Igreja Nuestra Señora de Candelaria em Alcalá / Alejandro Beautell

Igreja Nuestra Señora de Candelaria em Alcalá / Alejandro Beautell

© Flavio Dorta© Flavio Dorta© Flavio Dorta© Flavio Dorta+ 26

Alcalá, Espanha
  • Clientes : Obispado de Tenerife
  • Técnico : Eloy Fernández
  • Construtora : Construcciones Rodríguez Mesa.
  • Engenharia : IGS Ingenieros
  • Consultores : C+C Consultores
  • Cidade : Alcalá
  • País : Espanha
Mais informaçõesMenos informações
© Flavio Dorta
© Flavio Dorta

Descrição enviada pela equipe de projeto. Durante anos, desde o encerramento da antiga Igreja de Alcalá, finalmente demolida em 2011 por razões de segurança, os moradores do bairro de Alcalá têm procurado meios para a reconstrução do antigo templo regido sob a guarda da Virgem da Candelária. Esta reconstrução, por vários motivos, foi frustrada e, até então, a imagem da Virgem, de grande devoção e tradição entre os locais, encontrava-se em um local cedido pela Câmara Municipal para o seu culto.

© Flavio Dorta
© Flavio Dorta

Nos últimos anos, a Paróquia da Candelária, o Bispado de Tenerife, o Governo das Canárias e a Câmara Municipal de Guía de Isora, a fim de responder a esta exigência social, juntaram-se para tornar possível um novo templo para Alcalá. Numa região sem referências arquitetônicas, a nova igreja deveria, por um lado, recuperar a memória da antiga edificação e, por outro, criar um marco arquitetônico no bairro, um novo centro para Alcalá. A edificação possui uma área total construída de 1.100 m2 distribuída em dois níveis. A parte semi-enterrada engloba os espaços de serviços: salões paroquiais de uso múltiplo, garagem, depósito, salas de apoio e instalações sanitárias. Acima dos quartos, com acesso pela praça, encontram-se a Igreja e a sacristia.

© Flavio Dorta
© Flavio Dorta
Corte 04
Corte 04
© Flavio Dorta
© Flavio Dorta

Aspectos formais. Arquitetura do Sagrado. A nova Igreja de Alcalá nos fala sobre tradição e sobre o resgate da memória da antiga construção que se erguia sozinha sobre a rocha lávica e que, ainda hoje, perdura sob o asfalto.

© Flavio Dorta
© Flavio Dorta

Partindo dessas premissas, o novo templo é materializado em duas naves diferentes, "antiga" e "nova". Um único espaço interior é traduzido em dois volumes distintos quando visto desde o exterior. Um recupera a forma e a posição da antiga igreja, em uma reinterpretação da arquitetura tradicional das ilhas. Ao reconstruí-la de maneira simplificada procurou-se recuperar a memória e atenuar o sentimento de perda que causou a sua demolição. As paredes são novas, mas a atmosfera é a mesma. A imagem da Virgem retorna assim ao seu local imaculado, ocupando o mesmo lugar de antes, na cabeceira do corpo antigo, esta vez protegida em um nicho que, como uma caverna, rememora sua aparição aos guanches (aborígenes das Ilhas Canárias).

© Flavio Dorta
© Flavio Dorta

O outro, como uma chama - o fogo da vela - procura a verticalidade, dotando de maior representatividade o espaço interior que culmina em uma claraboia iluminando o presbitério e conectando as duas naves, a antiga e a nova, simbolizando que entre a tradição e a modernidade existe uma ponte.

© Flavio Dorta
© Flavio Dorta
Corte 01
Corte 01
Corte 02
Corte 02
Corte 03
Corte 03
© Flavio Dorta
© Flavio Dorta

O posicionamento dos volumes está enraizado na tipologia da arquitetura religiosa vernácula, por meio das naves, às quais está anexado um pátio. A estratégia de composição em volumes diferenciados também responde às rígidas condições urbanas que obrigaram o alinhamento em relação à via ao longo de todo o perímetro.

© Flavio Dorta
© Flavio Dorta

A nível material a construção é muito austera, a simplicidade dos materiais utilizados e o uso de recursos como a iluminação natural, conferem ao espaço um carácter ascético que busca o essencial. O corpo que lembra a antiga igreja é executado em concreto ciclópico com recuperação da pedra natural existente no local. O acabamento acinzentado deste corpo recebe, de forma tradicional, a cal. O branco da cal contrasta com o ocre utilizado na nova nave, também construída em concreto mas, desta vez, massificado e bujardado com diferentes intensidades.

© Flavio Dorta
© Flavio Dorta

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:C/ Julia Trujillo nº 1, Alcalá, Guía de Isora, Tenerife, Espanha

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Igreja Nuestra Señora de Candelaria em Alcalá / Alejandro Beautell" [Iglesia de Nuestra Señora de Candelaria en Alcalá / Alejandro Beautell] 28 Dez 2021. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/974057/igreja-nuestra-senora-de-candelaria-em-alcala-alejandro-beautell> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.