O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. Suécia
  5. Snøhetta
  6. 2017
  7. O sétimo quarto / Snøhetta

O sétimo quarto / Snøhetta

O sétimo quarto / Snøhetta
© Johan Jansson
© Johan Jansson

© Johan Jansson © Johan Jansson © Johan Jansson © Johan Jansson + 27

© Johan Jansson
© Johan Jansson

Descrição enviada pela equipe de projeto. No bosque de altos pinheiros do norte da Suécia, onde os troncos tricolores se estendem à altíssimas copas, foi inaugurado o novo acréscimo do célebre Treehotel. O sétimo quarto do hotel é projetado por Snøhetta e se eleva a dez metros do solo dentro da copa das árvores, oferecendo a seus hóspedes uma vista impressionante das árvores da Lapônia e do rio Lule. Com um foco na natureza circundante, o projeto conta com grandes aberturas, uma varanda suspensa sobre o solo do bosque e uma grande árvore que se estende através da cabana. Os limites entre interior e exterior são difusos, fazendo com que o quarto seja parte do bosque e vice versa.

Esquema
Esquema
Esquema
Esquema

A experiência do sétimo quarto começa quando se aproxima da cabana a partir do bosque. Ao alcançar o pé da árvore, a vista da cabana completa se afasta gradualmente quando aparece uma sexta fachada. Esta é o fundo da cabana, onde uma superfície de 12 x 8 metros está coberta com uma grande impressão em preto e branco das árvores que chegam ao solo. Uma escada leva os hóspedes do solo até a cabana, juntamente com um pequeno elevador para transporte de bagagem.

© Johan Jansson
© Johan Jansson

Doze colunas sustentam a cabine, reduzindo a carga sobre as árvores e seu impacto no bosque do entorno. Isto dá uma sensação de altura e leveza, além de estabilidade. Construída como uma cabana nórdica tradicional, a fachada de madeira é revestida com tábuas de madeira de pinus, cuja superfície recebe tratamento de queima para criar uma fachada escura e livre de manutenção. Os pisos internos são feitos de madeira de fraxinus, enquanto as placas de compensado de bétula é utilizado nas paredes internas. Com o complemento da luz e móveis de madeira, o interior faz um contraste nórdico e rústico com o exterior escuro.

Corte
Corte

O espaço de 55 m² é projetado para criar um lugar para se viver. Com dois dormitórios, uma sala social, banheiro e ampla varanda, a cabana tem capacidade para cinco adultos. As diferentes alturas do piso criam uma dinâmica interna eficiente e divertida. A sala está no nível mais baixo, enquanto que os dormitórios estão no nível superior com as camas embutidas no piso.

© Johan Jansson
© Johan Jansson
Implantação
Implantação
© Johan Jansson
© Johan Jansson

O projeto deste sétimo quarto pretende aproximar as pessoas e a natureza, ampliando os espaços sociais da cabana ao exterior e borrando as linhas limites entre interior e exterior. Ao entrar, o hóspede se depara com a sala social, equipada com um fogão a lenha e mobiliário simples mas ainda sim característico, como a Cadeira Scandia pelo designer norueguês Hans Brattrud. Uma janela do piso ao teto orientada ao norte proporciona a melhor oportunidade de ver a Aurora Boreal em um dia claro. Uma grande porta de vidro conduz ao espaço de varanda-de-redes. A dupla camada desta rede se estende entre os dois dormitórios com uma árvore ao centro. Ampliando o espaço social da sala, a rede se converte em uma grande oportunidade para se aproximar da natureza. Para os valentes, um saco de dormir é o necessário para se desfrutar a noite sob o céu estrelado. Os hóspedes que dormem no interior também podem apreciar o céu com amplas claraboias presentes nos quartos que estão posicionados em lados opostos da cabana, com grandes portas de vidro para as áreas externas da árvore central e de rede. 

© Johan Jansson
© Johan Jansson

Com janelas grandes em todas os ambientes, a luz natural é a principal fonte de luz na cabine. Snøhetta fez uma colaboração com a empresa de iluminação Ateljé Lyktan desenhando lâmpadas para esta cabana. Feitas com chapas folheadas de bétula, refletem a luz em tons quentes em seu interiores, enquanto o exterior recebe tratamento escuro, uma alusão às características contrastantes da cabana. Estas lâmpadas estão presentes nos quartos e na sala, com capacidade para controlar a quantidade de luz, suas lâminas criam uma solução flexível para as grandes variações da luz do dia durante todo o ano.

© Johan Jansson
© Johan Jansson

Com suas características únicas em madeira e de sua localização entre as copas das árvores, o sétimo quarto é uma celebração da cabine nórdica e o bosque de pinheiros.

© Johan Jansson
© Johan Jansson

Ver a galeria completa

Sobre este escritório
Snøhetta
Escritório
Cita: "O sétimo quarto / Snøhetta" [The 7th Room / Snøhetta] 07 Abr 2017. ArchDaily Brasil. (Trad. Santiago Pedrotti, Gabriel) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/868681/o-setimo-quarto-snohetta> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.