O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. Estados Unidos
  5. Bates Masi Architects
  6. 2016
  7. Atlantic / Bates Masi Architects

Atlantic / Bates Masi Architects

Atlantic / Bates Masi Architects
Atlantic / Bates Masi Architects, © Bates Masi Architects
© Bates Masi Architects

© Bates Masi Architects               © Bates Masi Architects               © Bates Masi Architects               © Bates Masi Architects               + 16

© Bates Masi Architects
© Bates Masi Architects

Descrição enviada pela equipe de projeto. Do outro lado da rua da propriedade, nas dunas baixas próximas ao Oceano Atlântico, uma histórica estação de salvamento serve como lembrança da história marítima, militar e arquitetônica desta paisagem costeira. Construída há mais de um século, a estação é parte de uma rede de estruturas utilizadas para proporcionar resgate e socorro aos náufragos, e foi a partir dessa estação que um guarda observou o momento de chegada dos invasores nazistas em terra durante a Segunda Guerra Mundial. Projetadas com torres de vigia, cúpulas protegidas contra as intempéries climáticas, e coberturas elevadas, as estações ofereciam uma visão ampla para que as tripulações pudessem observar o horizonte através de todas as estações. No interior, grandes armazéns aberta com frequência continham barcos, remos e outros elementos úteis pendurados em vigas aparentes para facilitar o acesso a eles. Adotando os padrões dessas estruturas, o projeto da nova residência estabelece um diálogo com o edifício icônico para enriquecer a experiência da nova casa e celebrar a história local.

© Bates Masi Architects
© Bates Masi Architects

A estratégia principal para o projeto deriva da prática utilitária de ancorar os barcos e outros artigos nos postes de madeira e na estrutura de vigas da estação. Em uma reinterpretação moderna, a residência apresenta uma estrutura de aço aparente que define os principais espaços habitáveis e forma uma armação sobre a qual ancoram-se outras funções principais: a escada, que se apoia nas vigas, as barras utilizadas para suportar cada degrau serve como trilho, um fogão a lenha apoia-se sobre uma estante de aço suspensa, as luminárias foram fixadas nas flanges utilizando parafusos padrões de vida, e, por fim, uma cadeira de balanço é suspensa a partir da sala de estar que, por sua vez, está em balanço.

© Bates Masi Architects
© Bates Masi Architects

Na parte externa, um sistema de barras de bronze foi desenvolvido para apoiar as grossas tábuas de revestimento de cedro sem fixação através da madeira, o que permite que as juntas se dilatem e contraiam naturalmente com mudanças de temperatura e umidade. Da mesma forma que as tábuas de madeira na estação do outro lado da rua, cada material (cedro, bronze e aço resistentes ao desgaste) foram escolhidos por sua durabilidade comprovada no clima costeiro. À medida que o tempo de cada material vai aumentando, o aspecto do revestimento registrará os ciclos da chuva, do sol, congelamento e degelo: o cedro será clareado pelo sol, as barras de bronze vão começar a ficar marrons escuras e eventualmente se tornarão verdes, o aço, por conta das intempéries, desenvolverá uma textura oxidada profunda na superfície que o protege da corrosão adicional pelo ar salgado. O aço ao redor da base do edifício, que marca a altura da casa, foi elevado por cima da várzea. Para reduzir ao mínimo o impacto da marca ecológica no ambiente sensível, a sala de estar principal amplia-se sobre os dormitórios e, como as torres de observação das estações, uma varanda ainda mais alta na cobertura proporciona vistas elevadas do oceano.

© Bates Masi Architects
© Bates Masi Architects

Ao adotar sinais da histórica estação de salvamento, a residência responde aos contextos ambiental e histórico. Com isso, honra o patrimônio local e enriquece a experiência atual.

© Bates Masi Architects
© Bates Masi Architects

Ver a galeria completa

Sobre este escritório
Bates Masi Architects
Escritório
Cita: "Atlantic / Bates Masi Architects" [Atlantic / Bates Masi Architects] 28 Abr 2017. ArchDaily Brasil. (Trad. Brant, Julia) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/869907/atlantic-bates-masi-architects> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.