Museu Olímpico e Paralímpico dos Estados Unidos / Diller Scofidio + Renfro

Museu Olímpico e Paralímpico dos Estados Unidos / Diller Scofidio + Renfro

© Jason O'Rear© Jason O'Rear© Jason O'Rear© Jason O'Rear+ 49

Colorado Springs, Estados Unidos
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  5
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2020
  • Fotógrafo Fotografias:  Jason O'Rear, Nic Lehoux
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Terrazzo & Marble
  • Arquitetos:Diller Scofidio + Renfro, Design Architect / Anderson Mason Dale, Executive Architect
  • Sócio Responsável:Benjamin Gilmartin
  • Arquiteto Responsável:Anderson Mason Dale Architects
  • Projeto Expositivo:Gallagher & Associates
  • Projeto Museológico E De Conteúdo :Barrie Projects
  • Engenharia De Estruturas:KL&A in collaboration with Arup
  • Engenharia Civil:Kiowa Engineering Corporation
  • Segurança Contra Incêndio:Jensen Hughes
  • Engenharia Mecânica E Hidráulica:The Ballard Group
  • Engenharia Elétrica:ME Engineers Acoustics
  • Teatro E Audio Visual:ARUP
  • Acessibilidade:Ileana Rodriguez
  • Projeto Luminotécnico:Tillotson Design Associates
  • Arquitetos Paisagistas:NES, Inc. in collaboration with Hargreaves Jones
  • Códigos:Advanced Consulting Engineers
  • Circulação Vertical:Iros Elevators Design Services
  • Quantitativos:Dharam Consulting
  • Modelo Energético:Iconergy
  • Consultor De Fachadas:Heitmann & Associates
  • Execução Da Fachada:MG McGrath
  • Construtor E Gestão De Obras:GE Johnson
  • Cidade:Colorado Springs
Mais informaçõesMenos informações
© Jason O'Rear
© Jason O'Rear

Descrição enviada pela equipe de projeto. O Museu Olímpico e Paralímpico dos EUA, projetado por Diller Scofidio + Renfro, busca celebrar o espírito olímpico assim como as conquistas dos mais importantes esportistas da história dos Estados Unidos. Conformado por uma série de edifícios que juntos somam mais de 5.500 metros quadrados em área, o projeto do Museu Olímpico e Paralímpico dos Estados Unidos foi concebido em parceria entre Diller Scofidio + Renfro e o escritório de Anderson Mason Dale. Contando com mais de 1.800 metros quadrados de áreas expositivas, um teatro, espaços para eventos e um café, o projeto do museu foi inspirado na energia que emana dos atletas olímpicos e pelos valores inclusivos promovidos pela competição. Formalmente, sua estrutra em forma de espiral permite que os visitantes percorram as galerias através de um percurso contínuo. Completamente acessível, a estrutura concebida pela equipe da Diller Scofidio + Renfro permite que o museu seja considerado um dos museus mais acessíveis do mundo todo, garantindo que todos os visitantes—independentemente de suas limitações—possam compartilhar da mesma experiência.

© Nic Lehoux
© Nic Lehoux
© Jason O'Rear
© Jason O'Rear

Praça: no coração do projeto encontra-se uma praça com terraço desde onde é possível ter uma vista panorâmica para todo o complexo do museu e entorno, a qual encontra-se protegida pelo edifício principal do museu ao sul e o volume do café ao norte. Desde o centro da praça é possível ter um panorama completo das Rocky Mountains em toda a sua glória e exuberância. Acompanhada de um anfiteatro com capacidade para 230 espectadores, a praça central foi concebida para receber eventos ao ar livre durante todas as estações do ano, desde esportes de inverno até jogos de verão.

© Jason O'Rear
© Jason O'Rear
Diagrama do Corte do Átrio
Diagrama do Corte do Átrio
© Jason O'Rear
© Jason O'Rear

Átrio: acolhidos em um hall de mais de 12 metros de altura coroado por uma ampla clarabóia de vidro, os visitantes imediatamente entram em contato com o espaço do lobby, o qual pode ser visto através de uma monumental superfície translúcida de gesso reforçado com fibra de vidro (GFRG). Quatro varandas em alturas diferentes se voltam para o lobby, reconectando os distintos espaços expositivos com a área pública do museu.

© Nic Lehoux
© Nic Lehoux

Níveis 1, 2, 3: A DS+R foi responsável pelo projeto dos mais de 1.800 metros quadrados de espaços expositivos do museu, galerias que como pétalas, florescem ao redor do átrio principal. A luz natural que penetra os espaços expositivos através do espaçamento criado entre os distintos planos de cobertura do museu, proporciona uma iluminação suave e difusa que permeia o edifício através de seus diferentes níveis. As condições de iluminação natural no interior do edifício operam como um elemento de orientação para os visitantes, que naturalmente percebem a lógica de organização espacial, onde todos os espaços culminam no átrio central.

© Jason O'Rear
© Jason O'Rear

Teatro: cobrindo uma área de 185 metros quadrados, o edifício do teatro foi concebido para acolher um público de até 130 pessoas. Duas filas de assentos removíveis permitem ampliar a oferta de postos para cadeirantes para um número total de 26 lugares, acomodando confortavelmente toda a equipe de hóquei paraolímpico.

© Jason O'Rear
© Jason O'Rear

Centro de Eventos: o centro de eventos de 120 metros quadrados foi implantado no interior do edifício de tal forma à desfrutar das mais impressionantes vistas para o centro de Colorado Springs e para as Rocky Mountains. Este espaço conta ainda com um terraço externo de 50 metros quadrados que permite ampliar a sua capacidade durante os duas mais quentes do verão. O edifício do café e as áreas educativas, por sua vez, cobrem uma área total de aproximadamente 260 metros quadrados, contando com uma área adicional ao ar livre de 40 metros quadrados, a qual está equipada para a realização de diferentes eventos, como festas, jantares e atividades didáticas, proporcionando um espaço flexível junto à praça central do edifício do museu. A cobertura do complexo, a sua maneira, acolhe um jardim paisagístico de plantas nativas que transformam a cara do museu ao longo das diferentes estações do ano.

Planta - Segundo Pavimento
Planta - Segundo Pavimento
Planta - Terceiro Pavimento
Planta - Terceiro Pavimento

Área Administrativa: os espaços administrativos do museu encontram-se em um nível integrado de aproximadamente 75 metros quadrados com acesso direto a um terraço exterior de 40 metros quadrados, o qual pode ser integrado ao ambiente de trabalho através de uma ampla abertura do piso ao teto de quase 8 metros de altura. Neste mesmo nível, uma passarela de pedestres de 76 metros de comprimento foi projetada pela DS+R para conectar o edifício do museu com o America the Beautiful Park. Superando a barreira física da extensa linha de trens que atravessa o centro da cidade, a passarela permitirá reconectar a região central de Colorado Springs com a Midland Trail.

© Jason O'Rear
© Jason O'Rear

Acessibilidade: desde as primeiras fases de projeto, a equipe de arquitetos esteve em contato direto com o comitê de atletas paraolímpicos e associações de pessoas com deficiência para garantir que, desde o primeiro contato com o museu até a hora de ir para casa, todos os visitantes e cada um deles pudessem desfrutar das instalações do Museu Olímpico e Paralímpico da mesma maneira, compartilhando uma experiência única e inclusiva. Depois de serem recebidos no átrio central, eles são convidados a começar a visita à partir do último pavimento, o qual é possível acessar através de um generoso elevador. A partir deste ponto, o percurso expositivo se desenvolve através de um complexo sistema de rampas em declive suave. Todas as rampas contam com uma largura total de 1,80 metros permitindo a circulação constante de até duas cadeiras de rodas lado à lado. Além de cumprir com todos os requisitos do código de acessibilidade dos Estados Unidos, os materiais escolhidos e todos os detalhes foram pensados para facilitar a orientação e deslocamento dos visitantes, contem eles ou não com qualquer tipo de limitação motora.

© Jason O'Rear
© Jason O'Rear

Fachada: composta por mais de 9.000 painéis de alumínio anodizado dobrado em forma de diamantes, cada um deles foi executado com um tamanho e forma específica. Desta forma, a envoltória do edifício uniformiza os quatro volumes que compõe a estrutura do museu. Cada peça singular, devido às suas características únicas e qualidades reflexivas do material, se transforma em um momento exclusivo do projeto de acordo com as condições extraordinárias de iluminação natural de Colorado Springs, criando uma ampla gama de gradientes de cor e sombra que proporcionam ao edifício uma sensação de movimento e dinamismo.

© Jason O'Rear
© Jason O'Rear

Estrutura: o sistema estrutural principal está composto por uma superestrutura de aço, fundações em caixão perdido e núcleos de concreto moldado in loco.

© Nic Lehoux
© Nic Lehoux

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:200 S Sierra Madre St, Colorado Springs, CO 80903, Estados Unidos

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Museu Olímpico e Paralímpico dos Estados Unidos / Diller Scofidio + Renfro" [US Olympic and Paralympic Museum / Diller Scofidio + Renfro] 06 Jan 2021. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/954321/museu-olimpico-e-paralimpico-dos-estados-unidos-diller-scofidio-plus-renfro> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.