O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. Estados Unidos
  5. Fougeron Architecture
  6. 2014
  7. Casa na Queda / Fougeron Architecture

Casa na Queda / Fougeron Architecture

  • 13:00 - 2 Julho, 2014
  • Traduzido por Arthur Stofella
Casa na Queda / Fougeron Architecture
Casa na Queda / Fougeron Architecture, © Joe Fletcher Photography
© Joe Fletcher Photography

© Joe Fletcher Photography © Joe Fletcher Photography © Joe Fletcher Photography © Joe Fletcher Photography + 30

© Joe Fletcher Photography
© Joe Fletcher Photography

Descrição enviada pela equipe de projeto. Esta casa de três quartos, na espetacular costa sul de Big Sur, está ancorada na beleza natural e energia desta paisagem californiana. A nossa estratégia de projeto incorpora o edifício dentro do terreno, criando uma estrutura inseparável de seu contexto. O terreno oferece vistas dramáticas: uma queda de 76 metros para o Oceano Pacífico, tanto ao longo do penhasco e da orientação ocidental. No entanto, exige uma forma mais complexa do que uma janela gigante.

Elevação
Elevação

O volume longo e fino conforma e se deforma aos contornos naturais da terra e as geometrias do penhasco, muito parecido com o da lesma-banana nativa das florestas à beira-mar da região. Desta forma, o complexo sistema estrutural aplica e desafia as formas naturais a se acomodarem à implantação. A casa está em balanço a quase 4 metros de distância do penhasco, tanto para proteger o delicado ecossistema da falésia e para garantir a integridade e segurança da estrutura. O interior é um abrigo, um refúgio em contraste com a aspereza e a escala imensa do oceano e do penhasco. A casa também protege os espaços ao ar livre que se situam ao sul dos ventos fortes que sopram do noroeste.

© Joe Fletcher Photography
© Joe Fletcher Photography

O corpo principal da casa é composto de duas caixas retangulares ligadas por uma biblioteca/refúgio toda em vidro. A entrada principal está localizada no topo do volume superior com os espaços de habitação que se desdobram do mais público para o mais privado. A cozinha-sala de estar e a sala de jantar são um plano aberto, com mudanças sutis em níveis e planos de teto para diferenciar as várias funções. O volume inferior, uma suite principal em balanço, atua como um promontório acima do oceano, com vistas de tirar o fôlego a partir de suas janelas do chão ao teto. A ligação entre estes dois volumes é a biblioteca/refúgio de vidro; é o coração da casa, um cômodo que une a casa por dentro e por fora, tanto com sua geometria e sua transparência.

© Joe Fletcher Photography
© Joe Fletcher Photography

Uma ala de concreto com um andar, perpendicular à casa, inclui um quarto no andar térreo, área de serviços e um telhado verde; é a pedra prendendo a casa junto à terra.

A casa tem duas fachadas principais, a que fica ao sul é revestida em cobre que envolve a parede e telhado. O teto revestido de cobre protege as janelas e a porta da frente do sol e do vento que vem do ocean. A fachada voltada para o norte é feita de vidro; expansões de vidro transparente abrem a casa para a vista.

© Joe Fletcher Photography
© Joe Fletcher Photography

Estratégias de Projeto Sustentável

- Luz natural em todos os cômodos incluindo banheiros é adaptada conforme a orientação solar e reduz a energia necessária para iluminação artificial. Luz do dia principal é indireta e vem do norte, enquanto a luz do sul é limitada e mitigada pelo sistema de sombreamento automático;

- Baixa energia, vidro de controle solar é separado e colocado em uma estrutura de aço personalizada quebrada termicamente. Esta vidros de alto desempenho ajudam a reduzir o ganho solar, melhoram o conforto térmico durante o inverno, e oferece um desempenho térmico superior sem sacrificar as vistas;

© Joe Fletcher Photography
© Joe Fletcher Photography

- Um sistema de calor hidrônico radiante elimina o uso de canalização e permite temperaturas operacionais mais baixas e maiores níveis de conforto dos ocupantes. O consumo de energia é significativamente menor e mais eficiente do que os sistemas tradicionais de convecção forçada;

- O acúmulo de ventilação é, facilitado de forma natural pela disposição edifício. A planta-baixa aberta é conectada em vários níveis, desde a suíte principal mais abaixo a a entrada em uma elevação maior. Vidros operaveis controlados de forma automática no nível mais baixo são coordenados com uma grelha de transferência de escape no local mais alto. O diferencial de pressão e altura permite a exaustão de ar quente e a entrada de ar fresco;

Diagrama
Diagrama

- Vegetação nativa e resistente à seca é intencionada especificamente para reduzir a erosão do solo e facilitar a existência de novos habitats para a fauna local. Um telhado verde reduz a pegada aérea visual do edifício e providencia mais massa térmica/isolamento para o espaço ocupado;

- Tratamento no local de águas residuais através de um sistema de fossa séptica emparelhado com encanamentos eficientes reduz a carga para os sistemas de esgoto municipais e diferencia água preta e cinza. Por outro lado, a água doce é obtida a partir de um fluxo no local, que também não é dependente de sistemas municipais;

© Joe Fletcher Photography
© Joe Fletcher Photography

- Baixo Composto Orgânico Volátil (VOC) e acabamentos sustentáveis foram considerações primárias para garantir a mais alta qualidade do ar interior e uso responsável dos materiais de acabamento. A pintura interior e outros acabamentos interiores são todos de baixo VOC. Parede e isolamento do telhado são livres de formaldeído.

Ver a galeria completa

Sobre este escritório
Fougeron Architecture
Escritório
Cita: "Casa na Queda / Fougeron Architecture" [Fall House / Fougeron Architecture] 02 Jul 2014. ArchDaily Brasil. (Trad. Stofella, Arthur) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/623335/casa-na-queda-fougeron-architecture> ISSN 0719-8906