Skatepark Continua / MBL architectes + bureau David Apheceix

Skatepark Continua / MBL architectes + bureau David Apheceix
© Maxime Verret
© Maxime Verret

© Maxime Verret© Maxime Verret© Maxime Verret© Maxime Verret+ 31

Boissy-le-Châtel, França
  • Arquiteto Associado:Constructo
  • In Situ Design:In-Out Concept
  • Arquiteto Paisagista:Camille Fréchou
  • Construção:Vulcano
  • Cidade:Boissy-le-Châtel
  • País:França
Mais informaçõesMenos informações
© Maxime Verret
© Maxime Verret

Descrição enviada pela equipe de projeto. Há 10 anos, os MBL architectes têm trabalhado na transformação progressiva de uma antiga fábrica industrial em Boissy-le-Châtel, França, num espaço de arte contemporânea para a Galleria Continua. Iniciado em 2013, o projeto visa manter e preservar os terrenos industriais abandonados, típicos do local. Resíduos de construções demolidas, evidenciados pela presença de plantas hortícolas e pelo desenvolvimento de espécies endêmicas selvagens, fundem-se e crescem paralelamente à diversidade de construções industriais. 

© Maxime Verret
© Maxime Verret
Corte
Corte
© Maxime Verret
© Maxime Verret

O projeto para o Skatepark Continua resulta de uma investigação realizada sobre os espaços produzidos pelas culturas de skateboard, que resultou numa publicação e numa exposição na Villa Noailles em Hyères, França, em 2016. Esta investigação ajudou-nos a entender a função estruturante que um skatepark pode ter no desenvolvimento de um território. Ao contrário do que se poderia pensar de um equipamento tão especializado, os skateparks provocam o encontro de uma população diversificada. 

© Maxime Verret
© Maxime Verret
© Maxime Verret
© Maxime Verret

Um ponto de encontro para crianças e pais, um playground para a prática de todo o tipo de esportes sobre rodas e um espaço para a prática mais assídua do skate: os skateparks constroem comunidades temporárias, bem como amizades duradouras. A sua capacidade de gerar uma forma de "vida pública" fez com que a construção do skatepark neste local fosse tão relevante. Ele atraiu um novo público para as instalações da galeria, nem sempre habituado à arte contemporânea, e ofereceu um espaço de encontro aos residentes próximos.  

© Maxime Verret
© Maxime Verret

A construção do Skatepark Continua explora as possibilidades do concreto úmido. No sítio, estruturas metálicas foram montadas e soldadas. O concreto fresco foi pulverizado diretamente sobre armaduras metálicas, depois moldado e alisado para as formas desejadas antes de ser solidificado. Principalmente empírico, a construção do skatepark deve-se em grande parte à agilidade dos pedreiros responsáveis por lhe dar forma. O canteiro de obras foi conduzido à maneira de uma atuação que celebrou o encontro de um projeto e de um lugar. 

© Maxime Verret
© Maxime Verret
© Maxime Verret
© Maxime Verret

Durante a concepção deste projeto, nasceu o desejo de explorar a fluidez característica dos primeiros skateparks dos anos 1970. Nos tempos pré-digitais, as formas encontradas ou construídas dos primeiros skateparks prefiguram a geometria que a arquitetura paramétrica conseguiria modelar e popularizar no início do nosso século. O projeto explora esta pré-história, as premissas empíricas de uma arquitetura fora dos padrões. 

© Maxime Verret
© Maxime Verret

Concebido como uma linha contínua, evitando qualquer delineamento rígido, o skatepark destina-se a ser uma estrutura para a paisagem. Estendendo-se ao longo das antigas vias férreas que atravessam o complexo industrial, o skatepark está imerso em árvores e arbustos. Conecta edifícios neste território prolongado. As linhas curvas de concreto em estado bruto traçam subtilmente as sombras dos limoeiros, álamos, bétulas e buddleias. Sem qualquer forma de pré-concepções sobre o seu desenho, a forma do skatepark adapta-se às especificidades do chão e à vegetação existente.

© Yann Stofer
© Yann Stofer

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:77169 Boissy-le-Châtel, França

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Skatepark Continua / MBL architectes + bureau David Apheceix" [Skatepark Continua / MBL architectes + bureau David Apheceix] 10 Mai 2021. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/961260/skatepark-continua-mbl-architectes> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.