O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Arquitetura Religiosa
  4. Canadá
  5. architectsAlliance
  6. 2012
  7. Centro da Catedral St. James / architectsAlliance

Remodelaçao

Apresentado por the MINI Clubman

Centro da Catedral St. James / architectsAlliance

Centro da Catedral St. James / architectsAlliance
Centro da Catedral St. James  / architectsAlliance, © Tom Arban
© Tom Arban

© Tom Arban © Tom Arban © Tom Arban © Tom Arban + 22

  • Arquitetos

  • Localização

    65 King Street East, Toronto, ON M5C 1G3, Canadá
  • Arquiteto Responsável

    Peter Clewes
  • Associado

    Heather Rolleston
  • Arquiteto do Projeto

    Robert Cadeau
  • Equipe de Projeto

    Masoud Mahboubullah, Javier Viteri
  • Área

    2355.0 m²
  • Ano do projeto

    2012
  • Fotografias

  • Arquitetos de Patrimônio

    ERA Architects Inc
  • Engenheiro Estrutural

    Blackwell Bowick
  • Instalação Mecânica/Elétrica

    Lam & Associates Ltd
  • Luminotécnico

    Lynch Commiso Architects Ltd
  • Revestimento

    Coffey Geotechnics Inc.
  • Paisagismo

    NAK Design Strategies
  • Arqueologia

    Archaeological Services Inc.
  • Cozinha

    LTD Consulting Group
  • Cliente

    Rob Saffrey, Diretor de Finanças da Igreja Catedral de Ingreja Anglicana St. James do Canadá
  • Mais informações Menos informações
© Tom Arban
© Tom Arban

Descrição enviada pela equipe de projeto. O novo Centro da Catedral de St. James está nos arredores da Catedral. Esta é a sede administrativa para a Diocese da Igreja Anglicana de Toronto, descrita pelo jornalista Christopher Hume como "uma maravilha de simplicidade e beleza cristalina", o projeto permitiu a Diocese a embarcar no terceiro século de cuidados pastorais e espirituais no centro de Toronto.

© Tom Arban
© Tom Arban

Elementos arquitetônicos contemporâneos e de patrimônio são integrados de maneira orgânica através de uma interpretação contemporânea dos princípios da forma construída e organização espacial que regem a Catedral de 1854. As reformas estratégicas nos interiores criaram espaços mais eficientes e flexíveis, que abrigam um salão de reuniões públicas, salas de sensibilização da comunidade, os Arquivos Diocesanos e a Biblioteca, escritórios administrativos e apartamentos residenciais para o clérigo e visitantes.

Axonométrico Explodido
Axonométrico Explodido

O caminho ajardinado entre o Centro e a parcela norte da Catedral conecta os edifícios e cria um espaço aberto contemplativo entre a agitação da Church Street e o arborizado St. James Park. Durante a noite, o Centro iluminado se torna transparente, derramando luz para a praça e o Parque - uma bela metáfora para a Catedral como um farol na comunidade.

© Tom Arban
© Tom Arban

História e Briefing do Projeto

A Catedral de St. James é o centro de adoração da Diocese Anglicana de Toronto. A primeira igreja no local foi construída em 1807, e serviu como um hospital durante a Guerra de 1812. A catedral atual, projetado em estilo neogótico por Frederick William Cumberland, foi inaugurada em 1853. É um património designado e um marco duradouro no bairro de St. Lawrence de Toronto.

© Tom Arban
© Tom Arban

A Casa Paroquial da Catedral, que abriga programas de administração e de sensibilização da Diocese, foi construído em 1910 a partir de projeto de Darling & Pearson Architects, e ampliado em 1958 por Mathers & Haldenby Architects. Em 2000, a unidade tinha manifestado problemas estruturais e de manutenção urgentes. A Diocese encomendou ao arquiteto uma expansão e adição nos programas de restauração para abordar estas questões, além de configurar espaços para o aumento da demanda em seus programas de sensibilização. Posteriormente, o programa cresceu para incluir sede para o Deão da Catedral, acomodações para o clero e os pesquisadores visitantes e os Arquivos Diocesanos. O tecido histórico da Casa foi mantido, e três níveis de novas construções foi atado a ele. O renomeado Centro da Catedral de St. James foi inaugurado em maio de 2012.

Planta Baixa Térreo
Planta Baixa Térreo

Apesar da aparência decididamente moderna, o Centro realiza sintonia com a Igreja, oferecendo uma interpretação contemporânea dos princípios da forma construída e organização espacial que informam a estrutura do patrimônio. A luz característica e os arejados interiores da arquitetura neo-gótica encontram expressão moderna do anexo altamente transparente, o que conduz a luz do dia no núcleo da Casa Paroquial renovada e ampliada.

© Tom Arban
© Tom Arban

O novo anexo é revestido de uma camada de vidro com nervuras horizontais apoiadas sobre uma estrutura de aço inoxidável. As colunas de aço estrutural que suportam o novo edifício está afastado da parede de vidro, o que lhes permite ser interpretado como mais um elemento de projeto. A nova estrutura, contrasta com a solidez e a massa da Catedral. No entanto, a experimentação do arquiteto com luz e estrutura aparente é claramente influenciada pelos montantes e contrafortes da catedral gótica.

© Tom Arban
© Tom Arban

Snell Hall – o principal espaço público térreo do Centro – é completamente envidraçado, com vistas para a Church Street, a Catedral e o St. James Park. Portas deslizantes levam à um terreno com certo desnível para o caminho e a praça. Durante a noite, o Centro iluminado é como uma lanterna, que fornece luz para a praça e o Parque - como uma metáfora do papel pastoral de sensibilização da Catedral.

© Tom Arban
© Tom Arban

As reformas internas foram estratégicas. Os arcos, pilares e paredes de alvenaria dos anos 1910 foram destacadas, e restauradas, configurando um contraponto à estrutura moderna. O subsolo e o térreo acomodam programas públicos, incluindo  sensibilização da comunidade, áreas de ensaio do coro, salas de sacristia, os Arquivos Diocesanos, a Biblioteca, e Snell Hall. Mais usos privados - escritórios administrativos, e apartamentos para a Catedral Dean, visitando sacerdotes e estudiosos - ocupam o segundo e terceiro níveis.

Implantação
Implantação

Contexto

O Centro fica na esquina sudeste de Church Street e Adelaide Street East imediatamente ao norte da Catedral, que fica em frente a King Street East. Anteriormente, os dois edifícios estavam de costas um para o outro, se relacionando com as ruas adjacentes, em vez de um para o outro. O projeto de reforma e ampliação reorientou significativamente o terreno. O caminho pavimentado e ajardinado, entre o Centro e a parcela norte da Catedral liga as duas estruturas, e estabelece um novo eixo leste-oeste entre a Church Street e o St. James Park. Faixas alternadas de pavimentação de pedra calcária e vegetação marcam os limites da proposta original da Catedral e celebra os primeiros moradores de Toronto, cujos túmulos sem identificação encontram-se abaixo do caminho. O resultado é um enclave protegido reunindo os elementos pastorais, espirituais e administrativos da Catedral, e conectam um espaço aberto delicado com mais espaço verde público além do Parque.

© Tom Arban
© Tom Arban

Entre as características sustentáveis do projeto incluem:

· Demolição estratégica que preservou e reutilizou as fundações, estruturas do nível do subsolo e térreo da Casa Paroquial e Centro Diocesano existentes;

· Preservação de significantes espécies de árvores no terreno;

· Paisagismo permeável, com materiais e espécies de plantas locais;

· Elementos de proteção solar nas fachadas sul e leste;

· Sensores de presença para iluminação;

·  Melhorias na performance térmica incluem isolamentos com espuma de spray, barreira de vapor e novos acabamentos internos, que atendem os padrões atuais sem comprometer o desempenho da alvenaria histórica tombada.



Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
architectsAlliance
Escritório
Cita: "Centro da Catedral St. James / architectsAlliance" [St. James Cathedral Centre / architectsAlliance] 11 Jul 2014. ArchDaily Brasil. (Trad. Santiago Pedrotti, Gabriel) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/623851/centro-da-catedral-st-james-architectsalliance> ISSN 0719-8906