O site de arquitetura mais visitado do mundo
Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Centro Comunitário
  4. Espanha
  5. Territori 24
  6. 2014
  7. Centro Cívico Baró de Viver / Territori 24

Centro Cívico Baró de Viver / Territori 24

  • 21:00 - 24 Março, 2016
  • Traduzido por Camilla Sbeghen
Centro Cívico Baró de Viver / Territori 24
Centro Cívico Baró de Viver / Territori 24, © Adrià Goula
© Adrià Goula

© Adrià Goula © Adrià Goula © Adrià Goula © Adrià Goula + 14

  • Arquitetos

  • Localização

    Carrer de Quito, 8, Barcelona, Espanha
  • Arquitetos Responsáveis

    Adrià Calvo L’Orange, Ivan Pérez Barés, Bet Alabern Cortina, Alvaro Casanovas Leal
  • Área

    1652.0 m2
  • Ano do projeto

    2014
  • Category

  • Promotor

    Distrito de Sant Andreu - Prefeitura de Barcelona
  • Construtora

    UTE Serom-Sogesa
  • Engenharia

    Caba sostenibilitat: Xavier Saltó Batista
  • Orçamento

    2.175.678,83€
  • Mais informações Menos informações
© Adrià Goula
© Adrià Goula

Descrição enviada pela equipe de projeto. O novo Centro Cívico é o primeiro equipamento social com certificado LEED Platinum para novas construções na Espanha.

Além de obter o certificado energético A, o projeto conseguiu o maior reconhecimento apostando em uma concepção global de obra, integrando arquitetura e soluções de eficiência energética. A obra combina espaços de grande qualidade para o usuário e uma sustentabilidade sem precedentes na Espanha, evitando grandes alardes tecnológicos.

© Adrià Goula
© Adrià Goula

No bairro humilde, isolado do resto da cidade, o novo equipamento dinamiza a trama social. Dentro dos 1700 m2 aloja um espaço de exposições, oficinas, um espaço destinado ao ócio e a formação de pessoas mais velhas e uma sala de atos aberta ao bairro.

Partindo de uma planta quadrada compacta de 40x40m, são feitos recortes em forma de pátio e são utilizados tubos solares e claraboias para dotar de luz natural todos os cômodos.

Corte 1
Corte 1
Planta Baixa
Planta Baixa
Corte 2
Corte 2

A cobertura é um jardim e a fachada dobra-se com uma vegetação. Assim consegue-se um espaço intermediário que filtra os visuais desde o interior. Esta segunda fachada ao mesmo tempo servirá de sistema anti-vandalismo e para a segurança dos usuários.

© Adrià Goula
© Adrià Goula

Os espaços interiores são tratados de maneira individual, estudando os requerimentos acústicos e sensoriais de cada aposento. A acústica modula-se com a utilização de painéis deslocados do teto de concreto aparente e cortinas que subdividem os espaços.

A sinalização feita a partir de projeções amórficas de textos, orienta os usuários ao mesmo tempo que utiliza um recurso econômico para dotar o espaço de singularidade.

© Adrià Goula
© Adrià Goula

Sustentabilidade desapercebida

A edifício consume 48% menos que um edifício padrão e produz, através de placas fotovoltaicas, 16% da energia consumida. O projeto está desenhado para que se mantenha refrigerado no verão embasando o conforto térmico na inércia e na ventilação. 

Diagrama
Diagrama

100% da água utilizada para irrigação e para os banheiros provem da água da chuva. 93% dos espaços possuem luz natural, diminuindo o gasto com energia elétrica e melhorando a qualidade e conforto do seu interior.

Este é um edifício livre de agentes contaminantes, como mercúrio, garantindo a qualidade do ambiente. Inteiramente pré-fabricado e construído em seco, diminui o impacto e as emissões de todo seu ciclo de vida em 41%.

© Adrià Goula
© Adrià Goula

Inovação

A utilização de diferentes sistemas pré-industrializados permitiram otimizar o processo de execução. A estrutura é definida com um sistema de pórticos pré-fabricados de concreto. A fachada divide-se em duas tramas horizontais. Uma faixa superior de painéis pré-fabricados de concreto com ruptura térmica que incorporam acabamento, câmara de ar, isolamento e estrutura de suporte.

Detalhe
Detalhe

A faixa inferior é a que incorpora as aberturas de cada aposento em função da sua orientação e carga energética. As janelas são combinadas com um revestimento exterior de madeira tecnológica.

© Adrià Goula
© Adrià Goula

Aplicando estes critérios consegue-se construir um edifício altamente sustentável com um orçamento 34% inferior a um equipamento padrão na cidade de Barcelona.

Ver a galeria completa

Localização do Projeto

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Centro Cívico Baró de Viver / Territori 24" [Baró de Viver Civic Center / Territori 24] 24 Mar 2016. ArchDaily Brasil. (Trad. Sbeghen Ghisleni, Camila) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/784239/centro-civico-baro-de-viver-territori-24> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.