Palácio de Justiça John M. Roll / Ehrlich Architects

Palácio de Justiça John M. Roll / Ehrlich Architects

© Lawrence Anderson _ ESTO© Lawrence Anderson _ ESTO© Lawrence Anderson _ ESTO© Lawrence Anderson _ ESTO+ 17

  • Líder De Construção:Sundt Construction
  • Projeto Principal:Steven Ehrlich, FAIA
  • Arquiteto Do Projeto:Patricia Rhee, AIA
  • Gerente De Projeto:Laura Hudson, AIA
  • Empreiteiro Geral:Sundt Construction
  • Gerente De Construção:ABACUS
  • Engenharia Estrutural:Caruso Turley Scott, Inc.
  • Engenharia Mecânica/Elétrica/Sanitária:LSW Engineers Inc.
  • Engenharia Civil:Psomas Inc.
  • Consultoria De Normas:RJA - Rolf Jensen & Associates, Inc.
  • Consultoria:Weidlinger Associates, Inc.
  • Arquiteto Paisagista:Ten Eyck Landscape Architects
  • Arquitetos Responsáveis:Charles Warner Oakley, FAIA
  • Cidade:Yuma
Mais informaçõesMenos informações
© Lawrence Anderson _ ESTO
© Lawrence Anderson _ ESTO

Descrição enviada pela equipe de projeto. As inovações de projeto resolvem os desafios do século 21 no Palácio de Justiça John M. Roll. Os objetivos do projeto são: segurança; processamento seguro dos acusados de imigração em massa; atualização do tribunal americano tradicional; a criação de um espaço comum ao ar livre, coerente com a malha urbana da cidade de Yuma; um alto rendimento e sustentabilidade a baixo custo; e a excelência no projeto dentro das rigorosas ordens de segurança.

© Lawrence Anderson _ ESTO
© Lawrence Anderson _ ESTO

O Palácio de Justiça cumpre todos estes requisitos, entregando um alto valor dentro de um curto cronograma de projeto e construção. O grande gesto de projeto do Palácio de justiça é sua cobertura de painéis de energia fotovoltaica, sustentada por uma série de colunas de aço, que dá sombra para a praça de acesso. A fachada principal é composta pelo flanqueio de massas de pedra arenito inseridas em um vestíbulo com pé-direito duplo. A justaposição de pedra e vidro contrasta um sentido magistral de permanência com leveza e transparência, transmitindo o equilíbrio de precedentes e abertura no sistema de justiça estadounidense.

© Lawrence Anderson _ ESTO
© Lawrence Anderson _ ESTO

O edifício de quase 5600 m² abriga duas salas de audiências, as câmaras dos juízes, salas de jurados, instalações do exército americano e serviços de tribunais de distrito e os tribunais de falências. Para processar o fluxo de centenas de usuários com diferentes necessidades com segurança, foram projetados sistemas de circulação separados para os acusados, funcionários judiciais e o público. Grandes elevadores transportam grandes quantidades de prisioneiros para a sala principal do primeiro pavimento. As necessidades de alta segurança, incluindo o recuo de 15 metros para a proteção contra explosões, foram abordadas de maneira criativa através de características como postes e bancos de concreto.

© Lawrence Anderson _ ESTO
© Lawrence Anderson _ ESTO

Conhecido como "o lugar mais ensolarado dos Estados Unidos", Yuma tem temperaturas de quase 49º C com cerca de 76 mm de chuva por ano. À espera de uma certificação LEED Gold, a estratégia de sustentabilidade do tribunal integra três princípios de projeto: a coleta de energia solar abundante no local ao mesmo tempo que se diminui o consumo de energia; a utilização de materiais que economizam energia e dinheiro a longo prazo; e a conservação de água.

Esboço
Esboço
Planta Baixa Pavimento Térreo
Planta Baixa Pavimento Térreo

Métodos solares passivos eficazes incluem o uso de pedra arenito e tijolo Arizona de cor clara, que são duradouros e difundem a massa térmica. Janelas profundas inseridas nas fachadas leste e oeste estão protegidas por treliças de "muro vivo" com trepadeiras que regulam a luz solar. Os coletores térmicos solares proporcionam mais de 30% das necessidades de água quente.

© Lawrence Anderson _ ESTO
© Lawrence Anderson _ ESTO

O deserto de Sonora é tecido no paisagismo na praça de entrada e no perímetro com plantas nativas resistentes à seca. As pontes históricas de Yuma são referenciadas por uma procissão de entrada de pontes de aço abrangendo um córrego ajardinado, um pedestal de pedra e uma série de paredes de pedra escalonadas do terreno. Bacias de retenção de água, com 821 m³. Capacidade de coletar a água da chuva no arroio, que se infiltra no solo, mantendo os poluentes fora de rios. Um sistema de gotejamento irriga com eficiência máxima.

O presidente Barack Obama assinou uma lei dando o nome do juiz John M. Roll, presidente federal do Arizona, após ele ser assassinado no tiroteio de 2011 que feriu a congresista Gabby Gilffords. Como um forte defensor do Palácio de Justiça, o juiz havia sido membro da seleção de jurados de projeto e construção. "O sabor do sudoeste deste conceito conserva a dignidade de um palácio de justiça federal", escreveu. "É um grande ajuste para a área imediata, especialmente em sua posição. A entrada principal é proeminente e atrativa. A  varanda sombreada é inovadora e prática."

© Lawrence Anderson _ ESTO
© Lawrence Anderson _ ESTO

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:Yuma, AZ, EUA

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Palácio de Justiça John M. Roll / Ehrlich Architects" [John M. Roll US Courthouse / Ehrlich Yanai Rhee Chaney Architects] 26 Fev 2015. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/762565/palacio-de-justica-john-m-roll-ehrlich-architects> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.