CARRASCAL - Etapa 1 / NOMADA + eypaa

CARRASCAL - Etapa 1 / NOMADA + eypaa

© Gonzalo Viramonte© Gonzalo Viramonte© Gonzalo Viramonte© Gonzalo Viramonte+ 32

Córdoba, Argentina
  • Arquitetos: NOMADA, eypaa
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  1125
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2018
  • Fotógrafo Fotografias:  Gonzalo Viramonte
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Electro Alem, Ferre Val, Lafarge Holcim, Marmolería Caraffa, Saniplast
  • Construção:CONSTRUCCIONES Y LOGÍSTICA JCH SA (Empresa construtora)
  • Cálculo Estrutural:Eng. Raúl Vaca Narvaja
  • Projeto Elétrico:De S S.R.L Ingeniería e Instalaciones
  • Projeto Hidrossanitário:Eng. Nannini – Eng. Araujo
  • Arquitetos Autores Da Obra:Lucía López Seco, Romina Rossetti [Estudio NOMADA] + Pablo Eguía, Gabriela Papera [Estudio eypaa]
  • Cidade:Córdoba
  • País:Argentina
Mais informaçõesMenos informações
© Gonzalo Viramonte
© Gonzalo Viramonte

Descrição enviada pela equipe de projeto. O projeto, encarregado pela Mutual Docente da Província de Córdoba, que tem como objetivo tornar possível o desejo da "casa própria", propõe a confirmação de um conjunto de moradias em três níveis com a intenção de integrar-se ao entorno mantendo o conceito de bairro. 

© Gonzalo Viramonte
© Gonzalo Viramonte
Planta - térreo
Planta - térreo

O eixo da proposta é o "espaço comum" projetado como ruas internas próprias do conjunto, recriando a ideia de "pátios". A estrutura da proposta em módulos de três unidades responde ao requerimento de que o projeto se transformará em modelo para outros empreendimentos permitindo uma grande adaptabilidade a diferentes localizações e terrenos. 

Axonométrica - Frontal
Axonométrica - Frontal
© Gonzalo Viramonte
© Gonzalo Viramonte

O prédio ocupa uma quadra completa que encontra-se no setor sudoeste da cidade de Córdoba, bairro em processo de desenvolvimento. A ideia tipológica da moradia partiu do conceito de não reduzir o fato do habitar uma moradia coletiva do tipo "casa-grande", a qual é acessada por corredores internos sem ventilação ou iluminação natural e, habitações com ventilação em uma só fachada. Propõe-se, em vez disso, a ideia de "casas" com ventilações cruzadas, aberturas nas fachadas facilmente identificáveis desde o exterior e em contato direto com a rua.

© Gonzalo Viramonte
© Gonzalo Viramonte

A ideia de recuperar o estilo de vida de vizinhança se dá por meio da estruturação do conjunto através de "ruas-pátio" internas, que operam como âmbitos de socialização entre vizinhos e área de jogos para as crianças.

A proposta é organizada em agrupamentos pequenos de 9, 12 e 15 unidades de moradia, o que permite delimitar as relações internas entre proprietários colaborando para promover melhores relações entre vizinhos, a apropriação do espaço e diminuir conflitos. 

© Gonzalo Viramonte
© Gonzalo Viramonte

Cada um desses agrupamentos está organizado por meio de entradas, tanto pedonais como veiculares, desde a via pública até as "ruas-pátio" mencionadas. Cada unidade conta com uma praça de estacionamento previsto com uma porcentagem dimensionada para pessoas com deficiência e vagas adicionais destinadas à estacionamento de cortesia, com o objetivo de diminuir o uso dos estacionamentos nas ruas públicas perimetrais. 

© Gonzalo Viramonte
© Gonzalo Viramonte

Optou-se pelo uso de materiais nobres e tradicionais, privilegiando a busca por inovação em suas qualidades expressivas. Propõe-se uma estética contemporânea que dialogue com nossa cultura e nossa tradição, usando mão-de-obra local e o tijolo como protagonista em diferentes situações, gerando envolventes fechadas e também permeáveis que permitem o controle da luz assim como da privacidade. 

© Gonzalo Viramonte
© Gonzalo Viramonte

Propõe-se ainda conformar um conjunto no qual cada moradia conserva sua individualidade em seu agrupamento, buscando reproduzir a experiência da "casa própria". Isso é feito dotando cada unidade de uma relação direta com os espaços comuns, onde as portas de cada unidade estão próximas aos estacionamentos e pátios. Em síntese, as unidades possuem tanto as vantagens da moradia individual, como as da coletiva, criando um excelente equilíbrio que se materializará em qualidade de vida para os seus habitantes. 

© Gonzalo Viramonte
© Gonzalo Viramonte

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos
Sobre este escritório
Escritório
Escritório
Cita: "CARRASCAL - Etapa 1 / NOMADA + eypaa" [CARRASCAL, Barrio de Maestros - Etapa 1 / NOMADA + eypaa] 27 Ago 2018. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/900818/carrascal-etapa-1-nomada-plus-eypaa> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.