Armazém Morinha / stu.dere

Armazém Morinha / stu.dere

Cortesia de Ivo Tavares StudioCortesia de Ivo Tavares StudioCortesia de Ivo Tavares StudioCortesia de Ivo Tavares Studio+ 35

  • Arquitetos: stu.dere
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  334
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2020
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: AutoDesk, Exporlux, Fontini
  • Cliente:Belo e Tavares SA
  • Engenharia:Civiuban – Engenharia e Fiscalização
  • Cidade:Vila Meã
  • País:Portugal
Mais informaçõesMenos informações
Cortesia de Ivo Tavares Studio
Cortesia de Ivo Tavares Studio

Descrição enviada pela equipe de projeto. Como se de um jogo se tratasse... assim começou um novo projeto! Era um lugar triste e sem vida transformado num amplo espaço com luz e dotado de dinâmica, não fosse ele um local dedicado a roupa de criança. Do primeiro contacto com o edifício, notou-se que era demasiado devassado no que respeita à divulgação dos espaços. Apesar do cliente pedir uma aproximação a um open space, o objetivo passou por criar a sensação de descoberta à medida que se percorria o espaço, como se de um labirinto se tratasse, como um jogo de criança.

Cortesia de Ivo Tavares Studio
Cortesia de Ivo Tavares Studio
Planta
Planta
Cortesia de Ivo Tavares Studio
Cortesia de Ivo Tavares Studio

Daí a introdução da rede metálica, uma barreira física, mas não visual, cumprindo assim as premissas do cliente. Além do espaço dedicado à exposição e armazenamento do produto, existe o volume do escritório e uma pequena arrecadação no piso térreo. Ao aceder ao piso superior, encontra-se um estúdio para a fotografia de produto. Aqui, a divisão dos dois espaços foi conseguida através de um envidraçado com o objetivo de dar amplitude ao volume. Os materiais foram escolhidos de modo a que fosse permitida a sua utilização única, sem necessidade de camadas adjacentes. O policarbonato alveolar foi pensado para as paredes interiores, dando um aspeto industrial em harmonia com o pavimento revestido a microcimento.

Cortesia de Ivo Tavares Studio
Cortesia de Ivo Tavares Studio
Corte transversal
Corte transversal
Cortesia de Ivo Tavares Studio
Cortesia de Ivo Tavares Studio

Para contrabalançar com um toque mais intimista os tetos e volumes dos escritórios foram forrados a contraplacado de bétula, com uma métrica regular que permitiu simultaneamente criar ritmo e orientar a organização do espaço, como a disposição do mobiliário. Junto às escadas de acesso ao piso superior, foi criado um pequeno núcleo dedicado ao espaço de brincar, revestido por policarbonato e com pé direito duplo, sobre o qual incidem as luzes de um objeto de design. As luzes refletidas no policarbonato remetem para um mundo de magia, imaginação e criatividade. O candeeiro suspenso de estilo industrial foi criado especificamente para o local.

Cortesia de Ivo Tavares Studio
Cortesia de Ivo Tavares Studio

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:4605 Vila Meã, Portugal

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Armazém Morinha / stu.dere" 15 Out 2020. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/949318/armazem-morinha-stere> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.