Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Hotéis
  4. Itália
  5. noa* network of architecture
  6. 2017
  7. Hotel em Altitude / noa* network of architecture

Hotel em Altitude / noa* network of architecture

  • 17:00 - 11 Fevereiro, 2019
  • Curadoria de María Francisca González
  • Traduzido por Camilla Sbeghen
Hotel em Altitude / noa* network of architecture
Hotel em Altitude / noa* network of architecture, © Alex Filz
© Alex Filz

© Alex Filz © Alex Filz © Alex Filz © Alex Filz + 48

  • Arquitetos

  • Localização

    Saltria 16 Seiser Alm, 39040 Castelrotto BZ, Itália
  • Equipe de Projeto

    Stefan Rier, Andreas Profanter, Anna Grandi, Barbara Runggatscher, Joanna Lehnis Client: Markus Burger, Luisa Schenk
  • Área

    1870.0 m2
  • Ano do projeto

    2017
  • Fotografias

© Alex Filz
© Alex Filz

Descrição enviada pela equipe de projeto. Com a renovação e ampliação do Refúgio Zallinger, no Seiser Alm / Alpe di Siusi, nasceu um novo modelo de hospitalidade que serve como um bom exemplo de turismo responsável.

© Alex Filz
© Alex Filz
Situação
Situação
© Alex Filz
© Alex Filz

Uma intervenção de recuperação histórica e paisagística em um contexto montanhoso. Os celeiros do século XIX renascem como mini-chalés, que trazem de volta o encanto de uma aldeia alpina. A tradição do sul de Tirol é combinada com conforto, qualidade de design e sustentabilidade. O hotel foi construído com a máxima proteção ambiental em todos os aspectos da construção. O projeto foi feito por noa*, um estúdio de arquitetura da região há muito tempo comprometido com o desenvolvimento de modelos inovadores de receptividade e turismo ecológico.

© Alex Filz
© Alex Filz

O objetivo era melhorar a qualidade e a capacidade de alojamento de uma antiga estrutura hoteleira, sem alterar a delicada paisagem e o equilíbrio ambiental, criando ao mesmo tempo valor estético e sustentabilidade. Esta foi a meta dos arquitetos no planejamento e expansão do Refúgio Zallinger.

© Alex Filz
© Alex Filz
Planta - térreo
Planta - térreo
© Alex Filz
© Alex Filz

O projeto, concluído em 2017, criou novos espaços sem alterar os volumes existentes e, ao mesmo tempo, retornou ao assentamento histórico com as característica da pequena aldeia original. Através das soluções e materiais adotados, a magia daquela época foi trazida de volta à vida, tanto no respeito pelo meio ambiente como pelas tradições.

© Alex Filz
© Alex Filz
© Alex Filz
© Alex Filz

O arquiteto Stefan Rier explica: "Neste projeto, procuramos também destacar a forte relação entre arquitetura e contexto, que caracteriza todas as nossas obras. Queremos propor novos modelos de vida e hospitalidade que, por um lado, recuperem formas e materiais tradicionais" e, por outro, expresse a qualidade do desenho, altos níveis de conforto e sustentabilidade O ambiente alpino é um sistema complexo e fascinante que deve ser entendido e respeitado, pensamos que é importante pensar em novos espaços e maneiras de inibi-los: ambientes em uma escala humana, confortável, acolhedora, mas acima de tudo única e autêntica".

© Alex Filz
© Alex Filz

O Zallinger Hut foi construído em meados do século XIX a 2200 metros abaixo do Sassopiatto. Era, anteriormente, cercado por sete celeiros e uma pequena igreja. Posteriormente, os celeiros foram substituídos por um único grande edifício (1880), que ao longo do tempo assumiu outras funções. A extensão foi uma oportunidade para reviver a estrutura original, procedendo na reestruturação do corpo central do hotel, na demolição do celeiro anterior e na construção de sete chalés novos organizados respeitando a planta original do local.

Fachada H
Fachada H

O objetivo de noa* era recuperar a estrutura tradicional das pastagens de montanha de Tirol do Sul de uma maneira moderna, que resultou no projeto dos novos chalés. Os revestimentos externos que circundam os chalés são feitos de blocos de madeira maciça que parecem ser empilhados juntos em uma alternância de espaços cheios e vazios. O resultado, inspirado na estrutura dos antigos celeiros, evita os reflexos das janelas expostas, inadequado em um contexto de alta montanha. Os painéis de madeira são projetados para serem abertos nas grandes janelas, proporcionando a visão da espetacular paisagem alpina e, quando estão fechados, criam luz e sombras evocativas nos dormitórios, contribuindo para o relaxamento dos hóspedes do hotel.

© Alex Filz
© Alex Filz

Sustentabilidade, respeito pelas montanhas e contato direto com a natureza são os princípios que guiaram todas as escolhas de desenho. Por exemplo, no projeto das novas salas, o uso cuidadoso do espaço foi feito para fornecer altos níveis de conforto em tamanhos relativamente pequenos; as coberturas com telhas de madeira, típicas da região, foram usadas. Todos os materiais foram certificados e o complexo de edifícios obteve a certificação do Clima Hotel. Foi decidido não iluminar os caminhos que conectam os chalés para evitar a poluição luminosa e permitir que os hóspedes, equipados com lanternas, admirem o encanto do céu estrelado.

© Alex Filz
© Alex Filz

É significativo que, juntamente com a reforma do Refúgio Zallinger, também tenha sido lançado um plano para minimizar o fluxo de carros em uma área que tem visto um forte crescimento de visitantes nos últimos anos. A partir de 2014, a propriedade Zallinger, com o apoio do escritório de arquitetura, envolveu os gestores de outros 6 hotéis da região na construção de um único ponto de coleta para os carros dos hóspedes localizados no vale. Esta estrutura está em fase de conclusão, mas já em 2017 as chegadas às pousadas ocorrem apenas de ônibus ou, no inverno, com o "trator de neve".

© Alex Filz
© Alex Filz

Ver a galeria completa

Localização do Projeto

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Hotel em Altitude / noa* network of architecture" [A Hotel at High Altitude / noa* network of architecture] 11 Fev 2019. ArchDaily Brasil. (Trad. Sbeghen Ghisleni, Camila) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/910908/hotel-em-altitude-noa-star-network-of-architecture> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.