O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Hotéis
  4. Espanha
  5. Isaac Peral Codina
  6. 2012
  7. Spa + Hotel La Romana / Isaac Peral Codina

Spa + Hotel La Romana / Isaac Peral Codina

Spa + Hotel La Romana / Isaac Peral Codina
Spa + Hotel La Romana / Isaac Peral Codina, © David Frutos
© David Frutos

© David Frutos © David Frutos © David Frutos © David Frutos + 34

  • Arquitetos

  • Localização

    03669 La Romana, Alicante, Espanha
  • Arquiteto Técnico

    Pascual Moya Orozco
  • Colaboradores

    Yago Sancho Maestre, Luis Carreira Antón
  • Área

    1.727 m2
  • Ano do projeto

    2012
  • Fotografias

© David Frutos
© David Frutos

Experiência

O terreno local contem óxidos que conferem à paisagem uma cor avermelhada. O edifício foi construído com uma pedra local, Mármore Vermelho Alicante, camuflando-se, assim, com seu entorno. O bloco, mármore e escarlate, te acolhe em seu interior, austero, mas confortável, para lhe oferecer uma experiência sensitiva de água e luz.

© David Frutos
© David Frutos

A suave iluminação de seu interior é rompida pela luz que penetra pelas múltiplas rachaduras talhadas em seu revestimento de mármore como uma persiana. Assim, se produz um espaço interno sugestivo, que só se comunica com o exterior pelas rachaduras estrategicamente situadas para que se descubra a paisagem.

© David Frutos
© David Frutos

A cobertura de concreto, que tem no acabamento as marcas das fôrmas de madeira, reflete o movimento da água, abre-e pontualmente através de claraboias. Assim, a iluminação é zenital, e ao mesclar-se com o vapor da água, te envolve em um ambiente leve e agradável.

© David Frutos
© David Frutos
Planta
Planta
© David Frutos
© David Frutos

A vivência dos entardeceres no spa é uma experiência vibrante. A luz se transforma a partir de uma iluminação natural que desce pelas claraboias, passando por cores alaranjadas quentes, que entram pelas fissuras em forma de centenas de linhas de luz que reforçam a cor vermelha da pedra, até que, gradualmente, se perceba a iluminação artificial projetada para inserir-se em um ambiente lúdico e relaxante. Os amanheceres criam um processo inverso.

© David Frutos
© David Frutos

Materiais

Todos os materiais de construção utilizados são naturais (pedra, ferro e madeira), próprios da área, reinterpretando, assim, a arquitetura vernacular de uma forma lírica, onde o foco foi o tratamento da luz para perceber o espaço, como um meio de materialização desta. Assim, obtêm-se uma arquitetura muito atual, mas que se nutre da tradição construtiva da região.

© David Frutos
© David Frutos

Inovação

Além de seu inovador projeto de instalações, diferente de qualquer outro spa, buscou-se um cuidado no aproveitamento energético por meio de técnicas bioclimáticas que possibilitaram que o edifício se tornasse uma instalação sustentável e econômica.

© David Frutos
© David Frutos

Todo sistema de iluminação no spa é natural. O recurso artificial só é necessário durante a noite. Na área interna, ela é resolvida pelo uso de luminárias, e no perímetro de iluminação natural em todos os espaços é solucionada por fechamentos de vidro de fachada, cuja luz se filtra por meio da persiana. A persiana evita que a luz solar direta entre no interior de forma com que, nos meses de mais calor, não seja necessária climatização artificial. Os espaços contam com ventilação cruzada para facilitar a desumidificação e o conforto hidrotérmico. 

© David Frutos
© David Frutos

A energia proveniente dos painéis solares aquece a água da piscina e do spa na parte interna. A pedra de mármore é um material excelente pois possibilita manter o espaço aquecido no inverno por muitas horas, inclusive passando a noite.
Todos os materiais utilizados são locais, o que reduz os gastos em transporte e fabricação, além de reduzir muito a pegada ecológica do edifício.

© David Frutos
© David Frutos

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Isaac Peral Codina
Escritório
Cita: "Spa + Hotel La Romana / Isaac Peral Codina" [Spa + Hotel La Romana / Isaac Peral Codina] 28 Jul 2016. ArchDaily Brasil. (Trad. Brant, Julia) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/792119/spa-plus-hotel-la-romana-isaac-peral-codina> ISSN 0719-8906