Residência “cul-de-sac” / Chathurika Kulasinghe - Architect

Residência “cul-de-sac” / Chathurika Kulasinghe - Architect

© Ramitha Watareka Photography© Ramitha Watareka Photography© Ramitha Watareka Photography© Ramitha Watareka Photography+ 36

Hokandara, Sri Lanka
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  115
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2019
  • Fotógrafo Fotografias:  Ramitha Watareka Photography
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: AutoDesk, Google, Kevilton, Multilac, Rhino, Rocell, Sonoff, Tokyo cement
  • Arquiteto Responsável:Chathurika Kulasinghe
  • Clientes:Anushka Rochana Bandara
  • Engenharia :Sarath Bandara
  • Cidade:Hokandara
  • País:Sri Lanka
Mais informaçõesMenos informações
© Ramitha Watareka Photography
© Ramitha Watareka Photography

Descrição enviada pela equipe de projeto. O cliente é um jovem casal com um orçamento limitado e interessado em ter um lar para si como um lugar para fugir e relaxar, longe de seus afazeres diários. Localizada em um bairro residencial em Horahena, esta casa é caracterizada por sua formação curva que é derivada do desenho do terreno - um lote elevado em um cul-de-sac (rua sem saída) da via de acesso comum que define a sua borda curva.

© Ramitha Watareka Photography
© Ramitha Watareka Photography
Planta - térreo
Planta - térreo
© Ramitha Watareka Photography
© Ramitha Watareka Photography

O terreno de formato ímpar foi adquirido devido a limitações orçamentárias. O projeto pretendia, portanto, usar essa forma de maneira positiva, assumindo a curvatura natural do local como determinante na geração de uma experiência espacial marcante. Abraçando essa borda curvada, em vez de lutar contra ela, o arquiteto adotou uma abordagem introvertida, criando jardins internos e muito espaço livre necessário nesse pequeno terreno. A borda côncava utilizada no ponto de entrada das instalações é caracterizada por uma parede rústica de tijolos à vista.

© Ramitha Watareka Photography
© Ramitha Watareka Photography

Ao entrar na residência se encontra o espaço de estar e de jantar em um ambiente aberto. Sua forma orgânica permite uma conversa fluida com os jardins curvilíneos aos quais o espaço se abre. Sem vistas e com o terreno bloqueado por outras edificações, o arquiteto projetou o espaço de estar e jantar como um volume com faixas de jardim de ambos os lados, permitindo que o espaço pareça expansivo - como se o jardim fizesse parte do ambiente coberto. Esse sentimento não-obstrutivo de continuidade é alcançado por um espaço sem vigas, criando vigas invertidas que são usadas como assentos no nível superior.

© Ramitha Watareka Photography
© Ramitha Watareka Photography
Corte 01
Corte 01
Croqui
Croqui
© Ramitha Watareka Photography
© Ramitha Watareka Photography

As bordas no terraço do nível superior são tratadas com floreiras, fornecendo vegetação para o dormitório principal. Embelezados com plantas verdes luxuriantes nativas da localidade, como Habarala (Alocasia macrorrhizos), Helicônia / “Garras de lagosta” e bananeiras, os jardins curvilíneos que flanqueiam as bordas do volume destacam as paredes limítrofes - uma abordagem introvertida adequada às personalidades do jovem casal que exigia um espaço livre para relaxar em meio a um bairro movimentado.

© Ramitha Watareka Photography
© Ramitha Watareka Photography

As escadas levam ao dormitório principal no pavimento superior que, por sua vez, se abre para o terraço "flutuando" acima do ambiente, adornado com vegetação nos dois lados do terraço. O dormitório principal tem um telhado inclinado que cria um grande volume espacial marcante - o auge da experiência espacial, com a parede de tijolos sendo criada como um material terroso e rústico para suavizar o espaço e criar um ambiente aconchegante. Esses tons quentes complementam as paredes simples de gesso branco e são usados com cuidado para que a arquitetura seja simples e atenda ao estilo de vida dos clientes trabalhando dentro de restrições orçamentárias. Para finalizar, os elementos coloridos e a vegetação conferem um toque especial a esse lar criado em meio ao ambiente tropical no qual a casa está inserida. 

© Ramitha Watareka Photography
© Ramitha Watareka Photography

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Residência “cul-de-sac” / Chathurika Kulasinghe - Architect" [The “cul-de-sac” Residence / Chathurika Kulasinghe - Architect] 22 Abr 2020. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/938097/residencia-cul-de-sac-chathurika-kulasinghe-architect> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.