O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. México
  5. Miguel Angel Aragonés
  6. 2011
  7. La Palma / Miguel Angel Aragonés

La Palma / Miguel Angel Aragonés

  • 16:00 - 7 Dezembro, 2012
  • Traduzido por Gica Fernandes
La Palma / Miguel Angel Aragonés
La Palma / Miguel Angel Aragonés, © Joe Fletcher
© Joe Fletcher

© Joe Fletcher         © Joe Fletcher         © Joe Fletcher         © Joe Fletcher         + 23

© Joe Fletcher
© Joe Fletcher

Descrição enviada pela equipe de projeto. México é um território guardado pelo sol. Como não aproveitar, então, esse patrimônio e fazer dele o protagonista, cúmplice do espaço arquitetônico? Como não permitir que nos interiores mexicanos habite sua poderosa presença? Como não utilizar a luz natural para gerar atmosferas e sensações? O sol é para o arquiteto o que a bússola é para o marinheiro; é o ponto de partida, é o princípio orientador de todo o projeto. Quando vês um terreno, o primeiro que se tem que averiguar é por onde nasce o sol e onde ele se põe, por onde se quer que entre durante o verão e por onde entra no inverno. Tem que saber pegar o sol, o manipular, o seduzir, guardar sua luz, não deixar que disperse, qualificá-lo para os interiores. Esta habilidade – a arte de conter luz – converte o arquiteto no tradutor, um tipo de alquimista. A latitude – assim como na navegação – é o marco de referência da arquitetura.

© Joe Fletcher
© Joe Fletcher

Na Cidade do México, por exemplo, a casa se aquece voltada para o sul:  a luz contínua, intensa, luz que dura todo o sol. A luz do sol poente, por sua vez, tem outra cor e outra duração. Sem lugar para dúvidas, a latitude colore o mundo. A latitude e uma de suas consequências, o clima, são fatores geradores de costumes, de características culturais, de cosmogonias. A luz é uma constante. Quando se distorce, quando se modifica em sua frequência ou em seu comprimento de onda, alcança-se diferentes cores e tonalidades: luz amarela, azul, branca. Então o arquiteto desenha, pinta com luz; a rouba do amanhecer ou do entardecer e permite que irrompa nos espaços, que se reflita nas paredes como se estas fossem telas.

© Joe Fletcher
© Joe Fletcher

Um dos aspectos mais notáveis do trabalho de Luis Barragán está no manejo cuidadoso da luz. Muitos arquitetos mexicanos contemporâneos fizeram dela uma ferramenta indispensável, percorreram este caminho e recriaram essa Escola. A luz também pode nos resultar um enigma, pois nela há muito mais do que aquilo que nos damos conta. Entendê-la implica destrinchar os conceitos de espaço e tempo. Este último é fundamental na arquitetura, pois o ‘destempo’, seu oposto, é o plano; o equivalente a um gráfico bidimensional, uma visão estática do espaço. É a parte conceitual que diz em linhas o que o arquiteto quer fazer: sua ideia, seu projeto. O único que dá vida a esse plano no espaço é o tempo. A arquitetura é movimento. Cada espaço é parecido com uma nota musical, e a sequência dessas notas se traduz em ritmo.

Courtesy of Miguel Angel Aragonés
Courtesy of Miguel Angel Aragonés
Cita: "La Palma / Miguel Angel Aragonés" [La Palma / Miguel Angel Aragonés] 07 Dez 2012. ArchDaily Brasil. (Trad. Fernandes, Gica) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/84821/la-palma-slash-miguel-angel-aragones> ISSN 0719-8906