Residência Meijendel / VVKH architecten

Residência Meijendel / VVKH architecten

© Christian van der Kooy© Christian van der Kooy© Christian van der Kooy© Christian van der Kooy+ 18

Wassenaar, Países Baixos
  • Arquitetos: VVKH architecten
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2016
  • Fotógrafo Fotografias:  Christian van der Kooy
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Krepla, Zwarthout
  • Equipe De Projeto:Ronald Knappers, Mark Verdoold, Hans Schepman
  • Paisagismo :West 8, Adriaan Geuze
  • Engenharia Estrutural:Breed Integraal Ontwerp
  • Consultoria:ingenieursbureau Halmos
  • Construtora:bouwbedrijf Kon
  • Desenho:Ronald Knappers
  • Cidade:Wassenaar
Mais informaçõesMenos informações
© Christian van der Kooy
© Christian van der Kooy

Descrição enviada pela equipe de projeto. Um denso bosque se abre a um vale de dunas e nele a luz do sol projeta sombras de galhos e folhas contra os troncos das árvores. Na paisagem longínqua um jogador de golfe caminha através do vazio surreal. Este entorno único - de árvores, luzes e dunas - influencia no desenho da "Residência Meijendel" de tal maneira que parece ter esculpido a obra. 

© Christian van der Kooy
© Christian van der Kooy

A residência de concreto é constituída literalmente nas dunas. A entrada está localizada no nível intermediário onde há um estúdio e dois dormitórios. O próximo nível se abre a uma enorme sala de estar e cozinha e, no térreo estão localizados o dormitório principal e uma sala de relaxamento. Além disso, encapsulada na duna, estão a garagem e uma sala técnica. A construção de concreto estabelece o caráter vigoroso da casa.  

© Christian van der Kooy
© Christian van der Kooy

Fazendo referência a paisagem virgem se utiliza concreto aparente, madeira natural e carbonizada além de peças em alumínio anodizado sem polimento. Um tipo específico de madeira, que cresce nas zonas costeiras, é utilizado para o interior da residência. A carbonização, influenciada pela tradição japonesa, conserva a madeira de uma maneira particular. A fachada enegrecida parece mudar de acordo com a incidência de luz. 

Em certas ocasiões, a residência se torna praticamente invisível contra a borda escura do bosque ou brilha na luz do sol devido a madeira carbonizada, formando um fundo com o jogo de sombras dos galhos. A residência se esconde e se revela na paisagem. 

© Christian van der Kooy
© Christian van der Kooy
Planta 01
Planta 01
© Christian van der Kooy
© Christian van der Kooy

A regulamentação urbana estipulava que somente se poderia construir um pequeno e compacto volume neste terreno relativamente estreito. Portanto, a casa está semi-enterrada em uma duna alta, criando um efeito de experimentação de maneira diferente em cada fachada. Este gesto é reforçado pelo contraste entre as fachadas abertas e fechadas. A diferença de altura da duna e os diferentes níveis de divisão dentro da residência criam interessantes relações espaciais  e visuais desde os espaços interiores até a paisagem das dunas circundantes. 

Cada abertura foi moldada, dimensionada e colocada de uma maneira determinada de acordo com as funções associadas a cada espaço e sua relação com as árvores, a luz e a duna. Desde a sala, situada no nível superior, há uma vista impressionante sobre o vale de dunas em frente a casa, mas, através de uma janela de baixa altura, é possível ver o bosque na parte posterior. Além disso, as claraboias proporcionam efeitos de luz especiais. 

O banheiro está semi-enterrado no solo e possui uma janela ao longo da inclinação da duna, gerando uma vista sobre a areia e a grama. O dormitório principal está situado ao lado do jardim. A mudança na madeira carbonizada e nas aberturas na fachada criam uma área de amortecimento que proporciona refúgio. Através da abertura entre os troncos escuros, a piscina e o denso bosque são visíveis. 

© Christian van der Kooy
© Christian van der Kooy

O projeto foi concretizado através de um intenso diálogo entre o arquiteto e o cliente. A sustentabilidade e a materialidade prevalecem: a residência é neutra em termos energéticos, devido ao uso de painéis solares, bombas de calor e a estrutura monolítica de concreto. Cada detalhe, como a maceta da porta e as escadas, é pensado e desenhado com precisão.

O resultado do projeto é uma espécie de cabana totalmente integrada na paisagem e com uma forte conexão entre os espaços interiores e o entorno imediato. Árvores, luz e dunas esculpiram esta notável residência. 

© Christian van der Kooy
© Christian van der Kooy

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Residência Meijendel / VVKH architecten" [Villa Meijendel / VVKH architecten] 04 Abr 2017. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/868154/residencia-meijendel-vvkh-architecten> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.