O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Asilo
  4. Portugal
  5. Grupo Iperforma
  6. Lar de Idosos em Perafita / Grupo Iperforma

Lar de Idosos em Perafita / Grupo Iperforma

  • 09:00 - 18 Maio, 2015
Lar de Idosos em Perafita / Grupo Iperforma
Lar de Idosos em Perafita / Grupo Iperforma, ©  Luis Ferreira Alves
© Luis Ferreira Alves

©  Luis Ferreira Alves ©  Luis Ferreira Alves ©  Luis Ferreira Alves ©  Luis Ferreira Alves + 22

  • Engenharias

    iperforma – arquitectura e engenharia, lda | auditene – projectos e auditorias energéticas, lda
  • Gestão e fiscalização da construção

    iperplano – gestão, planeamento e fiscalização de obras, lda
  • Mais informações Menos informações
©  Luis Ferreira Alves
© Luis Ferreira Alves

Descrição enviada pela equipe de projeto. Este projeto refere-se a um Lar de Idosos dimensionado para cerca de 60 utentes em Perafita (Porto, Portugal).

Inserido no Centro Social e Paroquial Padre Ângelo Ferreira Pinto – junto à igreja local – o lar desenvolve-se numa área de implantação com 840 m², atingindo uma área bruta de construção de 3 515 m² entre rés-do-chão, 1º andar e cave.

©  Luis Ferreira Alves
© Luis Ferreira Alves

Constituído por dois edifícios interligados ao nível do piso superior através de um corpo metálico e envidraçado, o projeto foi pensado de forma a propiciar uma correta distribuição de funções ao longo dos diferentes pisos, estabelecendo uma independência de circuitos entre funcionários de apoio a diversos serviços, e entre utentes, visitantes e técnicos administrativos. 

©  Luis Ferreira Alves
© Luis Ferreira Alves

No edifício principal concentram-se espaços sociais como a recepção, sala de convívio e atividades, cantina e cozinha, gabinete médico e gabinete de enfermagem, salas de reuniões e gabinetes administrativos, balneário e vestiário para funcionários, lavandaria ou ainda cabeleireiro. Os 40 quartos (duplos ou individuais) distribuem-se pelo piso superior de ambos os edifícios. 

Corte
Corte

O edifício secundário é elevado a partir do solo, criando um espaço ideal de lazer para utentes em dias de chuva, ou servindo como complemento à área de estacionamento. 

©  Luis Ferreira Alves
© Luis Ferreira Alves

Procurou-se que os espaços se aproximassem ao máximo do ambiente residencial – dentro das restrições impostas pela legislação específica – proporcionando ainda áreas diversas, tanto interiores como exteriores, com localizações e características distintas, que estimulam estadias com o desenvolvimento de várias atividades e permitem ao mesmo tempo a tomada de opções individuais. 

©  Luis Ferreira Alves
© Luis Ferreira Alves

Tendo em mente que a integração é um dos conceitos chave da atualidade e que crescem as solicitações aos arquitetos de respostas inovadoras para a integração dos requisitos mínimos de acessibilidades em todos os espaços do dia-a-dia, pretende-se neste edifício responder a estas questões, simultaneamente optimizando os espaços, tendo também em consideração a exequibilidade orçamental e criando soluções com idêntica qualidade estética de espaços não acessíveis. 

©  Luis Ferreira Alves
© Luis Ferreira Alves

A seleção das cores recaiu numa distinção fundamental – espaços de passagem ou de curta estadia e espaços de maior permanência, ou seja, corredores e sanitários versus quartos e salas. Assim, para os espaços de passagem criaram-se ambientes dinâmicos, ritmados por cores, com marcação de volumes e grafismos angulares nos pavimentos, tetos e iluminação. Para os espaços de maior permanência foi dada preponderância à ortogonalidade e cores neutras, com apontamentos cromáticos que estabelecem uma continuidade entre os dois tipos de ambientes.

©  Luis Ferreira Alves
© Luis Ferreira Alves
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato. Cita: "Lar de Idosos em Perafita / Grupo Iperforma" 18 Mai 2015. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/767045/lar-de-idosos-em-perafita-grupo-iperforma> ISSN 0719-8906