O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. Espanha
  5. MYCC
  6. 2012
  7. Casa JP / MYCC

Casa JP / MYCC

Casa JP / MYCC
Casa JP / MYCC, © Fernando Guerra | FG+SG
© Fernando Guerra | FG+SG

© Fernando Guerra | FG+SG © Fernando Guerra | FG+SG © Fernando Guerra | FG+SG © Fernando Guerra | FG+SG + 27

  • Arquitetos

  • Localização

    Tragacete, Espanha
  • Arquiteto Responsável

    Carmina Casajuana, Beatriz G. Casares, Marcos Gonzalez
  • Equipe de Projeto

    Raquel del Rio, Pablo Urbano, Miguel Angel Hellin
  • Empreiteiro

    Ageco Scotmans Spain
  • Área

    144.0 m2
  • Ano

    2012
  • Fotografias

© Fernando Guerra | FG+SG
© Fernando Guerra | FG+SG

Descrição enviada pela equipe de projeto. Nas pequenas vilas dos países mais desenvolvidos pequenas é muito difícil encontrar artesãos que ainda trabalham da maneira tradicional. De alguma maneira, o modo de fazer vem desaparecendo. A ideia romântica de um método construtivo realmente tradicional é muito ingênua. O que normalmente contrói-se são cópias baratas de casas rurais, que geralmente não têm uma origem naquele lugar específico, mas em alguma aldeia ideal em filmes do Senhor dos Anéis ou Joana d'Arc. Tudo fora disso torna-se caro demais ou simplesmente impossível.

Cortesia de MYCC
Cortesia de MYCC
Cortesia de MYCC
Cortesia de MYCC

A área onde a casa encontra-se já foi muito rica em vime com uma indústria bastante próspera. Agora, passando por ali, uma quantidade enorme de plantas crescem descontroladamente e ninguém se preocupa em colhê-las. Não são mais feitas cadeiras ou cestas de vime. A ideia de uma casa feita de vime poderia ser uma boa homenagem para uma indústria de um passado que provavelmente nunca voltará. Mas, novamente, que seria muito romântico, bastante abstrato e inacreditavelmente caro. Assim, outros métodos de construção devem ser introduzidos a fim de obter um resultado interessante tanto para clientes e arquitetos.

© Fernando Guerra | FG+SG
© Fernando Guerra | FG+SG

O trabalho começou com uma mensagem e uma visita bastante breve do cliente ao escritório que gostaria de uma segunda casa em uma vila remota. A razão da escolha do processo de pré-fabricação era que a casa que o cliente gostaria, não poderia ser construída por construtores locais. O seu desejo era algo diferente das casas tradicionais encontrados na área e, acima de tudo, um processo confiável. No entanto, a casa deve, naturalmente, se encaixar em tal urbanismo tradicional compacto da pequena cidade.

© Fernando Guerra | FG+SG
© Fernando Guerra | FG+SG

Os primeiros esboços já mostravam um volume compacto simples e uma escala para caber nas imediações. Além disso, há um tipo de ação contemporânea para uma casa que seria usada apenas nos fins de semana e feriados por uma família urbana. O lote fica em uma parte alta da vila, muito bem orientado para o sul e com alguns pontos de vista sobre as casas para o leste. Suficientemente grande para os 144 metros quadrados a construir, há ainda algum espaço livre para um terraço e vida ao ar livre descontraído.

© Fernando Guerra | FG+SG
© Fernando Guerra | FG+SG

A fim de alcançar um espaço singular, um uso diferente interior e uma imagem distinta, apenas um único movimento foi feito. Assim, o andar superior modifica o seu volume e uma sala torna-se um ponto de encontro para os adolescentes que irão ocupar o espaço no andar de cima. A imagem exterior também é modificada e a fachada principal dá o volume uma distintiva, mas quieta, vista não agressiva.

© Fernando Guerra | FG+SG
© Fernando Guerra | FG+SG

Apenas oito módulos de 18 metros quadrados (seis vezes três) e um pequeno pedaço para a parte alta foram necessários. Segue um diagrama modesto e cada módulo tem sua própria função. No piso térreo estão o dormitório principal e um banheiro, o módulo funcional de escadas, instalações, lavanderia e uma sala de jantar / cozinha. No andar superior, dois dormitórios são encontrados nas extremidades, assim como a circulação vertical e banheiro, além de uma sala sem uso definido.

Corte
Corte

A imagem da casa é completada por grandes furos quadrados, todos virados para sul e leste. O material utilizado para o revestimento da estrutura é uma tela de fachada de madeira larício. A fim de reforçar o conceito de fim de semana, duas portas de correr do mesmo material são construídas, e estarão sempre abertas para o terraço ao ar livre.

Ver a galeria completa

Sobre este escritório
MYCC
Escritório
Cita: "Casa JP / MYCC" [JP House / MYCC] 22 Mar 2013. ArchDaily Brasil. (Trad. Alves, Jorge) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/104686/casa-jp-slash-mycc> ISSN 0719-8906