O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Restaurante + Casa de Chá / Francisco Portugal e Gomes

Restaurante + Casa de Chá / Francisco Portugal e Gomes

Restaurante + Casa de Chá / Francisco Portugal e Gomes
Restaurante + Casa de Chá / Francisco Portugal e Gomes  , © Fernando Gabriel
© Fernando Gabriel

Croquis

Esta obra está localizada nas Antas, no lado sul, com vista para o Vale de Campanhã. Estudos demonstram que neste lugar existiam monumentos funerários megalíticos (dólmenes), no entanto esta é uma área da cidade de Porto que sofreu com sucessivas transformações nas últimas décadas, como por exemplo, a construção do novo Estádio do Dragão (1999-2003) e a construção do cruzamento das rodovias da Via de Cintura Interna / Antas, que foi produzido nos anos 80.

© Fernando Gabriel

O “espírito do lugar” leva em conta a difícil união entre a memória recente e a ancestral: a primeira, relacionada com o jogo (banco natural, frente a um campo onde se produzem os eventos esportivos), e a segunda, que se refere à evocação dos dólmenes megalíticos que faltam (criado através do acesso à galeria, a câmara e a laje de cobertura em equilíbrio, apoiada sobre suportes verticais).

© Fernando Gabriel

De esta “delicada” união, nasceu a intervenção no lote, que, ainda depende da rua, se manifesta principalmente na relação que busca estabelecer com o interior do bloco, onde a luz branca é a melhor, a vegetação é variada e se encontram os jardins das casas. Desde estes, pode-se ver a paisagem cortada por uma escada para o vazio, numa linha diagonal, que anima todo o jardim e o movimento no espaço exterior.

© Fernando Gabriel

Neste contexto, e em relação com a discrepância introduzida com o programa, tentou-se respeitar a tranquilidade interna do bloco e evocar a memória atual e a memória espiritual ancestral.

© Fernando Gabriel

Num propósito inicial de uma restauração funcional da totalidade do lote, a obra inclui a reabilitação e a ampliação de uma construção urbana de dois níveis, construída na primeira metade do século XX, assim como o reordenamento da paisagem do jardim.

© Fernando Gabriel

O interior do edifício existente, no térreo, foi renovado por um restaurante e uma parcela onde havia uma dependência adjunta demolida por completo, se projetou um novo edifício para uma Casa de Chá.

Planta pavimento térreo

Desde o desnível existente, o que equivale a um piso, se criaram dois vínculos, entre a área coberta e o espaço exterior, uma no exterior, através do pátio, e outra interior, através de uma galeria coberta no subsolo, onde existe um jardim rodeado por um cercado de bambu.

Modelo

A área de transporte se ajustou à ampliação do edifício existente, tem uma escada interior que garante a abundante luz na galeria do subsolo, a articulação funcional e espacial entra os dois pavimentos.

Cortes 01

O novo edifício da Casa de Chá, projetado com um dispositivo de concreto branco e preto de Valongo, propõe a evocação tanto da memória dos antepassados “dólmenes”, como o “branco” para o grande jogo, o que se manifesta na cobertura de equilíbrio através da luz. Este dispositivo é formalmente convertido numa pérgola de sombra que se reproduz no vidro e, junto com a estrutura do edifício da casa de chá, preenche o vazio das volumetrias inferiores, minimiza o impacto dos maiores edifícios vizinhos, criando um ambiente protegido, o que favorece a quietude e a contemplação.

Ficha técnica:

  • Arquitetos:Francisco Portugal e Gomes
  • Ano: 2009
  • Área construída: 281 m²
  • Endereço: Antas Porto Portugal
  • Tipo de projeto: Bares e Restaurantes
  • Status:Construído
  • Materialidade: Concreto e Vidro
  • Localização: Antas, Porto, Portugal

Equipe:

  1. Arquiteto: Francisco Portugal e Gomes
  2. Colaboradores: Fernando Gabriel, Jorge Garcia Pereira
  3. Estrutura e Fundações: A400-Projectistas e Consultores de Engenharia Civil, Lda
  4. Instalações de Águas: A400-Projectistas e Consultores de Engenharia Civil, Lda
  5. Instalações Mecânicas: GET- Gestão de Energia Térmica, Lda
  6. Instalações e Comunicações Elétricas: MEGAVAR – Engenharia, Lda
  7. Fotografias: Fernando Gabriel

 

Orçamento: 298,000 €

Sobre este escritório
Francisco Portugal e Gomes
Escritório
Cita: Victor Delaqua. "Restaurante + Casa de Chá / Francisco Portugal e Gomes " 13 Nov 2012. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/80217/restaurante-mais-casa-de-cha-francisco-portugal-e-gomes> ISSN 0719-8906