O site de arquitetura mais visitado do mundo
Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Apartamentos
  4. México
  5. JCK
  6. 2011
  7. Aristoteles 235 / Santiago de la Mora, Fernando Martinez & JCK

Aristoteles 235 / Santiago de la Mora, Fernando Martinez & JCK

  • 18:00 - 2 Fevereiro, 2013
  • Traduzido por Gica Fernandes
Aristoteles 235 / Santiago de la Mora, Fernando Martinez & JCK
Aristoteles 235 / Santiago de la Mora, Fernando Martinez & JCK, Courtesy of Santiago de la Mora, Fernando Martinez & JCK
Courtesy of Santiago de la Mora, Fernando Martinez & JCK

Courtesy of Santiago de la Mora, Fernando Martinez & JCK Courtesy of Santiago de la Mora, Fernando Martinez & JCK Courtesy of Santiago de la Mora, Fernando Martinez & JCK Courtesy of Santiago de la Mora, Fernando Martinez & JCK + 15

Courtesy of Santiago de la Mora, Fernando Martinez & JCK
Courtesy of Santiago de la Mora, Fernando Martinez & JCK

Descrição enviada pela equipe de projeto. Através de um concurso de arquitetura, foi encomendado um edifício de 6 apartamentos para uma jovem família cujo programa conta com duas suítes, sala de estar, cozinha, área de estudo, área aberta, despensa, lavanderia, um banheiro, e estacionamento. O terreno era um desafio devido às suas proporções, tamanho, e pelo fato de um dos edifícios vizinhos estar na lista da INBA (Instituição Mexicana de Proteção aos Edifícios Históricos), portanto o novo edifício deveria dialogar com aquele. Como parte da estratégia, foram projetados cinco sobrados de cinco pavimentos cada uma, incluindo o porão, isso permitiu expandir o programa e conceber um produto cuja oferta nesta área é escassa e a demanda alta.

Courtesy of Santiago de la Mora, Fernando Martinez & JCK
Courtesy of Santiago de la Mora, Fernando Martinez & JCK

O edifício horizontal foi projetado, mantendo uma fachada cega para a rua e voltando todas as aberturas para o interior onde pode-se controlar o ambiente. A fachada sul apresenta uma janela de 7m de altura por 29 m de comprimento que possibilita visuais e a entrada de luz. No inverno essa fachada permite a entrada do sol, porém, para evitar o super-aquecimento, uma parede de vegetação do mesmo tamanho da janela foi colocada paralela a esta, bloqueando, por vezes, os raios de sol. Para controlar o ambiente dentro de cada sobrado, as janelas e a chaminé foram estrategicamente colocadas para permitir a saída de ar quente e a entrada de ar frio, mantendo uma faixa de conforto térmico ao longo do ano, evitando a instalação de aparelhos de ar-condicionado e aquecimento. Os quartos possuem uma segunda fachada de vidro e ventilação norte, assim, as áreas públicas apresentam um clima independente. O sistema construtivo do edifício consistem em seis empenas de concreto armado unidas por vigas de aço. No interior foi utilizado piso de madeira em tons acinzentados, paredes de concreto aparente e mármore Carrara nos banheiros.

Corte
Corte

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
JCK
Escritório
Cita: "Aristoteles 235 / Santiago de la Mora, Fernando Martinez & JCK" [Aristoteles 235 / Santiago de la Mora, Fernando Martinez & JCK] 02 Fev 2013. ArchDaily Brasil. (Trad. Fernandes, Gica) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/94623/aristoteles-235-slash-santiago-de-la-mora-fernando-martinez-and-jck> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.