Teatro ao ar livre / APL design workshop

Teatro ao ar livre / APL design workshop

© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo+ 20

  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  170
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2019
  • Fotógrafo Fotografias:  KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: C.I. TAKIRON Corporation, Rhino, SAKATA, Vectorworks
  • Arquitetos Responsáveis:OHNO, Hidetoshi
  • Equipe De Projeto:A.P.L. design workshop. OHNO, Hidetoshi, EGUCHI, Shinya, YAMAMOTO, Shinya, IKAI, Yohei, IWATA, Shinichiro
  • Clientes:YKK
  • Engenharia Equipamentos:Sogo Setsubi Consulting Company Limited
  • Engenharia Estrutural:KONISHI Structural Engineers
  • Paisagismo:Kurobe Clean and Green
  • Construtora:Daiichi Kensetsu
  • Empreiteira Instalações Mecânicas E Elétricas:Kurobe M-tech
  • Empreiteira Paisagismo:Kurobe Clean and Green
  • Cidade:Kurobe
  • País:Japão
Mais informaçõesMenos informações
© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo
© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo

Descrição enviada pela equipe de projeto. A residência Maezawa Garden*, na cidade de Kurobe, uma pequena vila de frente para o mar no Japão, possui um vasto jardim natural composto pela topografia ondulada do gramado e suas árvores. Nela há um anfiteatro chamado "Teatro ao Ar Livre" no canto do jardim e integrado ao projeto paisagístico. Este espaço consiste em uma suave inclinação do gramado que já existia aqui antes da nossa intervenção, um monte circular com diâmetro qualquer envolto por um banco semicircular com degraus feitos em tábuas de madeira para ferrovia. Inclinação do gramado e o banco estão de frente para o outro lado do monte circular.

© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo
© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo
Planta baixa - situação
Planta baixa - situação
© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo
© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo

Combinações diferentes nos usos dos componentes criam três tipos de configurações teatrais. A primeira configuração usa o banco semicircular para acomodar o público e o monte circular e a inclinação do gramado para o palco, podendo acomodar cerca de 300 pessoas. Um gramado muito profundo e amplo com seção ascendente pode criar um efeito dinâmico e único. A segunda utiliza o banco e o monte para o palco e a inclinação do gramado para os assentos do público. A terceira, por sua vez, usa apenas o monte circular para o palco e o restante para o público. A última configuração é o que eles chamam de tipo vinha, grande e ideal para apresentações musicais. As duas últimas configurações podem acomodar mais de mil pessoas. Este anfiteatro foi projetado por nós e concluído em 1989.

© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo
© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo

Ele foi indicado para fazer parte do festival internacional de teatro chamado "Teatro Olímpico 2019", realizado em Toga e Kurobe no Japão, bem como em São Petersburgo na Rússia. Para facilitar este evento internacional, foram solicitadas várias instalações de apoio. Estruturas para a iluminação do palco, bem como alguns vestiários para os artistas atrás dos bancos. Os camarins foram implementados utilizando contêineres. Para o público, era necessário um hall e ele foi projetado como um jardim, cujo teto é apoiado por 17 árvores vivas (carvalhos e cedros) e pilares de aço **. Foi nomeado "Pergolado de Flores Brancas". Ele será usado como um local de descanso ao redor do jardim nas ocasiões comuns.

© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo
© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo
© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo
© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo

Louis Khan falou uma vez "provavelmente começou com um homem debaixo de uma árvore e, ao seu redor, os ouvintes das palavras de sua mente". Uma árvore pode criar um local para reuniões em qualquer lugar do mundo. A natureza selvagem de uma árvore também pode dotar um lugar de espírito. Quem passa algum tempo nesse jardim experimentará a verdadeira sensação de "conviver com a natureza", transmitida desde os tempos antigos. Como o pergolado está aos pés de uma encosta coberta por uma floresta - quase como um santuário xintoísta japonês - sua entidade em meio a vegetação, seu ar frio e a escuridão levam as pessoas para um mundo de mitos.

© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo
© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo

* A residência Maezawa Garden foi projetada por MAKI Fumihiko, laureado com o Prêmio Pritzker de Arquitetura, e foi concluída em 1982 pela YKK, uma empresa japonesa global que fabrica zíperes e outros dispositivos de fixação, além de produtos arquitetônicos.
** Para ser preciso, em termos de engenharia estrutural, essa estrutura é projetada com uma fórmula na qual a carga vertical no telhado é suportada por 26 pilares que incluem as 17 árvores vivas e 9 tubos de aço, e a carga lateral dos terremotos resiste somente pelos pilares de aço. O diâmetro dos troncos das árvores (8 cm) não é suficiente para suportar a profundidade máxima de neve neste distrito (1500 cm). No início deste projeto, o mirante deveria ser usado apenas para este evento durante o ano, mas as pessoas quiseram mantê-lo para uso constante e, por isso, será usado por muitos anos.

© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo
© KITAJIMA Toshiharu/ Archi Photo

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:Kurobe, Toyama, Japão

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Teatro ao ar livre / APL design workshop" [White Arbor and Open Air Theater / APL design workshop] 29 Mar 2020. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/936319/teatro-ao-ar-livre-apl-design-workshop> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.