O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. Suíça
  5. SCAPE
  6. 2014
  7. Residência G / SCAPE

Residência G / SCAPE

  • 13:00 - 19 Novembro, 2015
  • Traduzido por Camilla Sbeghen
Residência G / SCAPE
Residência G / SCAPE, © Francesco Mattuzzi
© Francesco Mattuzzi

© Francesco Mattuzzi © Francesco Mattuzzi © Francesco Mattuzzi © Francesco Mattuzzi + 32

Descrição enviada pela equipe de projeto. A residência da família G, em Sorengo, é uma categoria de moradia que Palladio apresentou como contrastante com a cidade. O terreno, uma longa faixa de terra em uma ladeira inclinada faz parte de uma zona montanhosa, rodeada de um lado por um caminho privado e do outro por uma propriedade.

© Francesco Mattuzzi
© Francesco Mattuzzi

As longas laterais encontram-se rodeadas por outro terreno onde está sendo construído um empreendimento junto à um bosque. Para desfrutar da bela vista das montanhas e parte do lago, o térreo será elevado três metros. 

© Francesco Mattuzzi
© Francesco Mattuzzi

Iñaki Abalos definiria este projeto como o produto do pragmatismo. Os espaços se articulam de acordo com os requerimentos concretos do cliente, como o fato de que todos os principais espaços do térreo, com um segundo nível estão dedicados unicamente a uma sala de jogos, área de convidados e uma piscina climatizada. Como residência, não é nem muito grande e nem muito pequena. Existem espaços para o necessário, para que cada membro da família viva a vida de forma autônoma.

© Francesco Mattuzzi
© Francesco Mattuzzi

O projeto consiste em um intercambio de áreas envidraçadas abertas e volumes fechados para abrigar as áreas técnicas e de serviço, assim como os espaços fechados, tais como o estúdio. Desde a entrada, situada a pouco mais de dois metros da rodovia, um longo corredor cruza toda a planta principal, ampliando-a e levando-a a sala de estar e jantar. A residência é um sistema que se reflete nos espaços. 

Planta Baixa
Planta Baixa

A Residência G foi desenhada para permitir que todas as áreas internas possam abrir-se sobre a madeira: permitindo que a arquitetura converta-se em um filtro ambiental. Um pátio central aumenta ainda mais a importante relação entre o interior e o exterior. Os volumes compostos por divisórias auto-portantes, são de diferentes alturas e emergem no nível superior para a construção de uma paisagem artificial que contrasta com a paisagem natural das montanhas. 

© Francesco Mattuzzi
© Francesco Mattuzzi

A escolha dos materiais é intencionalmente limitada, as paredes são de cimento desbotado tratadas com pintura reflexiva tando por razões estéticas como para proteção. No interior, o isolamento está coberto com gesso branco. Externamente, a residência foi revestida de pedra local. Acessórios de alumínio opaco conferem um toque contemporâneo ao projeto em seu conjunto. 

© Francesco Mattuzzi
© Francesco Mattuzzi

Uma menção particular deve se feita ao processo de construção. O método pragmático une os aspectos técnicos e a natureza. Desde um ponto de vista técnico, existe uma fusão com o artesanato suíço. A chapa, sutilmente trabalhada, resolve detalhes relacionados com a água. As fôrmas, graças a um sistema criado ad-hoc para a casa, ocultam as marcas que se unem para que a estética das paredes de cimento não sejam comprometidas e permitem que o solo de madeira seja incorporado sem a necessidade de uma placa de base.

Ver a galeria completa

Cita: "Residência G / SCAPE" [Villa G / SCAPE] 19 Nov 2015. ArchDaily Brasil. (Trad. Sbeghen Ghisleni, Camila) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/777418/villa-g-scape> ISSN 0719-8906