O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Centro Para Jovens
  4. França
  5. Marjan Hessamfar & Joe Vérons architectes associés
  6. 2013
  7. Centro de Bem-estar para crianças e adolescentes em Paris / Marjan Hessamfar & Joe Verons architectes associes

Centro de Bem-estar para crianças e adolescentes em Paris / Marjan Hessamfar & Joe Verons architectes associes

Centro de Bem-estar para crianças e adolescentes em Paris / Marjan Hessamfar & Joe Verons architectes associes
Centro de Bem-estar para crianças e adolescentes em Paris / Marjan Hessamfar & Joe Verons architectes associes, © Vincent Fillon
© Vincent Fillon

© Vincent Fillon © Vincent Fillon © Vincent Fillon © Vincent Fillon + 28

  • Engenheiros Estruturais

    OTCE bet
  • Engenheiros de desenvolvimento sustentável

    Inddigo hqe
  • Equipamentos de cozinha

    Fisher
  • Empreiteira

    DUMEZ
  • Custos

    € 16 570 000 excl VAT
  • Área

    6225 m2 GEA
  • Mais informações Menos informações
© Vincent Fillon
© Vincent Fillon

Introdução

"Maison d'Accueil de l'enfance Eleanor Roosevelt" é um centro residencial de emergência gerido pelo departamento local de bem-estar infantil (Aide Sociale à l'Enfance- ASE) em Paris. Ele fornece abrigo de emergência para os menores sob tutela legal. O principal objetivo do centro é fornecer apoio prático, educacional e psicológico a essas crianças e adolescentes. Mover o centro de seu local atual no 14º arrondissement (distrito) permitirá o aumento da capacidade e vai ajudar o centro de serviços a aumentar. Semavip, uma empresa semi-pública, é responsável pelo desenvolvimento da área que já tem um cinema, um circo e um parque residencial, o "Jardim Público Serge Gainsbourg", que foi aberto ao público desde o verão de 2010.

© Vincent Fillon
© Vincent Fillon

A origem do programa

Um centro de emergência é tanto um abrigo para crianças, como um lar de atendimento onde os jovens se sintam acolhidos, protegidos e cuidados. É também um lugar de transição, onde os laços familiares, em vez de ser cortados, são incentivados sob uma supervisão calma e compassiva.

Planta Baixa
Planta Baixa

A noção de "emergência" não deve ser sentida pelas crianças que precisam se sentir seguras de que, de fato, este é um lugar onde, finalmente, elas podem estar completamente seguras. Também é fundamental que todo o esforço seja feito para garantir que suas necessidades educacionais sejam satisfeitas continuamente. Com tudo isso em mente, os arquitetos projetaram como um abrigo onde cada andar é atribuído a uma única faixa etária e em que as necessidades de todas as crianças, desde momentos mais silenciosos, até atividades em grupo, são respeitadas.

© Vincent Fillon
© Vincent Fillon

Tom Arquitetônico

Há duas grandes limitações no local. Em primeiro lugar, o núcleo do lote é voltado para o norte. Em segundo lugar, o programa de arquitetura é altamente compacto e não é facilmente acomodado com as plantas principais da zona de desenvolvimento. Isso poderia resultar em grave falta de luz para dentro do prédio.

Os arquitetos desenvolveram portanto, uma estrutura em L com diferentes níveis de piso no centro, oferecendo amplos terraços de lazer em cada andar. Este sistema em camadas otimiza o acesso à luz natural e vistas panorâmicas no centro do edifício. No entanto, para otimizar o acesso à luz do dia ainda mais, os arquitetos decidiram posicionar os edifícios em torno dos jardins fechados com duas das principais paredes de fachadas para o sul e para o oeste.

© Vincent Fillon
© Vincent Fillon

Gerenciamento de Espaço

Como o edifício está aberto ao público (ERP), a organização de espaço é muito complexa. Cada pavimento é entendido como uma única unidade, com o seu próprio uso específico, seus próprios regulamentos de saúde e segurança. A creche no quinto nível se enquadra na classificação R (código francês de padrões para instalações de ensino), enquanto as salas de tratamento e cuidados de saúde no piso térreo e no 4º pavimento estão sob a classificação U (código francês de normas para instalações de cuidados de saúde). A dificuldade surgiu do gerenciamento das distintas e rígidas normas de saúde e segurança, mas mantendo todo o edifício com uma única identidade. Por exemplo, o playground da creche é privado e seguro, com o uso de árvores em vasos grandes em toda a área.

Corte
Corte

Este tipo de instituição está sujeito a constantes mudanças, não só durante a vida do edifício em si, mas também em todas as fases do projeto. Com isto em mente, os arquitetos projetaram o edifício como uma matriz que dá margem para mudar não só uma vez completo, mas também durante as várias fases do estudo do projeto. Por exemplo, os grandes corredores não foram concebidos só como passagens, mas também podem ter outros fins, se necessário.

© Vincent Fillon
© Vincent Fillon

Ambiente interno e escolha de materiais

Para manter um ambiente acolhedor por toda parte, os arquitetos também foram convidados a conceber a sinalização interna e o mobiliário. Consultas regulares com as equipes de trabalho ajudaram a criar pictogramas poéticos, divertidos e como sonhos nas placas de sinalização. Eles também optaram por fazer da grande escadaria, o ponto focal como uma casa imponente. Foi dado ênfase ao propósito do design do mobiliário construído.

© Vincent Fillon
© Vincent Fillon

A parede da fachada é emoldurada com madeira de revestimento metálico, enquanto os pilares, vigas e pisos são feitos de concreto. A estrutura de concreto das vigas e pilares dá um certo grau de flexibilidade para toda a construção. Isso era necessário para garantir que departamentos separados pudessem funcionar em diferentes andares. Elementos externos de concreto pré fabricado são feitos de cimento químico branco. Portanto este concreto é auto-limpante. Não vai mudar de cor ao longo do tempo, e vai manter sua aparência original. Esta escolha de material auto-limpante é importante para combater o mau tempo e a poluição devido ao tráfego intenso - há duas importantes estradas perimetrais parisienses nas proximidades, de outra forma poderia descolorir o exterior. Grades de cor dourada e persianas são utilizadas para proteger os quartos do sol e também para garantir a privacidade dos usuários. Concreto branco, ouro e persianas com trabalho em ferro preto em todas as fachadas, reforçando assim uma sensação homogénea de todo o Centro.

© Vincent Fillon
© Vincent Fillon

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato. Cita: "Centro de Bem-estar para crianças e adolescentes em Paris / Marjan Hessamfar & Joe Verons architectes associes" [Welfare Centre for children and teenagers in Paris / Marjan Hessamfar & Joe Verons architectes associes] 16 Out 2014. ArchDaily Brasil. (Trad. Márquez, Leonardo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/733949/centro-de-bem-estar-para-criancas-e-adolescentes-em-paris-slash-marjan-hessamfar-and-joe-verons-architectes-associes> ISSN 0719-8906