Casa Avala / TEN

Casa Avala / TEN

© Maxime Delvaux© Maxime Delvaux© Maxime Delvaux© Maxime Delvaux+ 35

Belgrade, Sérvia
  • Arquitetos: TEN
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  156
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2020
  • Fotógrafo Fotografias:  Maxime Delvaux
  • Arquitetos Responsáveis:Nemanja Zimonjic, Ognjen Krasna, Jana Kulic, Miodrag Grbic
  • Cidade:Belgrade
  • País:Sérvia
Mais informaçõesMenos informações
© Maxime Delvaux
© Maxime Delvaux

Descrição enviada pela equipe de projeto. Esta é uma residência situada em uma paisagem na montanha Avala, perto de Belgrado, na Sérvia. A casa é um estudo sobre como um esforço de projeto pode se transformar em uma forma desejável de viver.

© Maxime Delvaux
© Maxime Delvaux
Corte
Corte
© Maxime Delvaux
© Maxime Delvaux

A casa é um espaço térreo construído sobre um jardim com pomar inclinado para o sul. É organizada por uma malha de 3,2 metros, medindo 16 por 16 metros quadrados, com um recorte interno de 9,6 por 9,6 metros revelando o terreno abaixo. A superfície envolvente constitui a área habitada da casa e delimita o perímetro do volume. A estrutura utiliza perfis de tubo de aço quadrado de 80 milímetros soldados in loco e fixados em três pontos da fundação no terreno. Esses pontos definem a área de chegada no solo, e o posicionamento de duas grandes formas de concreto - como pedras na paisagem - dedicadas tanto a uma escada externa do jardim quanto a um espaço de armazenamento com banheiro no jardim.

© Maxime Delvaux
© Maxime Delvaux
© Maxime Delvaux
© Maxime Delvaux

O terreno inclinado continua entre e por baixo da casa, oferecendo uma área de estar ao ar livre com sombra e introduz a paisagem, as árvores e a cobertura natural do solo no espaço central do volume. O nível principal acima estabelece um novo espaço dentro da topografia da encosta existente com vista para a floresta circundante. A estrutura aberta abraça a paisagem imediata ao definir uma nova geometria clara e um contorno arquitetônico forte.

© Maxime Delvaux
© Maxime Delvaux

A planta é desenvolvida na malha externa como uma sequência de quatro terraços interligados nos cantos para oferecer um novo horizonte para a habitação. Cada terraço contém um material de superfície diferente, oferecendo possibilidades de uso variado. Os limites da estrutura de aço são constantemente desafiados por essas alterações no material (uma rede suspensa, chapa de aço, concreto pré-moldado, estrutura aberta) ou pelo desempenho de seus elementos móveis.

© Maxime Delvaux
© Maxime Delvaux
Planta
Planta
© Maxime Delvaux
© Maxime Delvaux

Isso permite que a casa passe por uma transformação total de escala e atmosfera. A parede opaca voltada para o espaço interno central é feita de 10 grandes portas de aço giratórias, permitindo que a área de estar passe de um espaço interno singular de 50 metros quadrados para abranger os volumes de 156 metros quadrados dos quatro terraços externos.

© Maxime Delvaux
© Maxime Delvaux

A grande extensão de vidro na fachada sul estende a área de estar até a elevação das colinas distantes. O brise personalizado fecha esta expansão, criando um espaço interior singular, discretamente dividido por uma série de cortinas do chão ao teto que definem a área de dormir a partir da cozinha, sala de jantar, estar e banheiro.

© Maxime Delvaux
© Maxime Delvaux
© Maxime Delvaux
© Maxime Delvaux

No seu estado aberto, a habitação principal abrange todo o espaço. A casa inverte a prioridade usual de ser um abrigo tradicional protegido da natureza, ao permitir vários cenários de exposição ao exterior. Cada elemento da casa enfatiza o desempenho da estrutura e do espaço, proporcionando peso ou leveza em pontos específicos, extensão ou contração em outros. Isso é exemplificado nas juntas visíveis da estrutura de aço principal, as conexões aos pontos de apoio, o contraventamento exposto e o acabamento da matéria-prima. Todos os detalhes são revelados. Existe uma espécie de franqueza que torna a casa acessível a todos.

© Maxime Delvaux
© Maxime Delvaux

O proprietário - um artesão local que trabalhava na reforma de interiores e manutenção doméstica - convidou a TEN para projetar, desenvolver e construir a casa. Os meios para a produção da casa eram modestos e seria utilizada a mão de obra local. O proprietário colaborou com uma metalúrgica próxima ao local.

© Maxime Delvaux
© Maxime Delvaux

A premissa central do projeto era incluir o futuro proprietário no processo de fabricação, especificando apenas o material local disponível e o conhecimento de construção, com decisões de projeto sobre estruturas e superfícies duráveis a serem reparadas. Isso desafiou a norma da arquitetura de ser um produto conceitual completo, entregue ao terreno através do cliente, mas em vez disso abriu o processo como uma conversa genuína sobre a construção, o uso futuro e a manutenção prática e necessária. A conversa identificou recursos materiais, habilidades e capacidades dentro do alcance da região imediata. Também trouxe soluções inovadoras, como a moldagem in- oco das fundações de concreto com chapas de aço recicladas. A precisão das fôrmas foi determinada por marceneiros e a moldagem, com uma mistura de concreto auto-adensável, foi desenvolvida em diálogo com subsidiárias locais e empreiteiros.

© Maxime Delvaux
© Maxime Delvaux

Isso não só contribuiu para a economia local, mas também, através da experimentação no procedimento de construção, ofereceu novas possibilidades para as habilidades de construção locais. A estrutura aparente revela a prova de trabalho e habilidade nas forças que impulsionam a construção, enquanto a expressão formal demonstra o fator humano na produção da habitação. Isso amplia o diálogo originado dos pioneiros do Modernismo Iugoslavo - um movimento instrumental na transformação da sociedade através da adaptação local de tecnologias progressivas e autodeterminação em projeto e construção. Da mesma forma, o projeto de uma casa contemporânea ideal utiliza materiais do cotidiano, formados pessoalmente pelas habilidades dos fabricantes locais para criar um resultado de significado regional.

© Maxime Delvaux
© Maxime Delvaux

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos
Sobre este escritório
Escritório
Cita: "Casa Avala / TEN" [Avala House / TEN] 02 Fev 2021. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/956031/casa-avala-ten> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.