O site de arquitetura mais visitado do mundo
Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Edifícios Institucionais
  4. Brasil
  5. Studio Prudencio
  6. 2016
  7. Sebrae MG / Studio Prudencio

Remodelaçao

Apresentado por the MINI Clubman

Sebrae MG / Studio Prudencio

  • 05:00 - 16 Setembro, 2017
Sebrae MG / Studio Prudencio
Sebrae MG / Studio Prudencio, © Marcelo Donadussi
© Marcelo Donadussi

© Marcelo Donadussi © Marcelo Donadussi © Marcelo Donadussi © Marcelo Donadussi + 36

  • Arquitetos

  • Localização

    R. Barão Homem de Melo, 329 - Nova Suíssa, Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil
  • Arquiteto Responsável

    Andreoni Prudencio
  • Equipe

    Bernardo Generosi, Miguel Esnaola, Crislaine Araújo, Geison Borges, Marcel Trescastro, Rodrigo Conceição, Marcela Green, Raquel Smidt, Monique Genari, Priscila Lerias, Renata Zen, Isadora Pedrollo, Úrsula Mello, Karen Grabin, Fernanda Antônio, Juliana Ziebell e Marcelo Della Giustina
  • Área

    16000.0 m2
  • Ano do projeto

    2016
  • Fotografias

  • Estrutura

    Simon Engenharia
  • Elétrico/Lógica/Automação/SPDA

    Zabkaledur Engenharia Elétrica
  • Hidrossanitário

    Cyro Carlos Bonetto Silva
  • Climatização

    Projetos Avançados Engenharia
  • Prevenção contra Incêndio

    Segurança Engenharia Projetos e Construções Ltda
  • Orçamento

    Plante Engenharia S/C Ltda
  • Construção

    Termoeste Engenharia e Instalações
  • Apoio Sebrae à Obra

    Eng. Marilene Fátima Neves Silva Villela, Arq. Leonardo Miranda Mello, Arq. Gilman Rodrigues e Eng. Omar Souki
  • Painel Artístico

    Alexandre Mancini
  • Mais informações Menos informações
© Marcelo Donadussi
© Marcelo Donadussi

Descrição enviada pela equipe de projeto. Frente a um conjunto de pré-existências originalmente não articuladas, a proposta para o edifício é a de um elemento integrador de modo a criar uma reestruturação global de novos acessos e novas conexões. O partido considerou a premissa exposta no programa, que define a distinção entre dois setores para o edifício: um administrativo e um de eventos. A composição do edifício é definida por um bloco único – administrativo - sobre uma base - eventos.

© Marcelo Donadussi
© Marcelo Donadussi
Planta - Térreo
Planta - Térreo

A inserção no local buscou a diminuição da área de ocupação do terreno no nível do pavimento térreo. Neste pavimento, foi inserida uma grande praça de acesso principal com a intenção de criar um espaço público através da extensão do passeio, o que ainda enfatiza o caráter público do próprio edifício. A criação desta foi possível com a distribuição de três níveis de estacionamento em subsolo, cujo acesso dá-se pela via de menor tráfego.

© Marcelo Donadussi
© Marcelo Donadussi

A praça dá acesso à base através de um foyer, que conecta-se à área de eventos, criando a possibilidade de um uso único em ocasiões especiais. Como cobertura deste foyer, tem-se a laje verde, que age como a materialização das novas conexões entre o novo edifício e o conjunto de suas pré-existências. Sobre esta base, é inserido o grande prisma translúcido, que recebe o setor administrativo, enfatizando a horizontalidade do elemento único de composição
simples. Para seu uso, a premissa foi o máximo de flexibilidade, atingida através do uso de divisórias em vidro com possibilidade de fechamento por persiana. A criação de espaços flexíveis admite possíveis re-arranjos ao longo do uso do edifício.

© Marcelo Donadussi
© Marcelo Donadussi

Em termos técnico-funcionais, é estruturado em uma malha regular múltipla de
0,625m, sub-módulo de inúmeros componentes construtivos. O sistema estrutural adotado, numa malha de 10x10m, compõe-se de vigas metálicas e pilares em concreto em conjunto com lajes pré-moldadas e steel deck. O edifício é organizado em grandes vãos viabilizados pelo uso de um pórtico treliçado de aço com altura de três pavimentos, elementos presentes nas fachadas longitudinais do bloco. A amarração e rigidez dos mesmos são dados através de perfis metálicos transversais.

© Marcelo Donadussi
© Marcelo Donadussi
Corte A
Corte A

O fechamento externo das fachadas noroeste e sudeste é constituído por duas
camadas: esquadrias metálicas com vidros de segurança e uma tela de aço inox de translucidez controlada de acordo com a orientação de cada fachada. As camadas, separadas por uma passarela técnica, cria um espaço de transição em que acontece a ventilação ascendente, gerando conforto térmico para o espaço interior. O conforto lumínico, por sua vez, dá-se através do filtro de luz e consequente redução da incidência de radiação fornecidos pela tela. Por fim, a laje de cobertura com grama garante o isolamento térmico e diminui a demanda sobre as redes públicas pluviais, ao reter por algum tempo o volume de água recolhido.

© Marcelo Donadussi
© Marcelo Donadussi

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Sebrae MG / Studio Prudencio" [Sebrae MG / Studio Prudencio] 16 Set 2017. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/879617/sebrae-mg-studio-prudencio> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.