Residência Bellbird / Steendijk

Residência Bellbird / Steendijk

© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges+ 29

Killarney, Austrália
  • Arquitetos: Steendijk
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  67
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2018
  • Fotógrafo Fotografias:  Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Airfusion, Austral Bricks, Bosch, Breezway, Claypave, EMBASSYLiving, GJames, Lysaght, Morso, Rainbow Power Company, Sun-Mar
  • Engenharia :Westera Engineers
  • Arquiteto Responsável:Brian Steendyk
  • Equipe De Projeto:Brian Steendyk, Timo Lueck, Shaun Crossman
  • Cidade:Killarney
Mais informaçõesMenos informações
© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges
© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges

Descrição enviada pela equipe de projeto. Bellbird é um refúgio de finais de semana em um cenário rural deslumbrante. A habitação modesta está localizada em uma reserva intocada de mata e incentiva o diálogo entre os ambientes criados pelo homem e os naturais. A conexão com o local é adotada através de materiais e formas de construção, sensibilidade climática e enquadramento de vistas. Como um local de contemplação e rejuvenescimento, a Bellbird é excelente. Assentada sobre a terra rural, proporciona aos seus usuários conforto e refúgio.

© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges
© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges

A sustentabilidade em um ambiente climático extremo foi adotada desde a captação de água da chuva até medidas passivas de projeto, utilizando o volume e a orientação da edificação para criar conforto térmico durante todo o ano. Com um local suscetível a incêndios devastadores, o design do telhado resistente ao fogo eliminou as vigas de madeira, utilizando a capacidade estrutural do aço para criar uma estrutura de extensão única com beirais em balanço. A sua profundidade permite que o sol do inverno penetre, preservando calor no volume da laje de concreto para tornar as noites quentes e agradáveis. No verão, o sol é barrado, permitindo que a brisa transfira a sensação fria da laje.

© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges
© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges
Planta
Planta
© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges
© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges

Ao se aproximar, a Bellbird parece uma fortaleza com o telhado de aço plissado coroando três lâminas de tijolos que amarram a habitação inextricavelmente ao local, protegendo-a do vento, sol e fogo. A edificação é arrojada, esculpida na paisagem. Está posicionada para maximizar a paisagem da montanha para uso recreativo, seduzindo o ocupante através de portas deslizantes que se abrem para trás. Os balanços na laje de concreto fornecem um assento improvisado e desencorajam a vida selvagem a acessar os espaços interiores. A forma do telhado retorcido responde às características topográficas que se elevam sobre o espaço modesto para enquadrar o topo da montanha.

© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges
© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges

Dissolvendo a distinção entre interior e exterior, as paredes monolíticas das lâminas de tijolo são transportadas para dentro, as dobras triangulares do telhado penetram na fachada de vidro ao norte e sua pátina ressoa com a casca das árvores circundantes. Após um banco acolhedor e uma entrada coberta, o interior modesto de planta livre se expande drasticamente para uma vista de tirar o fôlego. O interior emprega os ricos tons dourados do pinheiro indígena cultivado localmente utilizado para marcenaria, portas, paredes e forros.

© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges
© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges
© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges
© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges

As janelas dos dormitórios são orientadas para as vistas da "manhã", com os espaços de estar capturando as vistas da "noite", enquanto os últimos raios iluminam a impressionante escarpa do Condamine Gorge. O banheiro fica entre os dormitórios conectado por um corredor de persianas protegidas por uma malha externa de aço inoxidável. As portas do corredor são rebatidas na parede e podem ser prontamente configuradas para permitir que os ocupantes de ambos os dormitórios usem o banheiro com a privacidade mantida ou tenham um banheiro no quarto principal. O interior é simples, contido e escasso e é um contraponto à beleza onipresente da paisagem natural. Sensibilidades rurais e tectônicas restritas equilibram a composição da edificação, criando espaços abertos, porém protegidos.

© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges
© Christopher Frederick Jones, Brian Steendyk, Craig Hodges

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Residência Bellbird / Steendijk" [Bellbird Retreat House / Steendijk] 05 Set 2019. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/923777/residencia-bellbird-steendijk> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.