O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Escola Secundária
  4. França
  5. ANMA
  6. 2013
  7. Escola de Engenheiros em Bretanha / ANMA

Escola de Engenheiros em Bretanha / ANMA

Escola de Engenheiros em Bretanha / ANMA
Escola de Engenheiros em Bretanha / ANMA, © Sergio Grazia
© Sergio Grazia

© Sergio Grazia © Sergio Grazia © Sergio Grazia © Sergio Grazia + 26

  • Arquitetos

  • Localização

    100 Lorient, 58120 Corancy, França
  • Arquitetos Responsáveis

    Nicolas Michelin, Michel Delplace, Cyril Trétout
  • Diretor do Projeto

    Etienne Chalet-Hayard
  • Coordenador do Projeto

    Ronan Le Hyaric
  • Área

    5743.0 m²
  • Ano do projeto

    2013
  • Fotografias

  • Consultoria Geral

    BETIBA
  • Consultoria Acústica

    ABC Decibel
  • Consultoria Econômica

    ANMA
  • Arquitetos Associados

    Rouillé Architectes Associés
  • Cliente

    Communauté d’agglomération du pays de Lorient
  • Custo

    8375000 € HT
  • Mais informações Menos informações
© Sergio Grazia
© Sergio Grazia

Descrição enviada pela equipe de projeto. A Escola Superior de Engenharia está organizada em torno do monólito colorido central a partir do qual duas alas do edifício se irradiam. O monólito contém duas áreas essenciais: o anfiteatro e refeitório.

Implantação
Implantação

Já na fase do concurso, o projeto para esta sala central foi elaborado com colaboração do artista David Saltiel. A escola faz parte de uma reflexão global do ANMA sobre espaços intersticiais. Que são essenciais para o processo de sinergia positiva da escola, uma vez que promovem a interação entre alunos, professores, pesquisadores e pessoas. Além disso, permitem que os usuários do prédio possam se isolar (como na sala de reuniões do Conselho de Faculdade e seu terraço com vista para todo o edifício) ou se reunirem (como os terraços escalonados da cobertura). Por fim, os espaços intersticiais moldam o sentido de um local compartilhado.

© Sergio Grazia
© Sergio Grazia

ANMA manifesta a sua ambição de ir além, oferecendo um espaço vivo e locais compartilhados que permitem aos alunos viverem e aprenderem juntos. Os espaços polivalentes são organizados em uma lógica de fluxos. Células de estudo, onde os alunos podem se reunir para trabalhar juntos são adicionadas às salas de aula tradicionais. Aprender não é mais algo isolado, mas em rede e conectados.

Corte
Corte

Os concursos tornam-se espaços públicos ligados à cidade. A universidade se abre, assim, para o seu ambiente com uma ideia emprestada do modelo de campus americano, mas aplicado em uma escala francesa com restrições de densidade e uso misto, incluindo habitações. Interações entre a cidade dos estudantes e a cidade da vida cotidiana incorporam esses projetos diferentes para a mesma lógica do planejamento urbano.

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato. Cita: "Escola de Engenheiros em Bretanha / ANMA" [School of Engineers in Bretagne / ANMA] 19 Set 2014. ArchDaily Brasil. (Trad. Delaqua, Victor) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/627436/escola-de-engenheiros-em-bretanha-anma> ISSN 0719-8906