O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Hotéis
  4. China
  5. Li Xiang
  6. 2015
  7. Hotel Ripple - Lago Qiandao / Li Xiang

Hotel Ripple - Lago Qiandao / Li Xiang

Hotel Ripple - Lago Qiandao / Li Xiang
Hotel Ripple - Lago Qiandao / Li Xiang, © Hu Yi-Jie
© Hu Yi-Jie

© Hu Yi-Jie © Hu Yi-Jie © Hu Yi-Jie © Hu Yi-Jie + 18

  • Arquitetos

    Li Xiang Li Xiang
  • Localização

    Qiandao Lake, Hangzhou, China
  • Diretor de Projeto

    Li Xiang Li Xiang
  • Equipe de Projeto

    Fan Chen, Liu Huan, Tong Ni-Na, Zheng Min-Ping
  • Área

    3300.0 m²
  • Ano do projeto

    2015
  • Fotografias

© Hu Yi-Jie
© Hu Yi-Jie

Antes do Projeto

Um ambiente sem grandes sofisticações é necessário para configurar um encontro informal. Como criar um clima que permita que se alterne suavemente entre luz e sombra? Como costurar diferentes tecidos que compõem uma floresta para que balancem com o vento? Como escovar o contorno das expressões da água para permitir que se experimente a respiração livremente, como ondulações, mas ainda sim indescritível.

© Hu Yi-Jie
© Hu Yi-Jie

O Lago Qiandao é um local abençoado, envolto por montanhas. Nos últimos anos, o empreiteiro chegou por aqui e os edifícios deste projeto - 12 casas ao estilo Soho projetados pelos alemães do GMP - foram completados há dois anos atrás. No entanto, o empreiteiro apaixonado por este local é muito cauteloso sobre este investimento. Até o começo de 2014, a família do empresário finalmente decidiu construir um hotel-resort geridos por si mesmos após muito considerar, o que transparece no desenho do projeto.

© Hu Yi-Jie
© Hu Yi-Jie

Arquitetura 

Os doze edifícios são uma expressão consistente de desenho dos alemães da GMP; são limpos, simples e organizados. Cada edifício de dois pavimentos cobre uma área de 300 m² e estão semi-ocultos a medida que sobem a colina. Com vistas para a água e o céu, é harmonioso e independente, o que acabou por se tornar mais desafiador do que os prazos apertados para projeto e construção que exigia o empreiteiro.

© Hu Yi-Jie
© Hu Yi-Jie

Criação

Sem discorrer sobre o estilo do hotel, imagine o sentimento no momento que se revela a seus olhos. É difícil definir a elegância ou a grandeza da paisagem externa, é preciso apurar os sentidos e os olhos ao microcosmo deste ambiente. Como o espaço é uma folha em branco, é como se o arquiteto fosse o pintor a pintar esta cena.

© Hu Yi-Jie
© Hu Yi-Jie

Enquadramentos e pinturas, palco e protagonista

Assim como o conceito arquitetônico - simples e contemporâneo - as linhas guias do desenho do hotel também deveriam ser simples. Portanto, a tela e o palco se iniciam com uma base limpa e pura. O branco dos pisos e paredes incentivam o diálogo entre o interior e exterior como uma paisagem imaginada.

© Hu Yi-Jie
© Hu Yi-Jie

O foco na lógica do projeto é para expressar a forma de cada conjunto de mobiliário, e cada detalhe da expressão. Aqui o mobiliário é o protagonista. No saguão, foram escavados dois barcos de madeira maciça. Um dos barcos está flutuando pendurado no teto, como se o ambiente estivesse repleto de água. O forro suspenso é feito de uma malha de finas lâminas entrelaçadas de bambu, produzidos localmente. Com a luz, a sombra do bambu é projetada nas paredes, e aumentam a sensação do barco estar flutuando na água. No restaurante, foram incorporados galhos finos na superfície das mesas, em combinação com a interação de luz e sombra, para criar a sensação de uma floresta de montanha.

© Hu Yi-Jie
© Hu Yi-Jie

Em cada quarto de hóspedes, o movimento de seixos que encontram a água é incorporado no sofá que parece espalhar uma série de arcos como ondulações que alcançam o estado estático e dinâmico da água no espaço. 

De forma geral, o projeto é executado em madeira e bambu, para incrementar a expressão do senso ecológico. Com o tom dominante do branco, destaca a tranquilidade trazida pela madeira, e também revela toques sucintos e contemporâneos.

© Hu Yi-Jie
© Hu Yi-Jie

Epílogo

O estado dinâmico é misturado e interage com o estático para indicar a propagação mútua da linha dinâmica e estática das coisas. A simplicidade primitiva e o requinte se complementam em contrastes sutis. A textura nativa coexiste com os tons de branco artificiais para desenhar uma paisagem de fantasia. 

© Hu Yi-Jie
© Hu Yi-Jie

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Li Xiang
Escritório
Cita: "Hotel Ripple - Lago Qiandao / Li Xiang" [Ripple Hotel - Qiandao Lake / Li Xiang] 08 Out 2016. ArchDaily Brasil. (Trad. Santiago Pedrotti, Gabriel) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/796494/hotel-ripple-lago-qiandao-li-xiang> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.