O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Galeria
  4. Portugal
  5. Guilherme Machado Vaz
  6. 2017
  7. Real Vinícola – Casa da Arquitectura / Guilherme Machado Vaz

Remodelaçao

Apresentado por the MINI Clubman

Real Vinícola – Casa da Arquitectura / Guilherme Machado Vaz

  • 09:00 - 1 Dezembro, 2017
Real Vinícola – Casa da Arquitectura / Guilherme Machado Vaz
Real Vinícola – Casa da Arquitectura / Guilherme Machado Vaz, © Luís Ferreira Alves
© Luís Ferreira Alves

© Luís Ferreira Alves © Luís Ferreira Alves © Luís Ferreira Alves © Luís Ferreira Alves + 29

© Luís Ferreira Alves
© Luís Ferreira Alves

Descrição enviada pela equipe de projeto. Através de uma investigação do contexto histórico dos edifícios industriais da Real Vinícola, construídos entre 1897 e 1901, o projeto de arquitetura - 100 anos depois - tem como suporte as ruínas existentes no local e a sua reabilitação.

© Luís Ferreira Alves
© Luís Ferreira Alves

“No momento em que o edifício rui” segundo Simmel, “isso não significa outra coisa senão que as meras forças da natureza começam a predominar sobre a obra humana: a equação entre natureza e espírito humano desloca-se em favor da natureza”.

© Luís Ferreira Alves
© Luís Ferreira Alves

O objetivo principal deste projeto foi restabelecer o equilíbrio das forças entre a natureza e o espírito humano. Um equilíbrio que passou por uma negociação com ambos. Com a natureza, que reivindica, numa luta infindável, um espaço que outrora foi seu; o espírito humano manifestado há cem anos atrás e que construiu esse espaço; e aquele que obrigatoriamente terá de se manifestar hoje e dialogar com os anteriormente referidos.

© Luís Ferreira Alves
© Luís Ferreira Alves

Exemplo desse diálogo, são as árvores que se mantêm no interior de um dos edifícios e que foram mantidas, criando-se - para que tal fosse viável - pátios exteriores. O edifício voltou a ser ocupado, mas respeitou-se o direito adquirido pela natureza ao longo dos anos em que o local esteve ao abandono.

Cortes
Cortes

Procurou-se desenhar – sempre que possível - de acordo com o projeto original. Toda a volumetria exterior foi recuperada, o desenho das asnas de madeira manteve-se, reconstruíram-se carpintarias. Tentamos manter o espírito industrial do lugar.

© Luís Ferreira Alves
© Luís Ferreira Alves

Houve alteração de funções o que implicou novos espaços, infraestruturas e legislação a ser cumprida. As caixas de escadas em betão (concreto) colocadas no exterior do edifício foram necessárias por razões de segurança contra incêndio. Optou-se por não as introduzir no interior devido ao impacto negativo que as mesmas teriam na estrutura de aço da laje que exprime toda a sua beleza na repetição quase infinita do módulo estrutural criado pelos pilares e as vigas. Foi necessário abrir-se janelas no alçado nascente do quarteirão. Uma vez que estávamos a introduzir um novo elemento no projeto, optamos por assumir o carácter contemporâneo da intervenção em vez de a dissimular, funcionando a janela como uma moldura que é encostada à parede, contrariamente às janelas existentes que são massa retirada à mesma.

© Luís Ferreira Alves
© Luís Ferreira Alves

Para além de procurar este equilíbrio entre as diferentes forças intervenientes, quisemos que o mesmo fosse visível e se manifestasse em toda a sua verdade porque acreditamos que a matéria deveria, neste caso particular, ser lida no espaço e no tempo.

© Luís Ferreira Alves
© Luís Ferreira Alves
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato. Cita: "Real Vinícola – Casa da Arquitectura / Guilherme Machado Vaz" [Real Vinícola – Casa da Arquitectura / Guilherme Machado Vaz] 01 Dez 2017. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/884700/real-vinicola-nil-casa-da-arquitectura-guilherme-machado-vaz> ISSN 0719-8906