Bagnoli Futura / Silvio d'Ascia Architecture

Bagnoli Futura / Silvio d'Ascia Architecture

© Barbara Jodice© Barbara Jodice© Barbara Jodice© Barbara Jodice+ 20

  • Arquitetos: Silvio d'Ascia Architecture
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  44230
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2011
  • Fotógrafo Fotografias:  Barbara Jodice
  • Escopo:Schematic design, design development, construction management
  • Empreiteiras:SLED SpA with Studio Graziani, Studio Lenzi, Ing. Majorano, Gi.Pi.Gi.
  • Fabricação Dos Componentes Metálicos:CIMA Srl, Vestrut Engineering Srl
  • Cerêmica:Casalgranda Padana
  • Cliente:Società Bagnolifutura SpA
  • Desenvolvimento:2007 – 2008
  • Construção:2008 – 2011
  • Custo:44,2 milhões de euros
  • Equipe De Projeto:Silvio d’Ascia Architecture, ATI Servizi Integrati, IDI
  • Cidade:Nápoles
  • País:Itália
Mais informaçõesMenos informações
© Barbara Jodice
© Barbara Jodice

Descrição enviada pela equipe de projeto. O projeto se localiza no terreno de uma siderúrgica abandonada, construída após a Segunda Guerra Mundial para ajudar na reconstrução da região de Mezzogiorno, Itália. Tendo em vista o encerramento das atividades da fábrica e seu estado de abandono, foi decidido que o lugar deveria refletir a ideia de "reconstrução" num nível local. Como consequência, surgiu a ideia de um centro cultural para moradores locais e turistas. 

© Barbara Jodice
© Barbara Jodice

O novo complexo será a porta de entrada para uma iniciativa maior, chamada Bagnoli Futura, que pretende regenerar toda a antiga região industrial. A maior parte desses programas se relaciona com o solo, criando um grande espaço público aberto. Esse aspecto coloca o auditório como elemento definidor do projeto, com sua estrutura envidraçada emergindo das fundações como uma embarcação futurística. Durante o dia o sistema de revestimento de vidro esverdeado faz com que o edifício reflita o entorno residencial, enquanto que à noite a estrutura passa a irradiar luz a partir de seu interior.

Corte
Corte

O complexo abriga espaços de exposição, um auditório central para 300 pessoas, um bar e áreas de recepção. As instalações desportivas e demais áreas técnicas se localizam sob o nível da praça. O efeito de camadas da fachada ajuda a difundir a incidência direta do sol; além disso, a fachada conta com cortinas acústicas que recobrem todo o interior, proporcionando controle acústico e lumínico em função dos diferentes usos.

© Barbara Jodice
© Barbara Jodice

 Uma segunda estrutura, que pode ser vista mais como uma extensão da praça pública, abrigará um centro de ginástica e bem-estar. Suas fachadas inclinadas incorporam 960 células fotovoltaicas que, quando estiverem operando plenamente, serão capazes de produzir  265.000 kW por ano. Esse complexo é acessado através de uma estrutura abobadada (uma espécie de cúpula) que, juntamente com o auditório, se torna um elemento brilhante à noite. 

Corte
Corte

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:Nápoles, Itália

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Bagnoli Futura / Silvio d'Ascia Architecture" [Bagnoli Futura / Silvio d'Ascia Architecture] 18 Jul 2014. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/624105/bagnoli-futura-silvio-dascia-architecture> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.