O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. Equador
  5. Duran & Hermida Arquitectos
  6. 2011
  7. Los Faiques / Duran & Hermida Arquitectos

Los Faiques / Duran & Hermida Arquitectos

Los Faiques / Duran & Hermida Arquitectos
Los Faiques / Duran & Hermida Arquitectos, Cortesía de Duran & Hermida Arquitectos
Cortesía de Duran & Hermida Arquitectos

Cortesía de Duran & Hermida Arquitectos Cortesía de Duran & Hermida Arquitectos Cortesía de Duran & Hermida Arquitectos Cortesía de Duran & Hermida Arquitectos + 16

  • Arquitetos

    Javier Durán, María Augusta Hermida
  • Localização

  • Colaboradores

    Juan Fernando León, Ana Llerena, José Delgado, Edison Castillo
  • Ano Projecto

    2011
Cortesía de Duran & Hermida Arquitectos
Cortesía de Duran & Hermida Arquitectos

Descrição enviada pela equipe de projeto. O conjunto está localizado no Vale tropical de Yunguilla, a 60Km da cidade de Cuenca. Historicamente esta zona foi conhecida pelos seus cultivos de cana de açucar que, no entanto, actuamente está destinado a fazendas de férias e a cultivos menores.

Cortesía de Duran & Hermida Arquitectos
Cortesía de Duran & Hermida Arquitectos

No terreno onde se localizam as casas permaneceu virgem até ao início da obra. Por isso, ao começar a intervenção encontrámos no bosque belas árvores de Faique que cresciam livremente. A população do vale tradicionalmente cortavam estas árvores por não darem frutos e porque nos ramos cresciam espinhos até 10 cm. Considerou-se que estas árvores caracterizavam a paisagem e a própria intervenção arquitetônica. O bosque de Faiques foi respeitado; e a sua presença dá nome ao conjunto. Optamos por implantar as casas na parte mais alta da colina, para desfrutar da melhor vista sobre o Vale. Cada casa se desfragmenta em dois volumes, de modo a respeitar a topografia e se manter a maioria do arvoredo. 

Cortesía de Duran & Hermida Arquitectos
Cortesía de Duran & Hermida Arquitectos

Os volumes são simples mas intensos, precisamente para dar protagonismo ao bosque e construir com eles a paisagem; em última instância, para construir com a sua presença o Lugar. As coberturas são revestidas a verde onde foram colocadas plantas nativas, de modo a gerar sobra e a superfície da cobertura absorva menos calor. Nos exteriores propiciou-se o cultivo de novas árvores da mesma espécie e ainda grama/relva entre elas.

Cortesía de Duran & Hermida Arquitectos
Cortesía de Duran & Hermida Arquitectos

Os maiores volumes são dois planos horizontais entro os quais alguns tabiques não estruturais definem os espaços interiores. As colunas de concreto revestidas a aço cortén suportam estes planos e marcam ritmo na fachada. Este sistema estrutural de coluna e laje liberta os muros exteriores de qualquer função estrutural permitindo a que os espaços interiores possam ser flexíveis. A decisão do sistema construtivo pretende que o espaço interior e exterior se relacionem directa e flexivelmente. As madeiras da área social são móveis de modo a que se possam conseguir duas qualidades de espaço: o primeiro encerrado para proteger o espaço interior dos insetos e das variações climáticas; o segundo abre-se totalmente, integrando o espaço interior na paisagem.

Uma das casas tem os seus muros de concreto revestidos a pedra vermelha da costa do Equador, enquanto que a outra os tem revestidos a micro-cimento branco. Os acabamentos da casa são diferentes de acordo com a personalidade, interesses, valores, gostos e usos dos seus proprietários. O terreno tem uma área de 3 hectares mas as casas só ocupam uma zona parcial do terreno. O maior volume de cada casa tem uma área de 156m2, enquanto que o volume menor 54m2. O primeiro dá lugar à área social, à cozinha e ao quarto principal, enquanto que no outro estão os dois quartos adicionais.

Cortesía de Duran & Hermida Arquitectos
Cortesía de Duran & Hermida Arquitectos

Procurou-se criar espaços abertos e contínuos dando uma sensação de infinito onde nem o espaço interior nem o exterior têm limites. As duas casa têm a sua dinâmica principal voltada ao exterior; no entanto, uma abre-se para a paisagem, enquanto que a segunda está imersa no bosque criando espaços mais íntimos e introvertidos. Os espaços de entrada são fundamentais pois convertem os espaços intermédios que permitem a relação direta interior/exterior. O espaço protagonista da casa é o espaço central aberto, que cumpre a função de área social, pois atinge uma relação íntima com o exterior, o natural, o orgânico.

Planta
Planta

Ver a galeria completa

Sobre este escritório
Duran & Hermida Arquitectos
Escritório
Cita: "Los Faiques / Duran & Hermida Arquitectos" [Los Faiques / Duran & Hermida Arquitectos] 04 Jan 2013. ArchDaily Brasil. (Trad. Alves, Jorge) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/90032/los-faiques-slash-duran-and-hermida-arquitectos> ISSN 0719-8906