O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Renovação
  4. Brasil
  5. Daniel Almeida Arquitetura
  6. 2014
  7. Apartamento MS / Daniel Almeida Arquitetura

Remodelaçao

Apresentado por the MINI Clubman

Apartamento MS / Daniel Almeida Arquitetura

  • 05:00 - 16 Outubro, 2016
Apartamento MS / Daniel Almeida Arquitetura
Apartamento MS / Daniel Almeida Arquitetura, © Paulo Dourado
© Paulo Dourado

© Paulo Dourado © Paulo Dourado © Paulo Dourado © Paulo Dourado + 16

© Paulo Dourado
© Paulo Dourado

Descrição enviada pela equipe de projeto. Para o arquiteto Daniel Almeida, o projeto ideal é o que mobiliza no sujeito uma experiência espacial contemplativa, sensorial, que transforma o espaço em uma composição artística. Principalmente, quando se trata do apartamento e refúgio do amigo e artista contemporâneo Marcelo Solá, onde a principal preocupação era ter uma arquitetura e mobiliário que fosse uma dobra da estética das suas obras. Seu objetivo era construir ambientes que possibilitam encontros com a arte de Marcelo e que, além disso, traduzem suas referências e influenciam em seu processo criativo. Afinal, estar em volta dos seus quadros, dos seus objetos, dos móveis assinados, das obras de outros artistas, é se deparar com a diversidade de suas massas, volumes, cores e texturas.

© Paulo Dourado
© Paulo Dourado

Basicamente, a ideia era traduzir em seu apartamento as conhecidas massas de cor do artista e sua aproximação com a natureza e a arquitetura. Para isso, a planta de 150 metros quadrados, distribuídos em dois pavimentos, foi dividida em caixas coloridas; a cozinha amarela, o lavabo vermelho, o banho do casal verde, o banho do hóspede azul e o salão central cinza. Todos eles ambientes percebidos em conjunto, mas visto como quadrados singulares, telas a serem vistas dentro de outras maiores, integradas por contrastes harmônicos.

Assim, no primeiro andar, vemos o enquadramento da cidade de Goiânia numa pele de vidro, que ilumina a sala de estar e que pode ser apreciado por quem se senta no sofá mole de Sérgio Rodrigues. Ao lado, se encontra uma sala de estar para recepção dos amigos, frequentadores que são responsáveis pelos diversos quadros que se encontram junto aos de Marcelo Solá. Então, suas referências, tais como Daniel A. Costa, Siron Franco, Poteiro, Pitágoras, são dispostas organicamente em um conjunto que preenchem o ambiente, os fazem conversar entre si e seus materiais de sua pintura: a arquitetura e a cidade. Formam o bloco principal do concreto, do cinza, do encontro da densidade e do diverso.

© Paulo Dourado
© Paulo Dourado

A varanda, em contraposição, ao lado dessa caixa maior, é uma extensão que permite a contemplação de forma distinta. Ela permite o conforto dos ânimos, enfatiza a relação do artista com a natureza por meio do jardim vertical na forma de uma cachoeira verde entre pedras ferro filetadas.

Planta - Diagrama
Planta - Diagrama

Do outro lado, no outro extremo da sala de estar, se encontra a caixa amarela da cozinha, mais monocromática e solar. Ela ganha evidência no contraste entre o cheio e o vazio, dando um acolhimento no seu minimalismo, que foi replicado no banho de hóspede e no lavabo.

© Paulo Dourado
© Paulo Dourado

No pavimento inferior, os quartos se tornaram ambientes mais intimistas. A cama do quarto principal, de inspiração japonesa e madeira pinus, dão textura, mas ao mesmo tempo se contrasta com a irreverência e o humor, também traços do artista, vistas nas obras de arte que decoram o ambiente. O mesmo é também realizado no quarto de hóspedes.

Seguramente, o projeto final executado é a troca de admiração e criatividade entre arquiteto e artista, não se percebendo afinal quem é quem no produto final.

© Paulo Dourado
© Paulo Dourado
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato. Cita: "Apartamento MS / Daniel Almeida Arquitetura" 16 Out 2016. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/796564/apartamento-ms-daniel-almeida-arquitetura> ISSN 0719-8906