O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. Portugal
  5. 2014
  6. CASA SOL / atelier data

CASA SOL / atelier data

CASA SOL / atelier data
CASA SOL / atelier data, © Mercês Tomaz Gomes
© Mercês Tomaz Gomes

© Mercês Tomaz Gomes © Mercês Tomaz Gomes © Mercês Tomaz Gomes © Mercês Tomaz Gomes + 23

  • Arquitetos

  • Localização

    Quarteira, Portugal
  • Autores

    Filipe Vogt Rodrigues, Inês Maia Vicente, Marta Mateus Frazão
  • Equipe de Projeto

    Filipe Rodrigues, Inês Vicente, Marta Frazão, Emmanuel Novo
  • Área

    314.0 m²
  • Ano do projeto

    2014
  • Fotografias

© Mercês Tomaz Gomes
© Mercês Tomaz Gomes

Descrição enviada pela equipe de projeto. A casa Sol localiza-se em Vilamoura no Concelho de Loulé, um dos locais de maior vocação turística do Algarve e um dos principais destinos de férias dos portugueses.

© Mercês Tomaz Gomes
© Mercês Tomaz Gomes

Inserida num bairro de moradias unifamiliares, o projeto incidiu sobre uma construção existente que data dos anos 80 e sobre a qual se propôs uma intervenção que visou a expansão e a adequação a um novo programa.

© Mercês Tomaz Gomes
© Mercês Tomaz Gomes

O projeto de reabilitação/expansão concentrou-se assim nos seguintes princípios:

:: Conceber uma solução que articule a construção pré-existente com uma proposta de expansão capaz de interpretar o programa da habitação e adequar-se simultaneamente ao desenho pré-existente;

Planta Baixa
Planta Baixa

:: Apostar na clara distinção entre a zona privada e a zona social que constituem o programa da habitação, tirando partido da configuração em L da construção inicial;

:: Valorizar o conceito gerador da casa existente, o alpendre, acentuando a relação entre interior e exterior com a criação de maiores aberturas nas fachadas Sul e Poente;

© Mercês Tomaz Gomes
© Mercês Tomaz Gomes

:: Introdução do elemento “pátio” como elemento adicional na resolução de questões que se prendem com a iluminação e ventilação natural da casa, explorando simultaneamente relações de atravessamento visual entre espaços;  

:: Propõe-se o acréscimo da piscina de uma área de espelho de água, resultando um plano de água de dimensões proporcionais à construção que o envolve, criando simultaneamente uma privilegiada zona de estar exterior.

© Mercês Tomaz Gomes
© Mercês Tomaz Gomes

CONCEITO

Do ponto de vista da volumetria, procurou-se introduzir através da correção de alguns alinhamentos, uma maior clareza do objecto construído, reforçando a configuração em L que a construção detinha originalmente.

A nova configuração é sugerida através de novos volumes que se anexam/adoçam à construção existente, erguendo-se na continuidade de planos existentes e replicando a geometria dos planos de cobertura, distinguindo-se porém da construção inicial através da sua materialidade.

Axonométrica
Axonométrica

A combinação entre os planos de alvenaria da construção inicial e os planos em betão aparente permitem identificar os diferentes “tempos” da casa, conciliando a estrutura pré-existente com a recente intervenção empenhada em construir renovadas relações espaciais e novos compromissos programáticos.

Estes novos “corpos” permitiram simultaneamente articular a relação que a casa estabelece com as ruas, para as quais se fecha, e para o jardim para a qual se abre.

© Mercês Tomaz Gomes
© Mercês Tomaz Gomes

PROGRAMA

Do ponto de vista funcional, o programa distribui-se num só piso.

O Hall de entrada funciona como rótula a partir da qual se distinguem duas grande áreas – a área social, na ala esquerda e a área de acesso aos quartos que se desenvolve na direção/enfiamento da entrada.

Planta Baixa
Planta Baixa

O corpo correspondente à área social integra a cozinha, a sala de jantar, a sala de estar e o grande alpendre que se relaciona diretamente com espaço da piscina.

O prolongamento da piscina favorece a relação visual entre a sala de estar e o plano de água reforçando simultaneamente a relação entre a construção e a piscina à volta do qual se localiza a grande área de estar exterior.

© Mercês Tomaz Gomes
© Mercês Tomaz Gomes

A ala de acesso mais restrito, resulta da distribuição linear de três quartos, sendo o último o quarto principal da casa onde um novo corpo de remate alberga instalação sanitária, quarto de vestir e um pátio entre eles, responsável pela iluminação e ventilação destes dois espaços.

Ainda na entrada o espaço escritório permite abrir-se ou fechar-se para o espaço de entrada, comprimindo ou dilatando esta área, sendo futuramente possível integrá-lo na ala dos quartos.

Diagrama
Diagrama

A estratégia de desenho adotada resulta em síntese da combinação entre a procura de uma clara leitura do objecto e do programa de usos e funções que alberga.

Os pátios e alpendres são responsáveis pela mediação entre os espaços interiores e o exterior da casa.

© Mercês Tomaz Gomes
© Mercês Tomaz Gomes

MATERIALIDADE

Optou-se pelo uso de materiais e revestimentos tradicionais, de que são exemplo os materiais cimenticios, os rebocos, as madeiras, e os barros de tradição local, combinados com a construção em betão dos novos elementos cuja cofragem executada em réguas de madeira permitiu introduzir uma certa plasticidade ao material, adequando-o à escala do programa da habitação e ao universo da casa.

© Mercês Tomaz Gomes
© Mercês Tomaz Gomes

A pintura da casa num off-white surge como elemento articulador da construção, unificando a estrutura pré-existente e os novos elementos de construção.

Ver a galeria completa

Cita: "CASA SOL / atelier data" [CASA SOL / atelier data] 14 Out 2014. ArchDaily Brasil. (Trad. Delaqua, Victor) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/755272/casa-sol-atelier-data> ISSN 0719-8906