O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Edifícios De Escritórios
  4. República Checa
  5. Rudolf Müller
  6. 2014
  7. Filial M&V / Rudolf Müller

Remodelaçao

Apresentado por the MINI Clubman

Filial M&V / Rudolf Müller

  • 11:00 - 8 Dezembro, 2014
  • Traduzido por Arthur Stofella
Filial M&V / Rudolf Müller
Filial M&V  / Rudolf Müller, © KIVA
© KIVA

© KIVA © KIVA © KIVA © KIVA + 26

  • Colaborador

    Petr Kadaňka
  • Consultoria

    Zbyněk Holešovský - LDH, Miloslava Henešová, František Jihlavec - Profilux, Jan Klodner - BALANCE, Stanislav Král, Jaroslav Macíček, Jaroslav Mach, Vendula Markevičová, Ondřej Navrátil, Stanislav Peša, Petr Pokorný, Tomáš Sedláček, Markéta Sedláková, Ondřej Tichý, Eva Wagnerová
  • Construtor - Estrutura Principal

    KALÁB - stavební firma, spol. s r.o.
  • Construtor - Interiores

    U1 S.R.O.
  • Mais informações Menos informações
Filial M&V  / Rudolf Müller, © KIVA
© KIVA

Descrição enviada pela equipe de projeto. A conversão da construção de uma antiga garagem, funilaria e oficina de pintura em uma filial de uma empresa de venda de hardware e ferramentas de usinagem, faz parte dos projetos em que é necessário realizar uma busca interminável da relação entre a arquitetura e seu entorno, junto com um desenvolvimento histórico e futuro.

© KIVA
© KIVA

O objetivo é não se comprometer com decisões tomadas anteriormente, pelo contrário, seguir discussões críticas com especialistas, para escolher a aparente melhor solução e sentir o apoio do cliente. Posteriormente, todo o processo resulta na ausência de extremos, ou seja, exposição arquitetônica unilateral e sem sentido e uma solução unificada e universal com os esforços persistentes para reduzir o orçamento a qualquer custo.

Planta Baixa - Pavimento Térreo
Planta Baixa - Pavimento Térreo

Neste caso em particular, a confiança mencionada acima manifesta-se em três aspectos principais para determinar o foco geral da reconstrução. O primeiro é o efeito do entorno no edifício, isto é, a influência que define a expressão da própria edificação. Assim, o entorno desolado, caracterizado principalmente por uma estrada bastante movimentada, convenceu a todos os grupos de interesse, que a melhor ideia era converter o edifício em direção a seu interior.

© KIVA
© KIVA

Foi criado um átrio em um dos pontos centrais do edifício, com quase todo o interior girando em si. Aqui, o investidor demonstrou sua tolerância, ao permitir um foco pouco convencional de arquitetura paisagística. Devido a isto, o átrio abriga uma grande rocha que é gradualmente coberta com musgo. Ao comparar-lo com outros projetos mais convencionais, este proporciona uma impressão mais refinada e correspondente com a função da empresa.

© KIVA
© KIVA

A fachada perimetral aparenta ser utilitária, com a exceção da área de entrada feita com uma grelha da aço lamelar cujos segmentos verticais recorrem ao ponto de foco situado na zona do átrio. Assim, é possivel olhar para o interior a partir de qualquer ponto em frente à grelha de aço, contudo, em perspectiva, a mesma grelha cria uma massa que enfatiza o ponto de entrada através de uma saliência.

Corte 1
Corte 1

Existem duas razões por trás da solução: a proteção por grandes paredes envidraçadas e uma clara identificação do edifício como uma filial de uma empresa que trabalha principalmente com aço. O desenho final é o resultado de muitas horas de reflexão e busca de proporções e formas ideais. Após isso tudo, trata-se de um desenho paramétrico complexo e funcional baseado em uma solução flexível personalizada.

© KIVA
© KIVA

Entretanto, a abordagem do investidor tende a se refletir mais no trabalho dos detalhes, participar no processo de projeto separando as soluções de qualidade de soluções pela metade. Não é comum, atualmente, ter a possibilidade de completar um projeto até os últimos detalhes.

© KIVA
© KIVA

Apesar de uma quantidade adequada de compromisso, o autor teve êxito na aplicação de uma abordagem unificada, não somente a construção do exterior, mas também a solução interior de modo geral. Além do mobiliário, o projeto também inclui o design gráfico dos elementos de orientação, o desenvolvimento do conceito da sala de exposição, o projeto integral dos artigos de vidro eporcelana, incluindo acessórios próprios. Este caráter coerente é o resultado de uma intensa cooperação de todas as partes interessadas, em não ter medo de discutir e mostrar confiança um no outro.

© KIVA
© KIVA

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato. Cita: "Filial M&V / Rudolf Müller" [M&V Branch Office / Rudolf Müller] 08 Dez 2014. ArchDaily Brasil. (Trad. Stofella, Arthur) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/756718/filial-m-and-v-rudolf-muller> ISSN 0719-8906