Instalação Topografias do prazer / Lorna de Santos

Instalação Topografias do prazer / Lorna de Santos

© Nacho Uribe Salazar© Nacho Uribe Salazar© Nacho Uribe Salazar© Nacho Uribe Salazar+ 7

  • Arquitetos: Lorna de Santos
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  22
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2020
  • Fotógrafo Fotografias:  Nacho Uribe Salazar
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: A vida inefable, Alhambra fabrics, De Tarima, Epoca Ceramic, Jung Iberica, Lorna Smith, Pepe Peñalver, Sibast Furniture, Tubes Radiatori, Valentine
  • Arquiteto Responsável:Lorna de Santos
  • Colaboradores:De Tarima, Jung Iberica, Pepe Peñalver, Alhambra fabrics, Valentine, Tubes Radiatori, Sibast Furniture, A vida inefable, Epoca Ceramic
  • Cidade:Madri
  • País:Espanha
Mais informaçõesMenos informações
© Nacho Uribe Salazar
© Nacho Uribe Salazar

Descrição enviada pela equipe de projeto. Nosso projeto é um chamado para refletir sobre a atividade frenética de nossa sociedade. Por meio dele, convidamos os visitantes da Casa Decor 2020 a viverem uma experiência Wabi-Sabi, um modo de vida espiritual, interno e subjetivo. Uma construção filosófica que através de eventos no espaço alude a materiais puros, arte e um ideal estético.

Propomos a criação de um paradigma estético baseado na natureza que devolve, de certa forma, o bom senso e a razão à arte de viver. Retornando a uma vida mais contemplativa e interrompendo temporariamente a sociedade frenética do século XXI. Defendemos um projeto que no quesito sustentabilidade se refere à recuperação do trabalho de oficinas de artesanato em nosso país.

© Nacho Uribe Salazar
© Nacho Uribe Salazar
Planta
Planta
© Nacho Uribe Salazar
© Nacho Uribe Salazar

O revestimento contínuo de paredes e pisos é feito de cimento com areia, a ideia é que haja continuidade, como um tapete de madeira, indo de encontro ao conceito inverso de seu uso padrão. Esculpir uma geometria que nos envolveu para viver essa experiência foi importante. Abrir a parede para revelar a lareira foi a maneira de convidar para o nosso espaço.

O projeto é composto de um único elemento, o envoltório no qual diferentes geometrias são esculpidas para que as experiências aconteçam. O espaço principal é acessado através de uma abertura assimétrica na estante ao lado do sofá. A elevação frontal filtra a luz com um painel de linho que faz com que a iluminação seja percebida em toda a fachada e não em uma única janela. As paredes restantes são para contemplação, em uma delas está a lareira e, no seu oposto, a obra de arte Gravity de Lorna Smith, onde um personagem "pensante" é o protagonista dessa experiência.

© Nacho Uribe Salazar
© Nacho Uribe Salazar

Todas as linhas dos diferentes planos se encontram na mesma altura, tanto a marcação da madeira como o banco contínuo e o assento do sofá em um plano a 50 cm do piso, como as linhas da estante. Para nós, essa era uma premissa muito importante, já que a exatidão das linhas nos conferiria uma sensação de harmonia e tranquilidade. A iluminação controlada muda de intensidade dependendo do momento do dia assim como o clima da cidade de Madri.

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:Calle de Velázquez, 21, 28001 Madri, Espanha

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Instalação Topografias do prazer / Lorna de Santos" [Instalación Topografías del placer / Lorna de Santos] 23 Jul 2020. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/944253/instalacao-topografias-do-prazer-lorna-de-santos> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.