O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Arquitetura Cultural
  4. Holanda
  5. van Dongen-Koschuch
  6. 2014
  7. Grenswerk Poppodium / van Dongen-Koschuch

Grenswerk Poppodium / van Dongen-Koschuch

  • 11:00 - 4 Fevereiro, 2015
  • Traduzido por Maria Julia Martins
Grenswerk Poppodium / van Dongen-Koschuch
Grenswerk Poppodium / van Dongen-Koschuch, © Allard van der Hoek
© Allard van der Hoek

© Allard van der Hoek © Allard van der Hoek © Allard van der Hoek © Allard van der Hoek + 26

  • Arquitetos

    Frits van Dongen, Patrick Koschuch
  • Localização

    Peperstraat 10, 5911 HA Venlo, Holanda
  • Equipe de Projeto

    H.Fekry, Henk de Haas, Jeroen Kreijne, Raul Forsoni, Gianna Bottema
  • Construtora

    ABT, Delft
  • Área

    2500.0 m2
  • Ano do projeto

    2014
  • Fotografias

© Allard van der Hoek
© Allard van der Hoek

Descrição enviada pela equipe de projeto. Grenswerk, parte da cidade medieval sobre o Rio Maas, está se tornando o futuro coração criativo e cultural do estado holandês de Venlo.

© Allard van der Hoek
© Allard van der Hoek

Seguindo normas de zoneamento, a envolvente do edifício tem uma massa se identifica com o foco residencial nesta área. A fim de distinguir-se, portanto, optamos por uma abordagem sensível, mas forte, para o volume, que corresponde a uma tipologia de armazém.

Corte
Corte

O volume desta forma foi capaz de se misturar elegantemente ao ambiente urbano denso. O novo templo pop é limitado, nos termos do plano urbano, com o plano de cobertura histórica do centro da cidade, reforçando a sua forte identidade. A estrutura do telhado foi trabalhada para se tornar uma das principais características do edifício, uma exposição de arquitetura. A partir da entrada, a estrutura do telhado é exposta, continuando até o salão principal, reforçando a sua experiência única. A fachada remete ao armazém histórico de uma forma abstrata e decorativa. As grandes janelas perfuram a fachada para tornar o programa do edifício facilmente lido a partir do lado de fora.

© Allard van der Hoek
© Allard van der Hoek

O terreno é limitado em relação à superfície do piso. Este foi um fator determinante para o desenho final e a para a posição do hall. Ao elevar o salão e dar-lhe uma posição central no edifício, foi possível envolver todas as funções públicas em torno dele; a entrada, o café pop, as salas de ensaio e a sala de carga no nível da rua. O espaço entre o hall e as funções públicas, em seguida, acomodam as escadas de emergência e os banheiros, proporcionando uma proteção extra contra os ruídos. Os espaços entre cada função pública podem, então, ser deixados abertos e conectam visualmente o auditório aos corredores, aos artistas e aos visitantes. O programa foi pensado para criar uma atmosfera aberta, transparente e que no nível do solo cria uma entrada convidativa e, ao mesmo tempo, conecta-se ao tecido urbano. A aparência geral do templo pop é de convívio, de atividades visíveis. Os estúdios de prática possuem janelas abertas para a entrada do café, permitindo que a música seja ouvida por todos.

© Allard van der Hoek
© Allard van der Hoek
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato. Cita: "Grenswerk Poppodium / van Dongen-Koschuch" [Grenswerk Poppodium / van Dongen-Koschuch] 04 Fev 2015. ArchDaily Brasil. (Trad. Martins, Maria Julia) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/761209/grenswerk-poppodium-van-dongen-koschuch> ISSN 0719-8906