaços de portal são fundamentais pois convertem-se em espaços intermediários que permitem relação direta entre interior e exterior. O espaço mais importante e destacado da casa é o espaço aberto central, usado como área social, que atinge uma íntima relação com o exterior, com a natureza, com o orgânico.

Ver a galeria completa

Sobre este escritório
DURAN&HERMIDA arquitectos asociados
Escritório
Cita: "Habitações Los Faiques / DURAN&HERMIDA arquitetos associados" [Viviendas Los Faiques / DURAN&HERMIDA arquitectos asociados] 14 Abr 2013. ArchDaily Brasil. (Trad. Alves, Jorge) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/108571/habitacoes-los-faiques-slash-duran-and-hermida-arquitetos-associados> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.