Escritório de Madeira Queimada / STEINMETZDEMEYER

Escritório de Madeira Queimada / STEINMETZDEMEYER

Cortesia de STEINMETZDEMEYERCortesia de STEINMETZDEMEYERCortesia de STEINMETZDEMEYERCortesia de STEINMETZDEMEYER+ 23

  • Arquitetos: STEINMETZDEMEYER
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  735
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2015
Cortesia de STEINMETZDEMEYER
Cortesia de STEINMETZDEMEYER

Descrição enviada pela equipe de projeto. O edifício está localizado no distrito de Bonnevoie, na Cidade de Luxemburgo, a dois passos da estação central. Uma localização central e animada, perto de transportes públicos, para limitar o uso do carro.

Cortesia de STEINMETZDEMEYER
Cortesia de STEINMETZDEMEYER

É um pequeno prédio urbano, bem isolado (classe A) e "low-tech", com área comercial de 110m² no pavimento térreo e cinco pavimentos de escritórios em cerca de 125m² cada. Uma estrutura de concreto atípica, projetada por Marc Ewen do escritório Au Carré, com lajes de espessuras variáveis, oferece um espaço aberto de 11 × 12m.

Cortesia de STEINMETZDEMEYER
Cortesia de STEINMETZDEMEYER

Os peitoris das janelas são vigas invertidas, permitindo as janelas tocarem o teto para maximizar a entrada de luz natural. A maioria das paredes são de concreto pré-fabricado exposto. As lajes de concreto moldadas in loco também são deixadas aparentes, com suas falhas e irregularidades. Pisos de carvalho maciço trazem o calor e um acabamento nobre que contrasta com o trabalho estrutural.

Cortesia de STEINMETZDEMEYER
Cortesia de STEINMETZDEMEYER

A escada, projetada para ser o mais compacta possível, é bastante especial: de aço bruto polido, com uma grande folha central de mais de 15 metros de altura, suspensa a partir da laje de cobertura; os degraus são folhas de metal dobradas, ligadas às paredes de concreto e à folha central por meio de espaçadores, que permitem que a luz incida nas paredes.

Corte AA
Corte AA

Low-tech e AAA, este edifício é muito bem isolado e equipado com vidros triplos, otimizando generosa iluminação natural e enquadrando a vista para o impressionante cenário da vizinha estação de trem urbano e Rotondes, com florestas e campos ao fundo do sul da cidade.

Cortesia de STEINMETZDEMEYER
Cortesia de STEINMETZDEMEYER

Dispositivos automáticos de sombreamento externos limitam a carga de calor externo no verão, e a ventilação natural através das janelas automatizadas reativa a inércia térmica das lajes de concreto durante as noites de verão mais frias. Nenhum sistema de ar condicionado teve que ser instalado.

Planta - 5º Pavimento
Planta - 5º Pavimento

A ventilação mecânica dos espaços de trabalho é feita por ventilação mecânica controlada (VMC) individual em cada andar, que tem uma eficiência de recuperação de calor elevada. Elas evitam grandes unidades de ventilação e dutos de distribuição em todo o edifício. O aquecimento, se aplicável, se aproveita da conexão com o aquecimento urbano e é, portanto, limitada simplesmente a bombas de distribuição e calorímetros.

Cortesia de STEINMETZDEMEYER
Cortesia de STEINMETZDEMEYER

A fachada é revestida de larício regional carbonizado. Sua superfície é queimada com um maçarico na forma tradicional japonesa yakisugi*. A camada carbonizada preta é muito dura e faz a proteção natural da madeira.

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:Bonnevoie, Luxemburgo

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Escritório de Madeira Queimada / STEINMETZDEMEYER" [Burnt Wood Office / STEINMETZDEMEYER] 04 Ago 2016. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/792488/escritorio-de-madeira-queimada-steinmetzdemeyer> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.