Casa North Melbourne / Matt Gibson Architecture + Design

Casa North Melbourne / Matt Gibson Architecture + Design

© Derek Swalwell© Derek Swalwell© Derek Swalwell© Derek Swalwell+ 21

North Melbourne, Austrália
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  296
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2017
  • Fotógrafo Fotografias:  Derek Swalwell
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Hansgrohe, AFA, AXA, Apex stone, Austral Bricks, AutoDesk, Beefeater, De'Longhi, Deepstarr, Dulux, Elecrtolux, Geberit, Gentech, Hafele, Inlite, Jetmaster, Lysaght, Mentone Premix, Miele, Sirius, +7
  • Arquiteto Responsável:Matt Gibson, Martyn Weaver, Erica Tsuda, Phil Burns
  • Arquiteto Responsável::Wei-an Lim
  • Engenharia:Clive Steele Partners
  • Construtora:Overend Construction
  • Cidade:North Melbourne
Mais informaçõesMenos informações
© Derek Swalwell
© Derek Swalwell

Descrição enviada pela equipe de projeto. North Melbourne é a história de uma casa existente no centro da cidade que permaneceu praticamente inalterada desde que foi construída. Tal como acontece com todas as habitações vitorianas, a tipologia foi extremamente eficaz no fornecimento de habitações consolidadas de alta densidade em Londres e em muitas outras cidades "vitorianas", mas cuja sensação de vedação e estruturas "sobrepostas" de qualidade inferior significa que estão sujeitas a adaptação (especialmente em países de clima mais quente como o nosso) abrindo-se para programas mais flexíveis.

© Derek Swalwell
© Derek Swalwell

Quase um século e meio depois, esta casa exigiu uma consulta especializada em patrimônio. No entanto, no âmbito da nossa própria pesquisa patrimonial, catalogamos e investigamos a história desta casa, mas também a evolução e iconografia das formas de construção do bairro. Fizemos questão de que o tecido original permanecesse fiel ao seu tempo e contamos uma história de seu passado, mas evidenciando que qualquer trabalho novo nasceu da história do antigo, trazendo a casa para os dias atuais para que a história pudesse ser contada ao longo dos anos. O resultado é alcançado ao tecer um novo programa dentro das salas antigas, reutilizando as existentes e adicionando espaço familiar onde o planejamento e as diretrizes patrimoniais permitem.

© Derek Swalwell
© Derek Swalwell

Sendo um bloco longo e estreito adjacente a várias 'condições' de vizinhos diferentes, o envoltório e o layout são em grande parte um resultado do planejamento. As dobras, dentro e fora ao longo do comprimento do terreno, são usadas para trazer luz e permitir "passagens" e jardins laterais através do centro da casa. Os níveis são manipulados sobre o local inclinado para permitir amplas alturas de pé-direito e ajudar a designar e definir espaços em um térreo aberto e de fluxo livre.

© Derek Swalwell
© Derek Swalwell
Plantas
Plantas
© Derek Swalwell
© Derek Swalwell

Do ponto de vista do patrimônio, a abordagem foi revelar e restaurar sempre que possível, em vez de aplicar um novo modelo. Dentro das partes existentes da casa, os quartos são rebocados com pequenas adaptações. A sala de estar da frente, voltada para a rua, utiliza um acabamento de pintura escura do chão ao teto para acentuar a altura e os detalhes do gesso ornamentado - lembrando o boom imobiliário de 1880 e a riqueza do ouro. Uma abordagem semelhante é observada no andar de cima, no quarto principal, onde pequenas adaptações internamente reorganizam o quarto para fornecer um novo banheiro privativo.

© Derek Swalwell
© Derek Swalwell

O corredor térreo foi restaurado e revela tijolos expostos dentro do recorte de uma abertura original, fornecendo uma sugestão das novas obras além e um pano de fundo para esculturas colecionadas pela família. Ao caminhar pelo corredor em direção ao seu novo ambiente, se experimenta uma sensação imediata de luz e ar. Os arredores existentes misturam-se com os novos, através de um elemento branco que se estende desde o pé da escada vitoriana, até o depósito delicadamente curvo e oculto.

© Derek Swalwell
© Derek Swalwell

Obedecendo a questão patrimonial de expor o material sempre que possível, a pintura foi removida da fachada existente para revelar o tijolo vermelho original. Todos os tijolos removidos são reaproveitados nas novas obras seguindo uma política de garantir que o novo volume seja intrinsecamente oriundo do antigo. Da mesma forma, foi tomada a decisão de remover o gesso de todas as superfícies da parede interna original, ao invés de reboco, preferindo expor e ilustrar a história da construção e modificações ao longo do tempo. Os materiais usados ​​internamente representam honestidade e crueza - madeiras australianas oleaginosas locais, concreto polido e armários de madeira escura representam um interior descontraído, porém elaborado.

© Derek Swalwell
© Derek Swalwell

A paleta se sobrepõe a móveis e objetos ,contemporâneos e vinculados à fachada da casa, com preferência pelo estilo. Luzes suspensas White Toss B pendem do teto do segundo nível, trazendo verticalidade, mas também luz através do vazio interno que fornece escala e conexão com o corredor para os quartos das crianças acima. O vidro do teto superior é instalado para permitir que a luz passe pelas rachaduras no tijolo histórico e para trazer a luz para o interior do térreo.

© Derek Swalwell
© Derek Swalwell

Um corrimão de madeira curvado e elementos de marcenaria na cozinha fornecem toques esculturais no centro da casa. A abertura e a informalidade das áreas posteriores aparecem como uma camada subterrânea "escavada" permitindo uma sensação de espaço que se estende até os limites da propriedade, trazendo a paisagem para o interior. As plantas internas, tapetes de lã e uma cadeira Urquiola Husk ocre transmitem uma sensação de vida australiana contemporânea tranquila e texturizada.

© Derek Swalwell
© Derek Swalwell

Externamente, a linguagem e a forma do anexo são contemporâneas, mas com um tqoue regionalista simplificado com a iconografia das vielas do norte de Melbourne, onde as estruturas e acréscimos de tijolos (às vezes com padrões ornamentados) são prolíficos. Esta é uma versão simplificada e abstrata do original, a forma e a janela se relacionam com o vizinho. No entanto, com os acabamentos e as calhas removidos e um teto forrado de tijolos, a nova obra parece uma forma histórica simplificada - as paredes e o teto como um só material. O aço e os tijolos imprevisíveis retornam à elevação lateral fornecendo proteção e privacidade. Abaixo, a forma é "editada", permitindo transparência e espaços abertos que envolvem a paisagem.

© Derek Swalwell
© Derek Swalwell

Esta casa segue uma abordagem holística de projeto que considera simultaneamente a experiência combinada de Arquitetura, Interior e Paisagem, onde a narrativa da história envolve e é tangível, mas de forma alguma pretende comprometer um ambiente de vida rico, texturizado e confortável fora da cidade para uma família de 5 pessoas.

© Derek Swalwell
© Derek Swalwell

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Casa North Melbourne / Matt Gibson Architecture + Design" [North Melbourne Terrace / Matt Gibson Architecture + Design] 16 Fev 2021. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/956735/casa-north-melbourne-matt-gibson-architecture-plus-design> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.