Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Skyview / Murray Legge Architecture

Skyview / Murray Legge Architecture

© Whit Preston © Whit Preston © Whit Preston © Whit Preston + 32

Austin, Estados Unidos
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área: 120.0
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano: 2015
  • Fotógrafo Fotografias: Whit Preston
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Cook Shop Design, Minwax, Sierra Pacific Windows, Tom Dixon
  • Equipe De Projeto: Murray Legge, Travis Avery
  • Construção: Gray Renovation
  • Consultores: TK Consulting Engineers
Mais informações Menos informações
© Whit Preston
© Whit Preston

Descrição enviada pela equipe de projeto. Este típico bangalô dos anos 1940 de Austin foi estrategicamente reformado para transformar um conjunto de salas escuras de teto baixo em um único espaço contínuo com cozinha, sala de jantar e áreas de estar. As janelas customizadas de clerestório fornecem iluminação natural indireta ao longo do dia, e uma janela alta e estreita na frente da pia da cozinha enquadra uma árvore de mirtilo. Os armários embutidos maximizam a capacidade de armazenamento nos dois lados do ambiente.

Nossa intenção era trabalhar com a tipologia existente, uma modesta construção de madeira do pós-guerra. A construção em wood framing é o sistema construtivo mais comum usado em residências e sua beleza inerente e elegância muitas vezes ficam escondidas por trás das camadas de tinta e de outros materiais de acabamento. Para este projeto, queríamos revelar e trabalhar com os elementos de madeira como produto acabado e permitir que estes moldassem o caráter do espaço interior. A distribuição uniforme das cargas na edificação permitiu que as peças de madeira fossem leves e delicadas. Introduzimos uma técnica de fixação chamada ballon framing para apoiar o telhado e inserir uma janela personalizada na parte externa da estrutura. Ao fazer isso, eliminamos a necessidade de um grande frontão e também conseguimos esconder algumas partes da edificação. Esta técnica reduz a quantidade de componentes que são visíveis para que a simplicidade da estrutura seja revelada.

© Whit Preston
© Whit Preston

Tanto para a parede exposta quanto para os elementos estruturais do telhado escolhemos o padrão No 1 Douglas Fir para obter o tom quente desejado e por sua ausência de defeitos, ao mesmo tempo que ainda é uma madeira típica para wood framing. Esses elementos custaram uma fração do que normalmente é usado para estruturas aparentes.Adicionamos um acabamento de poliuretano polido às vigas aparentes para refletirem a luz das janelas de clerestório. Outro elemento estrutural padrão que foi exposto foi a cobertura de madeira compensada de 3/4"AB com o lado A voltado para baixo. O efeito é um teto muito leve e reflexivo que traz uma sensação quente e natural. A estrutura do telhado foi disposta em camadas de tal maneira que, vista de baixo, apoiasse um sistema secundário acima do de isolamento, ocultando os fixadores usados para encaixar a cobertura.

Planta Antes / Depois
Planta Antes / Depois
© Whit Preston
© Whit Preston
Corte
Corte

Galeria do Projeto

Ver tudo Mostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Skyview / Murray Legge Architecture" [Skyview / Murray Legge Architecture] 23 Ago 2017. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/878053/skyview-murray-legge-architecture> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.