O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Escola Primária
  4. Estados Unidos
  5. Mahlum
  6. 2012
  7. Escola Primária Wilkes / Mahlum

Escola Primária Wilkes / Mahlum

  • 11:00 - 14 Abril, 2015
  • Traduzido por Camilla Sbeghen
Escola Primária Wilkes / Mahlum
Escola Primária Wilkes / Mahlum, © Jeremy Bittermann
© Jeremy Bittermann

© Jeremy Bittermann © Benjamin Benschneider © Benjamin Benschneider © Benjamin Benschneider + 12

  • Arquitetos

  • Localização

    12781 Madison Avenue Northeast, Bainbridge Island, WA 98110, EUA
  • Responsável Técnico

    Gerald (Butch) Reifert AIA
  • Diretor

    David Mount AIA
  • Designer

    JoAnn Wilcox AIA
  • Arquiteto

    Jesse Walton AIA
  • Equipe de Projeto

    Dwayne Epp AIA, James Steel AIA, Cristine Ross Traber AIA, Amy Noe IIDA
  • Designer de Interior

    NCIDQ, Masako Wada IIDA
  • Área

    5987.6 m2
  • Ano do projeto

    2012
  • Fotografias

  • Engenheiro Civil

    2020 Engineering
  • Estrutural

    PCS Structural Solutions
  • Mecânica, Elétrica e Hidrossanitária

    ARUP
  • Paisagismo

    Cascade Design Collaborative
  • Acústica

    SSA Acoustics
  • Serviço de Alimentos

    Bundy & Associates
  • Orçamento

    Rider Levett Bucknell
  • Geotécnica

    Associated Earth Sciences
  • Construtora

    Spee West Construction
  • Mais informações Menos informações
© Jeremy Bittermann
© Jeremy Bittermann

Descrição enviada pela equipe de projeto. Pesquisas sobre o cérebro humano mostram que a brincadeira e a aprendizagem estão relacionadas; as brincadeiras são ingredientes centrais no desenvolvimento de habilidades acadêmicas, preparação para a escola e rendimento escolar. As escolas típicas são isoladas entre si, os tempos e espaços estão definidos claramente, cada um de forma independente. Esta separação física e temporal desvalorizou o tempo livre nas escolas dos Estados Unidos: mais de 30.000 escolas já não contam com recreio; entre 1997 e 2003, as brincadeiras ao ar livre diminuíram 50%; nos últimos 20 anos, as crianças perderam mais de 8 horas de brincadeiras por semana.

Planta Baixa
Planta Baixa

Ao tecer os espaços sociais e educativos, a nova Escola Primária Wilkes questiona esta lamentável prática. O desenho da Wilkes aborda a conectividade física e visual para que a aprendizagem possa acontecer em todas as partes. Através da transparência, todas as necessidades da criança são abordadas: eliminam-se as limitações físicas, tornando possível trabalhar com uma ampla gama de estilos de aprendizagem onde a divisão entre o lugar do ensino e da brincadeira se desvanece. A disposição funcional fomenta a colaboração e cria oportunidades para a variação de escalas de aprendizagem - desde a junção de múltiplas salas de aula até as experiências individuais.

© Benjamin Benschneider
© Benjamin Benschneider

Ao subir a ladeira, a estrutura de Wilkes aparece junto ao entorno natural. Esta organização ajuda a trabalhar em um local ingrime e proporciona a conexão que faltava entre educação e suas instalações. O edifício se estende ao longo do local, a estrutura e o pátio se alternam para assim otimizar a luz natural e eliminar a separação física. Pátios em declive misturam-se com jardins e quadras esportivas que conectam a escola com a comunidade, enquanto os "braços" do edifício se estendem e abrigam espaços de jogos. Vias de circulação passam pelo lado e no final de cada "braço" convidam a participação e colaboração dos diferentes cursos. 

© Benjamin Benschneider
© Benjamin Benschneider

Em Wilkes, 450 alunos experimentam uma fluida transição entre as salas de aula, os espaços interiores e exteriores de ensino compartilhado. O envidraçamento reforça a conectividade entre os espaços de ensino com os pátios. O tamanho e a composição de cada espaço de aprendizagem varia de acordo com as necessidades de desenvolvimento dos alunos para complementar seu currículo de forma personalizada baseada na capacidade da escola. Desta forma, a escola apoia o ensino e a aprendizagem dinâmicos e independentes, aumentando assim a responsabilidade dos estudantes. 

© Jeremy Bittermann
© Jeremy Bittermann

Um grande espaço coberto na entrada fomenta a participação comunitária através de interações casuais no momento em que os pais levam e buscam os estudantes. A entrada alimenta o corredor central, que proporciona o acesso à biblioteca, sala de música, academia e espaços comuns. Desta forma, Wilkes converte-se no maior edifício público e centro cultural do extremo norte da ilha. 

© Benjamin Benschneider
© Benjamin Benschneider

Um forte ethos comunitário, o cuidado com a terra e elementos de desenho sustentável integram-se ao longo do edifício para minimizar o impacto ambiental e os custos operacionais, e ao mesmo tempo maximizam os benefícios para o ensino e aprendizagem. As estratégias sustentáveis incluem: a filtração de 100% das águas residuais, pavimento poroso e a recuperação do calor. Um sistema de aquecimento híbrido compreende quarenta poços e uma bomba de calor com uma caldeira eletrônica que é 40% mais eficiente que o sistema utilizado em uma escola normal. Jardins para estudantes e para a comunidade em geral dentro dos pátios criam uma aliança programática entre Wilkes e uma granja próxima. Os espaços interiores se beneficiam de acabamentos compostos por materiais não tóxicos, janelas operáveis, resfriamento natural e pisos que aumentam o conforto térmico nos lugares em que os alunos se sentam para brincar.

© Benjamin Benschneider
© Benjamin Benschneider

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato. Cita: "Escola Primária Wilkes / Mahlum" [Wilkes Elementary School / Mahlum] 14 Abr 2015. ArchDaily Brasil. (Trad. Sbeghen Ghisleni, Camila) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/765252/escola-primaria-wilkes-mahlum> ISSN 0719-8906