O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. Áustria
  5. Atelier Ulrike Tinnacher
  6. 2015
  7. Residência T / Atelier Ulrike Tinnacher

Residência T / Atelier Ulrike Tinnacher

Residência T / Atelier Ulrike Tinnacher
Residência T / Atelier Ulrike Tinnacher, © Simon Oberhofer
© Simon Oberhofer

© Simon Oberhofer © Simon Oberhofer © Simon Oberhofer © Simon Oberhofer + 46

© Simon Oberhofer
© Simon Oberhofer

Descrição enviada pela equipe de projeto. Integrada à paisagem suave e ondulada do sul de Estíria, localiza-se a Residência T, logo acima de uma colina, onde se mistura de forma natural com as vinícolas do entorno. Por conta de seus materiais e de sua contenção formal, a casa conforma um todo com o campo, já que localiza-se firmemente na borda, com a cobertura de duas águas em frente ao vale.

Planta de Implantação
Planta de Implantação
Elevação
Elevação

A pequena casa de viticultor que costumava ser a casa de fabricação dos vinhos até primórdios do século XX, serviu como ponto de partida para o projeto desta residência unifamiliar. A histórica adega abobadada foi construída em pedra e tem mais de 400 anos de idade. Por isso, trata-se da parte mais antiga da casa, que foi reformada na década de 1960, momento em que estava desabitada há anos. Os proprietários, dois viticultores, decidiram fazer da antiga casa de produção, o seu retiro, já que o vinhedo local havia sido seu local de trabalho particular durante tantos anos.

© Simon Oberhofer
© Simon Oberhofer

De acordo com a forma e a função, o novo edifício foi dividido em duas estruturas: um cubo retangular com uma cobertura de duas águas construída acima da adega - uma homenagem ao antigo edifício, que encontrava-se no mesmo alinhamento e volumetria similar, ao norte em uma descente suave costa abaixo. A construção monolítica de concreto colorido isolado, as tábuas de madeira serrada ásperas, assim como as aberturas quadradas dispersas, conferem ao edifício um caráter introvertido. Esta é a razão pela qual a galeria, assim como as áreas de dormitório e as áreas úmidas encontram-se no interior como locais de retiro. O tom de cor marrom e a textura háptica das paredes de concreto transitem conforto. Apenas alguns cortes bem escolhidos de vista panorâmica de 360° foram mantidos descobertos por várias janelas com grandes caixilhos de madeira. 

© Simon Oberhofer
© Simon Oberhofer

No lado leste do edifício encontra-se uma estrutura plana e alongada adjacente ortogonalmente, que incorpora a sala de estar, a cozinha e sala de jantar, além da garagem. Esta parte com a cobertura plana, alta e envidraçada com um balanço em madeira sólida aparente, permite que a paisagem que rodeia o edifício se difunda em seu interior. Assim, não há uma linha divisória aparente entre o interior e o exterior, o que cria uma fusão entre a natureza e o edifício. 

© Simon Oberhofer
© Simon Oberhofer
Elevação
Elevação
© Simon Oberhofer
© Simon Oberhofer

Ao entrar na casa a partir da face norte, observa-se diretamente através da antessala à sala de estar, que podem estar separadas da cozinha e sala de jantar por um móvel e, além disso, podem ser utilizadas como dormitório. Uma área de serviço com um pequeno banheiro, pias, e área de armazenamento divide os ambientes da garagem. Todas as paredes internas foram projetadas como móveis feitos em madeira de freixo escura e compreendem armários, cozinha, estantes e portas de correr. Assim, toda a área de estar pode ser configurada como espaço único, ou espaços separados pelas paredes de móveis.

© Simon Oberhofer
© Simon Oberhofer
Planta 2
Planta 2
© Simon Oberhofer
© Simon Oberhofer

Através da cozinha aberta e da sala de jantar acessa-se a intersecção das duas estruturas do edifício. Uma diferença de nível conduz à antiga adega e à sala de instalações, ou, acima, à galeria. A transição suave da cozinha até a sala de estar e galeria é separada do dormitório pelo banheiro e um closet, ambos estabelecidos por caixas no espaço de cobertura de duas águas.

© Simon Oberhofer
© Simon Oberhofer
© Simon Oberhofer
© Simon Oberhofer

A materialidade simples do interior é coerente em relação ao aspecto externo do edifício. Além do concreto e da madeira, os elementos individuais, como os piores e os guarda-corpos são feitos em aço preto. As janelas embutidas na parede, o piso de tábuas, e a escada foram feitos à mão em madeira de carvalho. Teto, janelas e portas da garagem foram feitos em cobre, que muda de cor marrom acinzentado com o tempo, o que cria, ora contraste, ora uma cena homogênea com a paisagem circundante, dependendo da estação do ano.

Vista
Vista

Ver a galeria completa

Sobre este escritório
Atelier Ulrike Tinnacher
Escritório
Cita: "Residência T / Atelier Ulrike Tinnacher" [House T / Atelier Ulrike Tinnacher] 19 Jan 2017. ArchDaily Brasil. (Trad. Brant, Julia) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/803579/residencia-t-atelier-ulrike-tinnacher> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.