Casa C-Glass / Deegan Day Design

Casa C-Glass / Deegan Day Design
© Taiyo Watanabe
© Taiyo Watanabe

© Taiyo Watanabe© Taiyo Watanabe© Taiyo Watanabe© Taiyo Watanabe+ 14

Dillon Beach, Estados Unidos
  • Arquitetos: Deegan Day Design
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  195
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2014
  • Fotógrafo Fotografias:  Taiyo Watanabe
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Bendheim, Durocite, Fleetwood, Glass and Sash, Kawneer, Lamberts, Pedersen Concrete, Peterson Tile
  • Arquiteto Executivo:Dave Maynard Architecture
  • Engenharia Estrutural:Gordon Polon
  • Engenharia Do Projeto:Greg Marin
  • Equipe De Construção:Morita Construction
  • Construtores:Ken Morita, Matt Curley
  • Fossa:Furlong Brothers, Kevin Furlong
  • Estrutura De Aço:Banks Welding, Doug Banks
  • Cobertura:Henris Roofing, Steve Henris
  • Hidráulica:Scott's Plumbing, Basil Scott
  • Calefação Radiante:Warm Zone
  • Elétrica:Sherlock Electric, Tom Sherlock
  • Drywall:Tsarnas Drywall, John Tsarnas
  • Portas De Vidro:Rick Stewart
  • Pinturas:DeCarli Painting, Rich DeCarli
  • Equipe De Projeto:Joe Day, Taiyo Watanabe ,Yo Oshima, Noel Williams, Sonali Patel, Mark Lyons, Bonnie Solmssen, Felicia Martin, Garo Hachigian
  • Cidade:Dillon Beach
Mais informaçõesMenos informações
© Taiyo Watanabe
© Taiyo Watanabe

Descrição enviada pela equipe de projeto. Situada num local remoto com vistas para o mar, a casa apresenta um contraponto abstrato ao seu ambiente natural. Projetada para um cliente que uma vez ajudou Phillip Johnson a montar uma retrospectiva do trabalho de Mies van der Rohe no MoMA, o projeto é um exercício de transparência de alto desempenho - uma casa de exposição máxima com mínimo impacto ambiental.

© Taiyo Watanabe
© Taiyo Watanabe
Planta 1
Planta 1
© Taiyo Watanabe
© Taiyo Watanabe

A casa se abre para uma vista panorâmica do oceano, enquanto se apóia contra os ventos que possuem uma velocidade aproximada de 160 km/h em múltiplas direções.

Corte
Corte
Corte
Corte

O projeto envolve como referência não apenas a Casa de Vidro de Philip Johnson e a Casa Farnsworth de Mies van der Rohe, mas também os legados de Elwood, Koenig e outros. Em contraste com as anteriores "vitrines num jardim", foram empregadas táticas de enquadramento e balanços para aumentar e priorizar a beleza de seus arredores. 

© Taiyo Watanabe
© Taiyo Watanabe

Apesar de sua linhagem arquitetônica evidente, esta casa de vidro é tão grata a exploração de recintos de vidros de artistas como é para suas precedentes projetadas por Johnson e Mies. Cubos elevados de Larry Bell e muitos pavilhões de Dan Graham capitalizam mais sobre as ambiguidades reflexivas e de refração do meio de sua transparência, assim como obras de Gerhard Richter e Damien Hirst. O projeto conecta estas ambições de uma maneira nova, se abrindo para uma vista panorâmica, mas também modulando e refletindo sobre o papel em evolução da arquitetura na paisagem americana.

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Casa C-Glass / Deegan Day Design" [C-Glass House / Deegan Day Design] 22 Set 2016. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/795817/casa-c-glass-deegan-day-design> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.