O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. Espanha
  5. BETA.ø architecture office
  6. 2014
  7. Reabilitação de Picadeiro Coberto / BETA.ø architecture office

Remodelaçao

Apresentado por the MINI Clubman

Reabilitação de Picadeiro Coberto / BETA.ø architecture office

Reabilitação de Picadeiro Coberto / BETA.ø architecture office
Reabilitação de Picadeiro Coberto / BETA.ø architecture office, © Imagen Subliminal
© Imagen Subliminal

© Imagen Subliminal © Imagen Subliminal © Imagen Subliminal © Imagen Subliminal + 24

  • Arquitetos Colaboradores

    Ernesto Sierra, Xabier Ortega Añorga, Nagore Urrutia del Campo, Virginia Laínez, Javier Muñoz Posse y Julio Gotor Valcárcel
  • Arquitetos Técnicos

    Jose Carlos Asensio y Sandra Rodriguez González de Canales
  • Empreiteira

    Ferrovial-Agromán S.A
  • Mais informações Menos informações
© Imagen Subliminal
© Imagen Subliminal

Descrição enviada pela equipe de projeto. O projeto de reabilitação do antigo picadeiro lida com a recuperação da memória do lugar, o que engloba uma reabilitação que passa pela economia e pela racionalidade de meios, ressaltando os valores da própria edificação existente desde a capacidade do próprio edifício de resolver a relação com seu entorno e programa através de sua contundência formal e construtiva.
Dada a sensibilidade que é intrínseca ao projeto, o primeiro paço foi a eliminação da fachada de amianto de 1963, nociva à saúde e o desenho de um novo fechamento que, além de contribuir e realçar os valores arquitetônicos, ambientais e paisagísticos da edificação existente, trata de otimizar seu comportamento energético.

© Imagen Subliminal
© Imagen Subliminal

A nova fachada foi projetada cuidadosamente, levando muito em conta o imponente entorno natural no qual se localiza este Picadeiro coberto, rodeado de abundante vegetação e árvores de grande porte. Do exterior, o novo fechamento se mimetiza com o entorno natural arborizado através dos jogos de transparências, reflexos, luzes e sombras que são filtradas e projetadas através das duas peles que o compõem:

© Imagen Subliminal
© Imagen Subliminal

- UMA PRIMEIRA PELE DE POLICARBONATO TRANSPARENTE sobre uma estrutura de aço existente reutilizada, que garante a vedação do conjunto e melhora a qualidade higrométrica do lugar, permitindo a necessária captação solar nos meses de menos calor, e um maior uso da instalação e da ventilação cruzada do picadeiro nos meses mais quentes do ano.

© Imagen Subliminal
© Imagen Subliminal

- UMA SEGUNDA PELE QUE ATUA COMO PROTEÇÃO À RADIAÇÃO SOLAR nos meses de mais calor e, por sua vez, permite a entrada de radiação solar nos meses mais frios. Esta pele é composta por uma trama de ripas de madeira, inspirada nas árvores do entorno, que apoiam as chapas de madeira tratada dispostas horizontalmente, formando uma persiana de proteção solar cuidadosamente estudada. Para definir a segunda pele de proteção solar de madeira, realizou-se um profundo estudo de otimização bioclimática, de modo que fosse possível garantir o máximo conforto dentro do edifício, e que se reduzisse ao máximo seu consumo energético. Como resultado de tal estudo, extraiu-se as seguintes conclusões:

Cortesía de BETA.0
Cortesía de BETA.0

- Condições do entorno:
- Redução de entrada de radiação solar direta em 30% devido à estrutura existente e a existência de beirais.
- Redução de radiação solar direta em 70% nas fachadas sudeste e sudoeste devido à existência de árvores de grande porte que sombreiam todas estas fachadas durante os meses de abril a setembro.
- Como regra geral e com o critério principal de uso do edifício ao longo dos meses frios, fez-se imprescindível utilizar a captação solar para melhorar as condições de conforto de uso. Para isso, para o espaço entre as lâminas das fachadas nordeste, sudeste e sudoeste, recomenda-se um aumento de 10 cm, reduzindo o uso de tábuas de madeira de proteção solar. 

© Imagen Subliminal
© Imagen Subliminal

- A fachada mais adequada no que se refere à captação de energia solar é a sudeste. O aumento do espaço entre as lâminas nas fachadas nordeste e sudoeste foi feito, principalmente, com o objetivo de aumentar a iluminação natural.
- A fachada nordeste dispõe de maior número de tábuas de madeira, já que nos meses do ano nos quais se requer a captação de energia solar, ela está na sombra, e nos meses de verão, se requer a proteção solar. Além disso, considera-se que é a fachada na qual o aumento de aberturas teria menor repercussão na melhora da iluminação natural.

Cortesía de BETA.0
Cortesía de BETA.0

Graças ao novo projeto de fechamento, obter-se os seguintes resultados:

- Aumento de aproximadamente  4ºC  na temperatura interna do picadeiro nos meses de maior uso (inverno)
- Redução de consumo elétrico em 60% diante da melhora no aproveitamento da iluminação natural

© Imagen Subliminal
© Imagen Subliminal

No interior, desenvolveu-se uma reabilitação seletiva e respeitosa, eliminando simplesmente todos aqueles impactos negativos que foram introduzidos ao longo do tempo e que afetavam negativamente a edificação original, introduzindo uma série de novas e pequenas construções industrializadas feitas em chapa de aço inoxidável no exterior e tábua contraplacada de madeira laminada no interior, que completa a intervenção e o programa. 
Assim, o projeto contribuiu no sentido de realçar e reativar os valores intrínsecos à edificação original através de intervenções pontuais e pequenas operações.

© Imagen Subliminal
© Imagen Subliminal

Ver a galeria completa

Sobre este escritório
BETA.ø architecture office
Escritório
Cita: "Reabilitação de Picadeiro Coberto / BETA.ø architecture office" [Rehabilitación de Picadero Cubierto / BETA.ø architecture office] 27 Mar 2016. ArchDaily Brasil. (Trad. Brant, Julia) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/784435/reabilitacao-de-picadeiro-coberto-bet> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.