O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. Equador
  5. Natura Futura Arquitectura
  6. 2015
  7. Casa dos mil e um contos / Natura Futura Arquitectura

Casa dos mil e um contos / Natura Futura Arquitectura

Casa dos mil e um contos / Natura Futura Arquitectura
Casa dos mil e um contos / Natura Futura Arquitectura, © Juan Carlos Donoso
© Juan Carlos Donoso

© Juan Carlos Donoso © Juan Carlos Donoso © Juan Carlos Donoso © Juan Carlos Donoso + 19

© Juan Carlos Donoso
© Juan Carlos Donoso

Descrição enviada pela equipe de projeto. Era uma vez um pequeno município chamado Montalvo, que tem 24.000 habitantes, a 20 minutos de Babahoyo, cidade capital da província de Los Rios, na região costeira de um país distante chamada Equador. Esta região tem um clima de cerca de 25 °C em média com alto nível de precipitações no inverno.

Isométrica Explodida
Isométrica Explodida

Um dia, uma jovem família empreendedora decidiu construir uma casa no centro do município. Foi aí que surgiu o princípio da dualidade. (A dualidade sempre foi em todos os lugares (polido / rústico, vazio / cheio, ficção / realidade, silêncio / ruído, leveza / peso, luz / sombra).

O piso térreo foi materializado com tijolos à vista, tomando como metáfora o rústico com a dinâmica das atividades cotidianas, no piso superior, o envelope branco encontra um equilíbrio entre a tectônica e o habitat.

© Juan Carlos Donoso
© Juan Carlos Donoso

Durante o processo de concepção e construção, o principal foco estava em alterações mínimas na busca de minimizar os custos, manuseio de materiais e qualificar os vários espaços, aproveitado os pontos de vista e desolações respondendo ao seu ambiente. Foi feita uma construção artesanal in situ, utilizando a técnica e mão de obra local.

Planta Baixa
Planta Baixa
© Juan Carlos Donoso
© Juan Carlos Donoso
Planta Baixa
Planta Baixa

No final foi criada uma arquitetura que nos convida a compreender a tectônica como identidade e o habitat como um recurso, que funcionam como uma história, capazes de provocar suspense, risos, emoção, surpresas ou reflexão, para nos ajudar a compreender nossa intenção de que tudo isso está claro e definido; e nós podemos aceitar que vamos encontrar-nos com um universo de possibilidades e confusões de interpretação.

© Juan Carlos Donoso
© Juan Carlos Donoso

Cada um cria a sua verdade sobre a casa, a batiza, coloca um nome, coloca sua marca na tentativa de criar e contar a sua história, ou criar a sua própria história estando nela...

© Juan Carlos Donoso
© Juan Carlos Donoso
Cita: "Casa dos mil e um contos / Natura Futura Arquitectura" [The House of a Thousand and One Tales / Natura Futura Arquitectura] 29 Mar 2016. ArchDaily Brasil. (Trad. Delaqua, Victor) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/784260/casa-dos-mil-e-um-contos-natura-futura-arquitectura> ISSN 0719-8906