Residência El Carajo / Obranegra Arquitectos

Residência El Carajo / Obranegra Arquitectos

© Isaac Ramírez © Isaac Ramírez © Nicolás Mántaras© Isaac Ramírez + 23

El Retiro, Colômbia
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  320
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2013
  • Fotógrafo Fotografias:  Nicolás Mántaras, Alejandro Ochoa, Carlos Pardo
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Argos, El Cedro Rojo, Fiberglass Colombia, Montajes del Acero, Muma
  • Coordinadores De Proyecto:Carlos A. Holguín Suescún, Carolina Vélez Duque
  • Colaboradores:Alejandro Ochoa Gómez, Juan Camilo Llano
  • Maquetas:María Posada Martínez
  • Constructor:Juan Pablo Cardona
  • Residente De Obra:Adriana Tamayo G.
  • Diseño Arquitectónico:Carlos Pardo Botero,nMauricio Zuloaga Latorre, Nicolás Vélez Jaramillo
  • Cidade:El Retiro
  • País:Colômbia
Mais informaçõesMenos informações

Descrição enviada pela equipe de projeto. A residência El Carajo está localizada no parque ecológico Los Salados, às margens da represa La Fe, 30 quilômetros a sudeste de Medellín. Seus conceitos principais estão no diálogo respeitoso que a obra estabelece com o entorno, propiciando múltiplas relações com a paisagem e na transformação de elementos da arquitetura tradicional em componentes que condizem com as exigências da vida contemporânea.

Planta baixa - térreo
Planta baixa - térreo

Fachada 2Fachada 1Planta de SituaçãoRoof Plan+ 23

Fazer parte da paisagem

As características particulares do local, sejam elas geográficas, paisagísticas ou ambientais, foram determinantes na configuração volumétrica, localização e organização espacial da residência.

© Isaac Ramírez
© Isaac Ramírez

A fachada norte (convexa) é composta por muros de concreto perfurados por aberturas profundas que emolduram a paisagem próxima e acompanham a circulação principal. No centro da fachada sobressai um volume negro (Zaguán) que serve como acesso e ajuda a organizar o percurso no interior. Nas fachadas laterais, pequenas aberturas permitem estabelecer uma relação mais íntima com a vegetação. A fachada sul, mais transparente e aberta a paisagem, apresenta uma leve concavidade com a intenção de dialogar com a forma orgânica da represa. Ao inclinar a cobertura em direção a represa e separá-la da fachada, cria-se um espaço intermediário sob o beiral, um limite que reduz a tensão entre interior e exterior.

A residência configura-se, portanto, em um simples volume horizontal que pousa de maneira leve sobre o terreno natural, a fim de converter-se em um elemento a mais na paisagem.

Corte Transversal
Corte Transversal
© Nicolás Mántaras
© Nicolás Mántaras

Celebrar a tradição

A configuração longitudinal da residência, voltada para a paisagem através de um amplo corredor, faz referência às tipologias tradicionais da arquitetura dos andes colombianos, de longe a construção é percebida como uma casa comum, mas ao aproximar-se os detalhes particulares se tornam visíveis respondendo aos requerimentos do habitar contemporâneo e os desejos específicos dos seus habitantes.

Tanto os proprietários quanto os arquitetos concordaram em desenvolver uma casa de campo afastada dos padrões de uma moradia urbana, criando um espaço acolhedor e confortável para descansar. Foi assim que se decidiu construir a residência com materiais naturais: nobres e táteis, que mostram sua idade com o tempo, como o concreto composto pela areia local, madeiras sem polir e pedras da região que ao entrar em contato com a luz são capazes de produzir uma atmosfera acolhedora e uma sensação de naturalidade no espaço. 

© Carlos Pardo
© Carlos Pardo

Bioclimática

Ao localizar-se sobre os Andes a uma altura aproximada de 2.100m, a temperatura oscila entre os 12°C na madrugada e supera os 22°C durante a tarde. Esta condição nos levou a propor soluções passivas de ventilação e iluminação, evitando o uso de tecnologias adicionais que demandam consumos energéticos desnecessários e resultam mais caras.

A cobertura inclina-se para o leste com a intenção de captar energia solar e aquecer a residência pela manhã. No sentido contrário da inclinação, a altura da cobertura facilita a circulação do ar, mantendo durante todo o dia uma temperatura constante no interior. Os amplos beirais ajudam a proteger as fachadas das fortes chuvas e da insolação. Além disso, possibilitam a criação de aberturas de correr na parte superior do volume de concreto, permitindo a entrada controlada de luz, conferindo aos espaços interiores uma sensação de naturalidade.

© Alejandro Ochoa
© Alejandro Ochoa

Originalmente publicado em 1 Novembro, 2014

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Residência El Carajo / Obranegra Arquitectos" [El Carajo House / Obranegra Arquitectos] 26 Mai 2019. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/755311/residencia-el-carajo-obranegra-arquitectos> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.