Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Centro Tahoe Qingyun / Shanghai Tianhua architectural design

Centro Tahoe Qingyun / Shanghai Tianhua architectural design
Showroom  · 
Fuzhou, China
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área: 3000.0 m2
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano: 2018
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: 信义玻璃, 思科达铝板, 意大利蒙菲斯
  • Cliente

    Tahoe Group
  • Paisagismo

    GM Landscape Design
  • Interiores

    WU:Z Design Co., Limited
Mais informações Menos informações

Vista área. Imagem © SCHRAN Architectural Photography Praça e acesso. Imagem © SCHRAN Architectural Photography Espaço interior transparente. Imagem © SCHRAN Architectural Photography Treliça "barriga-de-peixe". Imagem © SCHRAN Architectural Photography + 22

Vista área. Imagem © SCHRAN Architectural Photography
Vista área. Imagem © SCHRAN Architectural Photography

Descrição enviada pela equipe de projeto. A centro Tahoe Qingyun está localizado 30 km à sudeste de Fuzhou, capital da província de Fujian. Fuzhou é conhecida a mais de mil anos, desde os tempos da dinastia Song, como um tesouro cultural da região. Sua incrível diversidade natural e cultural se esparrama por entre uma paisagem de florestas, riachos e montanhas. Inspirados por este rico contexto, os arquitetos buscaram incorporar partes da cultura zen tradicional da dinastia Song na concepção deste projeto único na cidade de Qingyun.

Praça e acesso. Imagem © SCHRAN Architectural Photography
Praça e acesso. Imagem © SCHRAN Architectural Photography

Prós e contras

Ao lado deste complexo arquitetônico chamado de Tahoe Qingyun, o rio Dazhang passa calmamente por entre o vale verde de Fuzhou. Durante a primeira fase de construção, todas as vias foram bloqueadas, tornando muito difícil o acesso do local por terra. Desta maneira, os visitantes eram obrigados a deslocar-se de balsa. O que em um primeiro momento poderia parecer uma inconveniência, acabou se tornando um de seus maiores atrativos uma vez que os arquitetos, percebendo o seu potencial, transformaram os ancoradouros das balsas em uma rede inter-conectada de transporte fluvial que dá acesso a todos os edifícios do conjunto. Além do mais, a viagem de barco permite que os visitantes tenham uma perspectiva única, com vistas para as duas margens do rio. A partir do ancoradouro, os visitantes passam por sinuosos caminhos em meio a floresta de bambus antes de chegar até o conjunto de edifícios.

Cortesia de Shanghai Tianhua architectural design
Cortesia de Shanghai Tianhua architectural design

Reinterpretando o clássico

O projeto tira partido dos icônicos elementos da tradicional arquitetura Song, incorporando-os em sua arquitetura. A fachada foi construída utilizando placas de alumínio revestidas com lâminas de madeira, fazendo um claro paralelo entre o clássico e o contemporâneo. A arquitetura é solene, porém não convencional. Toda a estrutura do edifício foi construída em aço, porém conservando as proporções clássicas dos edifícios da Dinastia Song. Pórticos triangulares foram escolhidos para compor a modulação da estrutura e da fachada do edifício. Ao mesmo tempo, estes elementos periféricos são conectados através das enormes treliças da estrutura da cobertura. Os beirais que cobrem as varandas perimetrais foram concebidos como elementos vazados, principalmente por conta dos fortes ventos e tufões que castigam a região de tempos em tempos, além é claro, de garantir leveza e transparência ao edifício.

Simplicidade da fachada. Imagem  © SCHRAN Architectural Photography
Simplicidade da fachada. Imagem © SCHRAN Architectural Photography
Diagrama da treliça
Diagrama da treliça
Cobertura. Imagem © SCHRAN Architectural Photography
Cobertura. Imagem © SCHRAN Architectural Photography

Dissimulando elementos   

O principal objetivo deste projeto é a simplicidade. Por isso os arquitetos procuraram esconder os elementos funcionais, entre os quais a drenagem da cobertura. As calhas do telhado e os tubos de queda encontram-se ocultos nas colunas quadradas do edifício, encaminhando as águas pluviais até o solo. Cada elementos da cobertura foi projetado com uma inclinação específica, encaminhando a água da chuva para as colunas. Os beirais são amplos o suficiente para garantir que sob chuvas leves, este grande espaço aberto possa ser utilizado normalmente.

Espaço interior transparente. Imagem © SCHRAN Architectural Photography
Espaço interior transparente. Imagem © SCHRAN Architectural Photography
Corte
Corte

Transparência

O edifício foi concebido com esquadrias de vidro duplo LOW-E de alta transparência, ocultando elementos secundários e realçando os componentes primários da estrutura. As esquadrias de 4m quadrados foram concebidas de tal forma que revelam apenas seus montantes verticais. O edifício é, portanto, extremamente brilhante e transparente. Estratégias passivas também foram incorporadas no edifício, que conta com aberturas externas elétricas e janelas de exaustão instaladas a uma altura de 6m para favorecer o efeito chaminé e a ventilação cruzada.

Treliça "barriga-de-peixe". Imagem © SCHRAN Architectural Photography
Treliça "barriga-de-peixe". Imagem © SCHRAN Architectural Photography

Ciclos das águas

O edifício foi implantado em um terreno levemente inclinado. Aqui os recursos hídricos são bastante limitados e o sistema de proteção contra incêndios se tornou um grande desafio a ser resolvido. Por isso os arquitetos integraram os espelhos d'água externos com o sistema de combate a incêndios. Ao mesmo tempo, estes elementos ampliam a distância entre o edifício e a rua comercial, servindo como um mediador entre o edifício e o público, resguardando-o da movimentada via comercial.

Vista noturna. Imagem © SCHRAN Architectural Photography
Vista noturna. Imagem © SCHRAN Architectural Photography

Caminhando ao longo destes espelhos d'água, os visitantes desembarcam na rua comercial, onde os arquitetos acrescentaram espaços semi-abertos com forma de pavilhões, desfocando as fronteiras entre os espaços internos e externos, integrando todo o conjunto em um único espaço fluido e contínuo. O edifício principal funciona como um elemento dinâmico deste enorme pátio público,  oferecendo um lugar tranquilo para descansar. O cobertura do edifício foi inspirada nas cumeeiras de asa de andorinha, clássicos elementos da arquitetura tradicional de Fujian, reinterpretando a herança da arquitetura tradicional e incorporando-a em um projeto de arquitetura contemporânea. 

Rua comercial. Imagem © SCHRAN Architectural Photography
Rua comercial. Imagem © SCHRAN Architectural Photography

Cenários mutantes

O projeto de paisagismo foi concebido segundo a tipologia de jardins chineses,  usufruindo da exuberante paisagem local, a qual se transforma a cada estação. A paisagem arquitetônica parece ter sido delicadamente implantada em meio a natureza. As colinas, os pinheiros, os pórticos e os tipos de pavimento, tudo foi pensado segundo à estética da dinastia Song. Este pátio tem o sabor dos jardins tradicionais e ao mesmo tempo o frescor da arquitetura contemporânea. A experiência visual é completamente tridimensional. Os caminhos que atravessam a área, o corredor temático "caminho de pedra ao som da primavera", tudo foi cuidadosamente planejado para enfatizar o prazer da vida no campo combinado com um espaço arquitetônico ao mesmo tempo rico e complexo.

Ciclos das águas. Imagem © SCHRAN Architectural Photography
Ciclos das águas. Imagem © SCHRAN Architectural Photography

Galeria do Projeto

Ver tudo Mostrar menos

Localização do Projeto

Endereço: Yongtai County, Fuzhou, Fujian, China

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Centro Tahoe Qingyun / Shanghai Tianhua architectural design" [Tahoe Qingyun Town / Shanghai Tianhua architectural design] 07 Out 2018. ArchDaily Brasil. (Trad. Libardoni, Vinicius) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/903311/centro-tahoe-qingyun-shanghai-tianhua-architectural-design> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.