Museu IBERO / EDDEA

Museu IBERO / EDDEA

© Fernando Alda© Fernando Alda© Fernando Alda© Fernando Alda+ 21

Jaén, Espanha
  • Arquitetos: EDDEA
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2016
  • Fotógrafo Fotografias:  Fernando Alda
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Torresfire
  • Arquitetos Encarregados:J.L. López de Lemus, Harald Schönegger, Ignacio Laguillo, Luis Ybarra
  • Gestão De Obra:Rosalino Daza
  • Engenheiro Industrial:Miguel Sibón
  • Engenheiro Caminhos:Enrique Cabrera
  • Arquitetos Colaboradores:Blanca Farrerons, Ignacio Olivares, Jacobo Otero
  • Paisagismo:Jaime García - V.Olimpia
  • Empreiteira Fase I:UTE COPCISA / NORIEGA José Manuel López. Jefe de Obra
  • Empreiteira Fase Ii:COPCISA Enrique Martínez. Jefe de Grupo Carlos López. Jefe de Obra César Moral. Jefe de Producción
  • Promotor:Junta de Andalucía, Consejería de Cultura
  • Projeto Executivo:F. Javier Sánchez, Loreto Camacho, Fernando Mármol, arquitecto
  • Concurso De Ideias:Solid Arquitectura, Álvaro Soto, Javier Maroto, arquiteto
  • Cidade:Jaén
  • País:Espanha
Mais informaçõesMenos informações
© Fernando Alda
© Fernando Alda

Descrição enviada pela equipe de projeto. As origens do novo Museu podem ser localizadas em finais de 2001, quando o Ministério da Fazenda, o Conselho Provincial de Jaén, o Governo Andaluz e a Prefeitura de Jaén entraram em acordo para transformar a antiga Prisão Provincial na futura sede do museu. Com isso formam-se as bases para que a cidade de Jaén recupere para uso público e cultural um lugar relevante dentro da cidade, situado na nova zona comercial e de servis na confluência entre a parte final do Paseo de La Estación e a Avenida de Muñoz Grande.

© Fernando Alda
© Fernando Alda
Planta 00
Planta 00
© Fernando Alda
© Fernando Alda

O Museu Íbero de Jaén nasce com o objetivo de oferecer uma ampla visão da cultura ibérica, promovendo a conservação, pesquisa e difusão da Arte Ibérica através da arqueologia e da antropologia. Sobre bases definidas na proposta vencedora do Concurso Internacional de Ideias convocado no ano de 2003, o Museu Íbero é projetado a partir de traços da antiga Prisão Provincial de Jaén. A proposta finalmente executada se define propondo uma revalorização de sua espacialidade através de um edifício rico em termos de relação entre suas áreas públicas, assim como quanto a respeito da organização de seus espaços e sua materialização, tanto no interior do edifício, quanto nas áreas externas de acesso.

Corte
Corte

De forma sucinta o programa funcional do museu pode ser agrupado nas seguintes áreas principais: salas com público, com exposição permanente, exposições temporárias e áreas de serviços e circulação de público, como, zona de acolhimento e informações, acesso às salas, loja, cafeteria e sala de conferências. Além disso, existem as salas sem público e com bens culturais com uma área de recepção de peças, de conservação e restauro e outra de reserva com espaços de armazenamento, documentação e escritórios. Para além dessas modalidades, há, ainda, as salas sem público e sem bens culturais, que dizem respeito à Biblioteca e à área da Direção e Administração.

© Fernando Alda
© Fernando Alda

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:Paseo de la Estación, 39, 23007 Jaén, Espanha

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Escritório
Cita: "Museu IBERO / EDDEA" [Museo IBERO / EDDEA] 12 Set 2020. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/887735/museu-ibero-eddea> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.