Casa Golf / Luciano Kruk Arquitectos

Casa Golf / Luciano Kruk Arquitectos

© Daniela Mac Adden © Daniela Mac Adden © Daniela Mac Adden © Daniela Mac Adden + 27

La Costa Partido, Argentina
  • Projeto E Coordenação:Luciano Kruk
  • Coordenação De Projeto:Ekaterina Künzel
  • Gerenciamento De Obra:Pablo Magdalena
  • Colaboradores:Josefina Perez Silva, Andrés Conde Blanco, Federico Eichenberg, Dan Saragusti, Isabelle Ducrest
  • Edição De Texto:Mariana Piqué
  • Cidade:La Costa Partido
  • País:Argentina
Mais informaçõesMenos informações
© Daniela Mac Adden
© Daniela Mac Adden

Descrição enviada pela equipe de projeto. A Casa Golf está geograficamente localizada no centro do bairro Costa Esmeralda, 13 km ao norte da cidade de Pinamar.

© Daniela Mac Adden
© Daniela Mac Adden

O lote está situado na zona topograficamente mais elevada do bairro, beirando um campo de golf, o qual, juntamente com a vegetação nativa - grande maioria agreste - conforma seu entorno imediato. O terreno está originalmente confinado em uma duna virgem com inclinação que se eleva a medida que se afasta da rua, a qual o Estúdio se propôs preservar. 

© Daniela Mac Adden
© Daniela Mac Adden

O requerimento consistiu em uma casa de descanso que pudesse ser vivenciada nas quatro estações do ano e que não necessitasse de muita manutenção. O programa deveria contemplar a disposição de três dormitórios secundários (dois deles com banheiro compartilhado e uma suíte) e outro principal, completamente independente dos anteriores, servido por um banheiro e vinculado abertamente à um espaço que pudesse ser vivenciado como estar íntimo e atelier de pintura. 

Implantação
Implantação

Desejava-se que o lugar destinado ao casal fosse um reduto de calmaria que se conectasse visualmente com seu entorno natural e estivesse estritamente vinculado com uma expansão exterior. Este setor e aquele destinado as atividades sociais deveriam constituir os espaços protagonistas da moradia. Desta forma, manisfestou-se a intenção de preservar a vegetação nativa e de potencializar as imponentes vistas próprias do lote. 

© Daniela Mac Adden
© Daniela Mac Adden

A proposta do Estúdio consistiu em uma casa inteiramente materializada em concreto aparente, material cuja nobre expressão estética permite um respeitoso diálogo com seu entorno. 

© Daniela Mac Adden
© Daniela Mac Adden

A estratégia arquitetônica buscou organizar os distintos requerimentos funcionais em espaços bem diferenciados contidos em três volumes puros, direcionados segundo distintas orientações e dispostos em diferentes níveis.

© Daniela Mac Adden
© Daniela Mac Adden

O acesso e os dormitórios secundários conformaram o volume inferior, o qual foi, em seu extremo posterior, semi-enterrado na duna. Junto com uma caixa situada no seu lado oposto - depósito - estão os espaços destinados a dinâmica das atividades familiares. O terceiro volume, onde se encontra a suíte principal, tem altura máxima, gozando da intimidade requerida pelo cliente. 

© Daniela Mac Adden
© Daniela Mac Adden

Em relação ao projeto como um todo, buscou-se o aproveitamento das vistas sem que isso repercutisse na perda da intimidade dos seus espaços, desafio próprio da arquitetura envidraçada contemporânea.  

Corte B
Corte B

O volume visualmente mais permeável abrigaria as atividades da vida social, não somente pela transparência do seu envolvente mas também por sua disposição paralela à rua, contrária a dos outros volumes, que se dispuseram de maneira perpendicular, afastando-se do terreno. 

© Daniela Mac Adden
© Daniela Mac Adden

O prisma que abriga as atividades sociais assumiu a largura máxima edificável e se elevou até à cota de maior altura da duna, situada na parte posterior do lote. Isto possibilitou um raio de vistas de 180 graus sobre o campo e golf, vistas abertas sobre o bairro e um adequado respeito à rua. 

© Daniela Mac Adden
© Daniela Mac Adden

Para reforçar ainda mais a privacidade do seu espaço, houve um reflorestamento com pinos marítimos entre o terreno e a rua e se procedeu a disposição de brises verticais, que por sua contribuíram para a redução da incidência do sol a oeste no seu interior. Do mesmo modo, os brises horizontais - lajes em balanço - a protegem do sol vertical do norte, que unidos monoliticamente a divisórias verticais que cumprem o mesmo papel dos brises frontais. O volume superior com adequada independência, também atinge - como um canyon - as vistas do horizonte no mar. 

© Daniela Mac Adden
© Daniela Mac Adden

A área social se expande, a frente, por meio de um terraço mirante. No sentido oposto, há outra expansão (de maiores dimensões e de caráter mais privado) aberta ao espaço de estar-jantar para o exterior. O volume da suíte, na sua maior parte, confere proteção solar e da chuva. Todos os terraços foram construídos em madeira, que contribuem para a redução da incidência solar dos espaços logo abaixo. 

Planta Baixa - primeiro pavimento
Planta Baixa - primeiro pavimento

As faces menos ensolaradas (orientadas a sudeste) foram isoladas termicamente através de um revestimento interior feito de madeira. O mesmo recurso foi utilizado nas divisórias dos dormitórios, a fim de suavizar a aspereza do concreto nos locais mais íntimos. 

© Daniela Mac Adden
© Daniela Mac Adden

Além do controle solar passivo, possível através da própria arquitetura, a fim de que a casa pudesse ser vivida confortavelmente durante todo o ano tal como o cliente solicitou - completou-se por meio do equipamento de sistemas de acondicionamento de ar, como split para refrigeração e piso aquecido para calefação. 

© Daniela Mac Adden
© Daniela Mac Adden

A disposição dos prismas buscou configurar a casa como um artefato-mirante composto por volumes dispostos em torno de um eixo articulador: a circulação vertical. Seu entrecruzamento, somado ao parcial soterramento do volume da acesso busco diminuir a altura e atenuar o impacto visual da volumetria total. Os grandes vãos que esta configuração arquitetônica requeria somente foram possíveis graças às propriedades estruturais do concreto armado. 

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Casa Golf / Luciano Kruk Arquitectos" [Casa Golf / Luciano Kruk Arquitectos] 04 Jan 2016. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/779772/casa-golf-luciano-kruk-arquitectos> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.